Guia da Semana

Nem só para mulheres

Embora aborde o mundo feminino, a peça "Ensaio Para Inverno" questiona a posição de ambos os sexos

Por Douglas Brito




Com o objetivo de montar um espetáculo sobre mulheres, Eliane Sombrio e Einat Falbel - companheiras de trabalho e antigas amigas - foram atrás de diversos textos e livros, até encontrar o conto A Mulher Desiludida, da francesa Simone de Beauvoir. Para montar algo mais atual convidaram o dramaturgo Tony Giusti e após uma ano e meio de ajustes e adaptações apresentam a peça Ensaio Para Inverno, que estréia em São Paulo nesta sexta, 29 de julho, no Teatro Augusta.

A idéia de falar sobre o mundo feminino veio por uma necessidade pessoal e próprios comentários com as amigas. "Foi uma necessidade meio nossa com essa questão de relacionamento. São coisas atuais que todo mundo comenta. Muitas amigas falam, conversam e discutem sobre isso.", explica Eliane.

Escrito em 1968, o conto de Simone de Beauvoir apresenta uma mulher diante da confissão de traição do marido. E mesmo inspirado nesta história, Eliane garante que muitas mudanças foram feitas no modelo original. "O texto foi nosso ponto de partida. A estrutura da montagem é do conto francês, mas trazemos para os dias de hoje, onde a mulher é mais evoluída.", diz.

Como o assunto é comum a muitas mulheres, a identificação é bem mais clara, embora os homens também se envolvam muito na peça. "Um amigo veio falar depois da peça que até via com outros olhos os problemas no seu casamento. Porque muitos homens não sabem como lidar com mulheres", fala Eliane. E a atriz já adianta que a apresentação não serve como fim dos problemas de ninguém, mas talvez como uma nova visão. "Não damos a resposta ou solução. Fazemos um questionamento com o nosso ponto de vista e cada um tira o que entender da peça", relata.

E com uma expectativa bem positiva da temporada da peça na cidade, Eliane mostra com uma fala da personagem o que o público encontra no palco. "Tenho em mim um questionamento que não objetiva a união de duas metades e sim, a aproximação de dois inteiros", conclui.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA

6 motivos para visitar a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano em SP (e nem perceber que está na capital)

Local une arte, cultura, lazer, arquitetura e natureza, fazendo com que o visitante esqueça que está em SP

13 grafites em SP que todo mundo que ama arte deveria ver pessoalmente

Confira obras espalhadas pela cidade que merecem sua atenção

Na Semana da Criança, uma selfie vale um passaporte nos museus de SP; entenda

Para participar, é só postar foto com uma criança no Facebook com a hashtag #MuseusSP e apresentar na bilheteria da Pinacoteca, Casa das Rosas ou do Museu da Imigração

Unibes Cultural oferece programação especial e gratuita para o mês das crianças

Evento acontece até dia 31 de outubro e comemora o Mês das Crianças