Guia da Semana

Fotos viscerais retratam o mal urbano

Publicação: quarta, 01 de setembro de 2010

A partir desta quarta-feira, 1º, o Museu da Imagem e do Som expõe mais de 40 imagens clicadas desde 1970 por Miguel Rio Branco. A mostra Maldicidades - Marco Zero apresenta a temática que delineou a carreira do fotógrafo, que costuma retratar detritos urbanos, periferias, prostitutas e população marginalizada.

 

Em uma das fotos que compõem a instalação, é mostrado um homem em uma favela na cidade de Lima, no Peru, segurando um jornal com a manchete "Murió el cuerpo" (o corpo morreu). O trabalho de Rio Branco tem caráter orgânico, com prioridade à carne, ao sangue e às vísceras.

 

Serviço


Endereço
: Avenida Europa, 158.

Horário: De terça a sábado, das 12h às 19h; Domingos e feriados, das 11h às 18h.

Preço: R$ 4,00 (grátis aos domingos).

Mais informações: (11) 2117-4777.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA

6 motivos para visitar a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano em SP (e nem perceber que está na capital)

Local une arte, cultura, lazer, arquitetura e natureza, fazendo com que o visitante esqueça que está em SP

13 grafites em SP que todo mundo que ama arte deveria ver pessoalmente

Confira obras espalhadas pela cidade que merecem sua atenção

Na Semana da Criança, uma selfie vale um passaporte nos museus de SP; entenda

Para participar, é só postar foto com uma criança no Facebook com a hashtag #MuseusSP e apresentar na bilheteria da Pinacoteca, Casa das Rosas ou do Museu da Imigração

Unibes Cultural oferece programação especial e gratuita para o mês das crianças

Evento acontece até dia 31 de outubro e comemora o Mês das Crianças