Guia da Semana

Ultraje a Rigor

Confira a história da banda que foi um dos símbolos dos anos 80 no Brasil



Formado durante a década de 80, o Ultraje a Rigor passou por diversas formações provisórias até Roger, Leôspa, Sílvio e Edgard iniciarem as apresentações em bares, casas noturnas e festas, em 1982. Quando Maurício entrou no lugar de Sílvio, a banda gravou o primeiro compacto, Inútil/Mim quer tocar, censurado na época e lançado somente no final de 1983. Nessa época, Edgard fazia parte da banda Ira, ainda sem o ponto de exclamação, e precisou escolher entre os dois grupos, optando pelo grupo de Nasi. Em seu lugar, entrou Carlinhos, para a gravação do segundo compacto com as canções Eu me amo/Rebelde sem causa, em 1984.

A terceira formação do Ultraje gravou o primeiro LP Nós Vamos Invadir Sua Praia, conquistando discos de ouro e platina, em 1985. O segundo trabalho, Sexo!, veio em 1987 e marcou a saída de Carlinhos, que desejava se mudar para Los Angeles e formar sua própria banda. Sérgio Serra veio para as guitarras. Em 1989, o disco Crescendo mostrou a evolução do grupo e também o cansaço pela quantidade de shows realizados durante quatro anos seguidos, sem pausa. No ano seguinte, Por Quê Ultraje a Rigor? foi outro álbum que marcou mais uma saída: a de Maurício, que se mudou para Miami, pois havia se casado com uma americana.

Por causa das constantes mudanças de integrantes, Roger resolveu procurar músicos que desejassem continuar a levar as músicas da banda para as paradas. Depois de muita procura e indicações, Flávio Suete (bateria), Sérgio Petroni (baixo), Heraldo Paarmann (guitarra) e Roger lançaram dois discos: O Mundo Encantado do Ultraje a Rigor e Ah, Se Eu Fosse Homem. O primeiro foi lançado pela gravadora contra a vontade do grupo; já o segundo saiu de forma independente, com canções que falavam sobre as dificuldades dos homens perante aos movimentos feministas.

Depois de novas mudanças nos integrantes, em 2002, Roger chamou Sérgio Serra, da primeira formação para retornar ao Ultraje. Para a bateria, veio Bacalhau, ex-integrante das bandas brasilienses Little Quail & The Mad Birds e Rumbora e, no baixo, Mingau, ex-guitarrista da do Ratos de Porão. O primeiro disco do quarteto foi Os Invisíveis, lançado no mesmo ano. Três anos depois, o Acústico MTV - Ultraje a Rigor trouxe as canções Nós Vamos Invadir Sua Praia, Eu Gosto de Mulher, Ciúmes, Mim Quer Tocar, Independente Futebol Clube, Pelado e outras de sucesso da carreira da banda que soma mais de 30 anos de estrada. Em 2009, gravaram Música Esquisita a Troco de Nada, disponível para download no site ReverbNation e em seu My Space Oficial. Ainda em 2009, Sérgio deixou novamente o grupo, que, no mesmo ano, recrutou o guitarrista Marcos Kleine.

Foto: Divulgação

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA

6 motivos para visitar a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano em SP (e nem perceber que está na capital)

Local une arte, cultura, lazer, arquitetura e natureza, fazendo com que o visitante esqueça que está em SP

13 grafites em SP que todo mundo que ama arte deveria ver pessoalmente

Confira obras espalhadas pela cidade que merecem sua atenção

Na Semana da Criança, uma selfie vale um passaporte nos museus de SP; entenda

Para participar, é só postar foto com uma criança no Facebook com a hashtag #MuseusSP e apresentar na bilheteria da Pinacoteca, Casa das Rosas ou do Museu da Imigração

Unibes Cultural oferece programação especial e gratuita para o mês das crianças

Evento acontece até dia 31 de outubro e comemora o Mês das Crianças