Guia da Semana

Negócio da China

A nova novela das seis, de Miguel Falabella, promete humor e aventura

Foto: Rede Globo/ Fabrício Mota

Miguel Falabella é conhecido por sua veia cômica e isso não se reflete apenas nos papéis que interpreta na TV ou no teatro, seus textos também são cheios de humor e romance. Prova disso são as novelas A Lua Me Disse! e Salsa e Merengue, que escreveu anos atrás e promete repetir a dose em Negócio da China.

A trama se passa nos dias de hoje, em um bairro carioca tipicamente suburbano. O autor lança mão de romantismo e ação, com cenas de kung fu e uma grande caça ao tesouro, que tem início a partir de um roubo bilionário na China. Falabella também trata das relações entre os personagens, numa mistura amor e ódio. A paternidade também será um tema muito abordado durante as cenas do folhetim. "Acho que esta é uma novela em que várias pessoas estão em busca de seus verdadeiros pais. Por outro lado, vamos encontrar vários exemplos de mulheres fortes, que tiveram que tomar as rédeas da própria vida", explica o autor.

Falabella contou com direção de núcleo de Roberto Talma, direção geral de Mauro Mendonça Filho, Flavia Lacerda e Tande Bressane, que garantem que a novela vai mexer com o destino de seus personagens, fazendo com que o telespectador assista a uma históra leve e colorida, com toques de amor e aventura. Os pontos que falam principalmente dos relacionamentos pessoais entre homens e mulheres e pais e filhos, estão sendo trabalhados com irreverência.

A mocinha e o mocinho

Os personagens principais são Heitor (Fabio Assunção) e Lívia (Grazi Massafera), que se casaram muito jovens por conta de uma gravidez não planejada. Apesar de se amarem, o relacionamento se desfez ao longo do tempo, graças à implicância e ciúme de Luli Maria (Eliana Rocha) e a imaturidade do moço. Depois da decepção amorosa, Lívia tenta recomeçar a vida em Portugal, para aproveitar uma oferta de trabalho bastante atraente. Mas os planos não dão certo. Com saudade do filho - que ficou no Brasil com sua mãe, Suzete (Yoná Magalhães) -, Lívia decide voltar para o Rio de Janeiro. Porém, a caminho de casa a bela conhece João (Ricardo Pereira), um português que vai balançar o seu coração.

Imigração

No fictício bairro suburbano carioca Parque das Nações vive a família lusitana Moreira, dona da padaria Panificação Nossa Senhora Desatadora dos Nós. A academia de kung fu Terra do Meio, o armarinho A Rosa Graxa e o decadente restaurante mexicano El Chaparrito também estão localizados nesta região.

O Parque das Nações vai ser palco de cenas hilárias entre os vários personagens que habitam as redondezas, entre eles as três amigas inseparáveis Lausane (Josie Antello), Aldira (Débora Olivieri) e Lucivone (Maria Gladys), que costumam se vestir iguais. Divertidas, alegres, espontâneas e coloridas, elas fazem parte do núcleo cômico da novela, que conta com o reforço de Isidoro (Nil Neves), funcionário da Panificadora Nossa Senhora Desatadora dos Nós e muitíssimo amigo de Aldira.

Conheça alguns personagens:

Foto: Rede Globo/
Renato Rocha Miranda
Fabio Assunção (Heitor) - Ex-marido de Lívia (Grazi Massafera), ainda é apaixonado por ela. Filho de uma mãe superprotetora, Luli Maria (Eliana Rocha), Heitor nunca conseguiu ser um homem independente. Apesar de saber que seu maior objetivo é voltar a viver com a ex-mulher e o filho Théo (Eike Duarte), sempre foi incapaz de enfrentar a mãe e a sogra, Suzete (Yoná Magalhães)


Foto: Rede Globo/
Renato Rocha Miranda
Grazi Massafera (Lívia) - Batalhadora, forte e corajosa. É uma jovem mulher de 27 anos, mãe de Théo (Eike Duarte) e ex-mulher de Heitor. Ficou casada 11 anos com seu grande amor, mas os planos de construir uma família feliz não deram certo. A sogra Luli Maria (Eliana Rocha) não passou um dia sequer sem tentar destruir o relacionamento dos dois.


Foto: Rede Globo/
Fabrício Mota
Yoná Magalhães (Suzete) - A mãe de Lívia é ela que cuida do neto, Théo (Eike Duarte), até a volta da filha. Suzete tem temperamento forte e explosivo, por outro lado, esta cinqüentona é muito engraçada e popular. É quase uma "faz-tudo" do bairro. Ela aprendeu desde cedo a levar a vida com trabalho, boa vontade e imaginação e fez disso o seu lema.


Foto: Rede Globo/
Fabrício Mota
Eike Duarte (Théo) - Filho do casal Lívia e Heitor, Théo é um menino de 11 anos superinteligente, que adora tudo o que diz respeito à informática. Sonha em voltar a viver com seus pais, mas entende que isso vai depender do acerto de conta dos dois. O garoto enfrentará uma séria doença.


Foto: Rede Globo/
Zé Roberto Cardeal
Eliana Rocha (Lulli Maria) - Mãe de Heitor e Heraldinho (Raoni Carneiro), ela trata Heitor como se ainda fosse uma criança e nunca conseguiu aceitar o romance do filho com Lívia. Dura na queda, tem um gosto por homens mais jovens. Ela tem uma paixão secreta por Zé Boné (Frederico Reuter), o garçom do El Chaparrito.


Foto: Rede Globo/
Fabrício Mota
Natália do Vale (Julia) - Mãe de Diego (Thiago Fragoso) precisará contar para o filho que seu pai é desconhecido, porque fez uma inseminação artificial pois seu marido era estéril. Amorosa e dedicada ao trabalho e à família, Júlia tem uma relação conflituosa com a irmã, Denise (Luciana Braga).


Foto: Rede Globo/
Frederico Rozario
Luciana Braga (Denise) - A irmã mais nova de Júlia é uma mulher amargurada e que, por conta da inveja, não consegue ter um bom relacionamento em família. Mantém um romance com Mauro (Oscar Magrini), que é casado. Ela se contenta com os poucos momentos que passa ao lado de Mauro, mas não está feliz com esta vida.


Foto: Rede Globo/
Frederico Rozario
Thiago Fragoso (Diego) - O jovem advogado, ao perder o pai, descobre que não era seu filho biológico. Não se revolta com a revelação, mas decide sair em busca de seu verdadeiro progenitor, a fim de se conhecer melhor. Namora Celeste (Juliana Didone), com quem mantém um relacionamento apaixonado e feliz.


Foto: Rede Globo/
Fabrício Mota
Ricardo Pereira (João) - Imigrante português vem ao Brasil em busca de uma boa oportunidade de trabalho. Se apaixona por Lívia, mas terá de enfrentar Heitor. Tem o espírito livre, é trabalhador e esforçado e se tornará um grande amigo de vários moradores do Parque das Nações.



Foto: Rede Globo/
Zé Paulo Cardeal
Juliana Didone (Celeste) - Filha de portugueses, é apaixonada por Diego, seu primeiro e único namorado. Quando ele vai para São Paulo, o relacionamento começa a sofrer as primeiras turbulências. Não deixará passar a oportunidade de se tornar modelo, pois acredita ser o passaporte para a saída da casa da família.


Foto: Rede Globo/
Frederico Rozario
Fernanda Freitas (Antonella) A advogada é filha de Mauro (Oscar Magrini) e Joelma (Vera Zimmermann) e não concorda com os métodos de sua mãe para manter a riqueza da família e o casamento com seu pai. Conhecerá Diego e se encantará pelo rapaz, tornando-se sua grande parceira na busca pelo verdadeiro pai.


Foto: Rede Globo/
João Miguel Junior
Oscar Magrini (Mauro) - Casado e tem uma filha, de quem muito se orgulha. Mauro é um homem bonito e muito seguro de si. Mesmo com a marcação cerrada da mulher, consegue dar umas escapadas e manter um relacionamento amoroso com a carioca Denise (Luciana Braga).



Foto: Rede Globo/
João Miguel Júnior
Ney Latorraca (Edmar) - Alegre e bem-humorado, Edmar apaixonou-se por Maralanis (Leona Cavalli) à primeira vista. Ele ama a menina Flor de Lys (Bruna Marquezine) como se fosse sua filha. Passa três anos seqüestrado pelas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) mas volta para casa.



Foto: Rede Globo/
Fabrício Mota
Leona Cavalli (Maralanis) - Tornou-se dona e vedete do El Chaparrito depois do desaparecimento de seu marido. Extremamente vaidosa e louca para viver nos palcos como cantora, não consegue enxergar que seus shows são ultrapassados e medíocres e que isso compromete o sucesso dos negócios.



Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA

6 motivos para visitar a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano em SP (e nem perceber que está na capital)

Local une arte, cultura, lazer, arquitetura e natureza, fazendo com que o visitante esqueça que está em SP

13 grafites em SP que todo mundo que ama arte deveria ver pessoalmente

Confira obras espalhadas pela cidade que merecem sua atenção

Na Semana da Criança, uma selfie vale um passaporte nos museus de SP; entenda

Para participar, é só postar foto com uma criança no Facebook com a hashtag #MuseusSP e apresentar na bilheteria da Pinacoteca, Casa das Rosas ou do Museu da Imigração

Unibes Cultural oferece programação especial e gratuita para o mês das crianças

Evento acontece até dia 31 de outubro e comemora o Mês das Crianças