Guia da Semana

Comédia na mesa do bar

Bares integram apresentações teatrais às suas programações para aumentar a clientela

Getty Image
Levante a mão quem nunca ficou em dúvida na hora de decidir o programa de final de semana com os amigos? Escolher entre um barzinho legal ou um programa cultural?

Atentos a isso, donos de bares em São Paulo decidiram inovar e atender a vontade do público. Uniram a tradicional "loira gelada" com muita risada e cultura. A idéia funciona assim: enquanto o cliente se delicia com driques e petiscos, pode conferir um espetáculo com atores e comediantes, em geral, no formato Stand-Up. Esse gênero, também conhecido como humor de cara limpa, é a apresentação do artista munido apenas de um microfone onde satiriza, com muito humor, o cotidiano. O comediante não conta com personagem, fantasia ou acessórios, o que facilita, já que não existe espaço suficiente para cenários, por exemplo.

"Essa idéia é genial. Adoro ir ao teatro e sair para beber. Juntar as duas coisas em um só lugar é perfeito", comemora Carina Costa, freqüentadora do Mr. Blues, bar no Itaim Bibi onde o grupo Confraria da Comédia se apresenta todos os domingos, às 21h. Já para Alexandre Pires, os espetáculos são uma forma de quebrar a rotina. "Não costumo ir ao teatro, mas essa idéia é muito boa. Já estava cansado de lugares onde a única opção de diversão eram as músicas ao vivo".

Para os atores, essa experiência também é inovadora. "No teatro, o pessoal que freqüenta é mais de família. No bar tem todo tipo de figura: bêbado, gente falando alto, garçom passando. É muito mais divertido", comenta Aramyz ator integrante da Confraria da Comédia. Já para Marcelo Baptista, do Stand-Up in Concert, que se apresenta no Pueblo Bar na Vila Olímpia, domingos às 20h, o local proporciona uma melhor afinidade com a platéia. "Apesar do teatro ter maior espaço e estrutura para uma boa apresentação, o bar traz uma situação que nenhum outro local oferece como, mais intimidade entre os atores e o público, deixando a apresentação bem mais intimista e descontraída". O grupo Comédia ao Vivo, que se apresenta no Ao Vivo Music Groove de segunda às 22h, encara os bares como um laboratório. "A gente experimenta a piada, testa e trabalha novos materiais. O bar é um ambiente mais descontraído, mais descompromissado, por isso dá pra tentar coisas novas sem muita pressão, o público está com os amigos, se divertindo, bebendo."

divulgação
Grupo Confraria da Comédia
Os atores defendem que ter o público mais próximo e participando com mais vigor é uma grande vantagem. "As pessoas sentem-se bem ao assistir a um espetáculo nessas condições. Elas podem levantar para ir ao banheiro, tomar uma cerveja em quanto assiste à peça" explica Baptista.

Não é somente o público que está dando risada, os proprietários comemoram o faturamento do novo investimento. Eles afirmam que em média, a procura pelas casas aumentou de 10 a 50%. Para Thiago Armentano, Christian Montgomery, Pedro Signorelli e Giuliano Farina, proprietários do Seu Justino, na Vila Olímpia, onde o grupo Justa Terça se apresenta, a grande vantagem é oferecer um serviço diferenciado. "As apresentações acontecem no deque lateral, ao ar livre, em um ambiente arborizado, onde o cliente pode ao mesmo tempo em que se diverte com os atores, degustar ótimos drinques e petiscos", afirmam. "O paulistano está aberto a programas culturais, independente da idéia", finaliza Edu Perez, dono do Pueblo Bar.

Serviço:
Confraria da Comédia, no Mr. Blues bar.
Horário: Domingos às 21h.
Reco: R$ 15,00

Stand-Up in Concert no Pueblo Bar.
Horário: Domingo às 20h.
Preço: R$ 20,00.

Justa Terça no Seu Justino.
Horário: Terça às 22h.
Preço: R$ 20,00.

Comédia Ao Vivo no Ao Vivo Music Groove.
Horário: segunda às 22h.
Preço: R$ 20,00.

Deznecessários no Pueblo Bar.
Horário: Quarta e quinta às 22h30.
Preço: R$ 40,00.

Clube da Comédia no Bleecker St. Live Music Club.
Horário: Segunda, 21h; domingo, 18h e 21h.
Preço: R$ 20,00 e R$ 25,00

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA

6 motivos para visitar a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano em SP (e nem perceber que está na capital)

Local une arte, cultura, lazer, arquitetura e natureza, fazendo com que o visitante esqueça que está em SP

13 grafites em SP que todo mundo que ama arte deveria ver pessoalmente

Confira obras espalhadas pela cidade que merecem sua atenção

Na Semana da Criança, uma selfie vale um passaporte nos museus de SP; entenda

Para participar, é só postar foto com uma criança no Facebook com a hashtag #MuseusSP e apresentar na bilheteria da Pinacoteca, Casa das Rosas ou do Museu da Imigração

Unibes Cultural oferece programação especial e gratuita para o mês das crianças

Evento acontece até dia 31 de outubro e comemora o Mês das Crianças