Guia da Semana

Romances e dramas em 2010

Paixão nacional do brasileiro, as novelas ganham a cada ano uma nova roupagem e conquistam adeptos no país. Saiba o que vem por aí no próximo ano

Entre histórias de amor, personagens marcantes, lugares exóticos e assuntos polêmicos, as novelas brasileiras ganham cada vez mais destaque e público. Não precisa ser considerado noveleiro para já ter passado os olhos pela telinha e assistido alguma cena ou conhecer o nome de um dos personagens centrais de uma trama. Algumas têm como simples objetivo divertir; outras despertar um senso crítico. No fim o que o público quer mesmo é emoção. Desde papéis que causam comoção, até outros que geram polêmicas, o telespectador adquire simpatia - ou não - com as figuras vividas nas TV e fazem o folhetim crescer.

Como exemplo do sucesso das produções brazucas, Caminho das Índias da autora Glória Perez, exibida pela TV Globo entre 19 de janeiro e 14 de setembro de 2009, acaba de ser premiada como a melhor novela do 37º International Emmy Awards entregue em Nova York, considerado o mais importante no mercado de televisão mundial. Para se ter uma ideia, hoje, as tramas nacionais são exportadas para mais de 120 países e o Brasil é o segundo maior produtor e exportador de novelas e só perde em número de produções para o México, que chega a fazer 16 folhetins ao ano, enquanto a maior empresa brasileira do gênero, a Rede Globo, produz seis telenovelas no mesmo período.

Confira as novidades já confirmadas das emissoras para 2010.

No mesmo nível

Foto: TV Globo/Zé Paulo Cardeal

Fernanda Vasconcelos gravando cenas para Tempos Modernos

Com a intenção de manter o sucesso e principalmente a audiência de Caras & Bocas - com média superior a 30 pontos -, em 11 de janeiro a Globo exibe Tempos Modernos. Escrita por Bosco Brasil, com supervisão de texto de Aguinaldo Silva e direção artística de José Luiz Villamarim, a trama irá mostrar a revolução tecnológica sem deixar de lado as relações humanas e explorar as mais diversas formas de amor entre pai e filha, irmãos, homem e mulher, amigos, etc.

Como protagonistas, pai e filha, Leal (Antônio Fagundes) e Nelinha (Fernanda Vasconcellos), fazem parte do elenco Eliane Giardini, Priscila Fantin, Guilherme Weber, Grazi Massafera, Viviane Pasmanter, Alessandra Maestrini, Regiane Alves, Thiago Rodrigues, Felipe Camargo, e outros.

A trama será vivida no centro da cidade de São Paulo em um prédio inteligente protegido por câmeras de segurança batizado de Titã e construído por um empresário. Nele ficará um computador que controla o edifício e mexe com a vida dos personagens. Um dos temperos do folhetim é o humor sem deixar de lado as variantes da paixão. Além disso, a novela promete disputas amorosas vividas por personagens de todas as idades e trapaças com tom de comédia.

Horário nobre

Foto: TV Globo/Márcio de Souza

Reynaldo Gianecchini se prepara para viver seu primeiro vilão na TV

Carro chefe e considerada uma das vitrines do canal, a novela das oito é tradição para os brasileiros. Com estreia prevista entre abril e maio de 2010, a próxima atração no horário que hoje é ocupado por Viver a Vida é Passione, de Silvio de Abreu.

A emissora ainda não revela detalhes da novela, mas ao que tudo indica, a trama irá girar em torno de uma rica família paulistana onde a mãe será vivida por Fernanda Montenegro.  Como em toda boa trama, a família será alvo de armações feitas por Mariana Ximenes e Reynaldo Gianecchini, ambos na pele de seus primeiros vilões na teledramaturgia.

O projeto deverá ser dividido em duas fases. A primeira na região da Toscana, na Itália e a segunda no Brasil. No elenco, além dos já citados, nomes de peso como Tony Ramos e Cleyde Yáconis, além de Rodrigo Lombardi, Marcelo Antony, Sergio Brito, Leandra Leal, Cauã Reymond, Aracy Balabanian e Marcelo Médici marcam presença. As gravações estão previstas para dia 6 de janeiro.

Nova Aposta

Foto: Reprodução

Depois de anos na Globo, Betty Faria é a nova estrela do SBT

Considerada uma das grandes aposta do SBT, a novela Uma Rosa com Amor, de Tiago Santiago, está a todo vapor. Depois de duas novelas da esposa do Homem do Baú, Íris Abravanel, que amargou a marca de 5 pontos no Ibope, Silvio Santos conseguiu do novelista Vicente Sesso os direitos da comédia cotidiana, já exibida pela Globo na década de 70. Com estreia marcada para fevereiro, Uma Rosa com Amor conta a história de um cortiço prestes a ser demolido no bairro do Bexiga, em São Paulo, onde a atriz Betty Faria viverá Amália Petroni, umatípica italiana de sotaque carregado.

O "Patrão" dessa vez quer angariar espectadores apostando em rostos conhecidos do grande público. Além Betty Faria, a protagonista será Jussara Freire, figura carimbada da Globo, que interpretará Serafina Rosa, papel vivido por Marília Pêra na versão original. Na trama ela será secretária de uma grande empresa que cansada das piadinhas dos colegas de escritório, apaixonada pelo patrão, ela finge ter um admirador secreto e envia, diariamente, uma rosa para si mesma. Além do elenco, que reúne também Carla Marins, Luciana Vendramini, Tony Garrido, Mônica Carvalho e Isadora Ribeiro, Silvio aposta no talento do novelista Tiago Santiago - que concedeu entrevista ao Guia da Semana - para encabeçar a trama e levar a emissora ao topo da audiência. 

Natureza em foco

Foto: Munir Chatack

Taumaturgo, Liliana, Edgar Miranda e Flavia Monteiro nas gravações de Ribeirão do tempo

O projeto Ribeirão do Tempo substituirá Poder Paralelo a partir de fevereiro de 2010 na Rede Record e será gravada nos estúdios da Record no Rio de Janeiro. A ficção terá cenas filmadas na cidade paulista de Brotas. A trama se passará em uma pequena cidade que vive uma grande mudança com a chegada de um novo empreendimento na região, um resort. Para esquentar ainda mais a história, acontecerá uma série de assassinatos que se revelarão conectados a uma conspiração política. Escrita por Marcílio Moraes, mesmo autor de Vidas Opostas, o público irá acompanhar diversas histórias de personagens da cidade fictícia Ribeirão do Tempo e se deparará com temas como democracia, ditadura e preservação do meio ambiente, além dos clássicos romances, dramas, aventuras e mistérios de novelas.

O elenco está praticamente fechado e marca o retorno de Bianca Rinaldi como protagonista. A atriz viverá a empresária Arminda, que vai parar na cidade e é responsável pela construção do resort. Além dela, Caio Junqueira viverá Joça, o outro protagonista da trama, que fará um curso de detetive para desvendar os crimes misteriosos que acontecem na cidade. O elenco conta ainda com Ângelo Paes Leme, Juliana Baroni - recém contratada da emissora-, Taumaturgo Ferreira, Flávia Monteiro e Liliana Castro, Patrycia Travassos, Solange Couto, Mônica Torres e marca a vinda do ex-global Rodrigo Phavanello, que deixará a veia cômica romântica de lado para dar vida a um piloto de avião.

Séries
Record

A emissora decidiu mesmo entrar com tudo no ramo da dramaturgia. Além da novela Ribeirão do Tempo, o canal está em fase de produção do seriado A História de Ester. Escrita por Yves Dumont. A trama já foi produzida pelo canal em 1998 e recebe agora uma nova adaptação da história. Para compor as cenas, um historiador foi especialmente contratado para dar suporte a Vivian de Oliveira, responsável pela nova adaptação. Com estreia prevista para 11 de janeiro, o investimento é grande para os quesitos figurinos de época e efeitos visuais inspirados no filme 300. A minissérie que retrata a Pérsia de 479 a.C, conta ainda com romances fictícios, muita ação e aventuras. Em relação ao custo por capítulo, cada episódio chegará próximo ao de uma novela (média de R$ 200 mil a R$ 300 mil).

Band

Ainda em fase de pré-produção, a Bandeirantes irá investir em um sitcom, após a Copa do Mundo. Serão 26 episódios de meia hora, escritos por Domingos de Oliveira. Em cada capítulo, um casal de protagonistas - ainda não confirmados pela emissora - estará às voltas com os impasses que envolvem a vida a dois. A diferença do enredo está na existência de um segundo casal - anjos, espécie de alter ego dos protagonistas - que ficarão dando palpites na vida dos dois. Gravados em alta definição no Rio de Janeiro, os episódios terão direção do ex-global José Roberto Sanseverino e serão exibidos na faixa das 22h15, em dias da semana ainda sem confirmação. As gravações estão previstas para começarem em março.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA

6 motivos para visitar a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano em SP (e nem perceber que está na capital)

Local une arte, cultura, lazer, arquitetura e natureza, fazendo com que o visitante esqueça que está em SP

13 grafites em SP que todo mundo que ama arte deveria ver pessoalmente

Confira obras espalhadas pela cidade que merecem sua atenção

Na Semana da Criança, uma selfie vale um passaporte nos museus de SP; entenda

Para participar, é só postar foto com uma criança no Facebook com a hashtag #MuseusSP e apresentar na bilheteria da Pinacoteca, Casa das Rosas ou do Museu da Imigração

Unibes Cultural oferece programação especial e gratuita para o mês das crianças

Evento acontece até dia 31 de outubro e comemora o Mês das Crianças