Guia da Semana

10 motivos para assistir a série Sherlock

A série britânica conta as aventuras de Sherlock Holmes no século 21

A série Sherlock, baseada na obra de Sir Arthur Conan Doyle, é produzida pelo canal britânico BBC e estreou em 2010. Ao longo dos anos, fez um enorme sucesso ao redor do mundo e criou uma legião de fãs que aguardam as próximas temporadas ansiosamente.

A série já teve três temporadas, cada uma delas com três capítulos de 90 minutos. A 4ª temporada está prevista para 2016, mas, antes disso, um capítulo especial será lançado no Natal deste ano ainda.

Estrelada pelos atores Bennedict Cumberbatch e Martin Freeman, a série narra as aventuras do detetive particular Sherlock Holmes em Londres, no século XXI.

O Guia da Semana lista 10 motivos para você começar assistir a série ainda hoje:

1. Formato

Um dos grandes diferencias da série é o formato. Temporadas curtas com três episódios longos. Normalmente, as séries dividem a história em muitos capítulos, de maneira que chega a ficar repetitivo. A sensação ao assistir um capítulo de Sherlock é a mesma de ver um filme de longa-metragem, sabendo que terá continuação.

2. Londres

O primeiro motivo que diferencia a série para uma americana é o sotaque fortemente britânico dos atores. Dá um tom diferente para a série e encanta muitas pessoas. A segunda é que a cidade de Londres é muito explorada nos cenários. O espectador vai conhecer muitos pontos turísticos e outros não tão famosos de uma das principais cidades do mundo.

3. Benedict Cumberbatch

O ator, que ficou ainda mais famoso depois de ter sido indicado para o Oscar de Melhor Ator pelo filme "Jogo da Imitação", está impecável na série. Ele é muito fiel ao Sherlock Holmes de Conan Doyle e dificilmente qualquer fã da série vai conseguir ver outro detetive sendo interpretador por outro ator. É impossível não virar fã de Cumberbatch.

4. Moderna

Colocar Sherlock Holmes para viver no século 21 foi uma sacada de gênio dos diretores. É muito divertido para quem já era fã da história ver o detetive ambientado com todas as modernidades da atualidade. Além disso, a série com certeza trouxe mais fãs do que os fiéis aos livros.

5. Adaptação

A adaptação à série de livros criada por Sir Arthur Conan Doyle beira a perfeição. Sherlock Holmes e todos seus trejeitos, manias e loucuras são reproduzidas de maneira incrível. Além disso, os contos dos livros também foram adaptados de uma forma que criaram laços que não existiam antes de uma maneira tão natural.

6. Edição e trilha sonora

A produção dos episódios de Sherlock é realmente impecável. A edição é super diferenciada, com cortes precisos e efeitos na tela que auxiliam a entender os raciocínios e pensamentos de Holmes deixando ainda mais interativa, para que o espectador pense junto do detetive. A trilha sonora também é incrível, com músicas que ficam na cabeça e conseguem passar a sensação desejada do momento, seja de diversão ou suspense.

7. Personagens secundários

Quase todos os personagens secundários da série possuem características marcantes, que cativam o fã da série. O irmão de Holmes, Mycroft, convence com todas suas bizarrices. A senhora Hudson está do jeitinho que deve ser, cheia de delicadezas. Ainda entram em cena Lestrade, Andersen, Molly e Mary, todos com seu jeito único de ganhar destaque e carinho do público.

8. Holmes e Watson

A relação de Sherlock Holmes com John Watson, interpretada pelos atores Benedict Cumberbatch e Martin Freeman, é espetacular. A direção explora muito bem as diferenças de personalidade da dupla e ainda brinca, com bastante humor, sobre uma suposta relação amorosa entre ambos, que irrita demais o auxiliar Watson. A química entre os atores é excelente.

9. Resolução de mistérios

Claro, o principal. Assistir Sherlock é esperar o detetive o resolver os casos mais difícil da polícia com toda sua genialidade, da maneira mais improvável que existe. A série trabalha muito bem as cenas em que Holmes "quebra a cabeça" para desvendar algum mistério. Os episódios ficam repletos de reviravoltas e é sempre difícil acertar um desfecho. É uma série que requer muita atenção do espectador.

10. Jim Moriarty

Como toda grande série ou filme, o vilão precisa ser excelente. E Jim Moriarty, vivido pelo ator Andrew Scott, consegue ser ainda mais do que isso. Moriarty é completamente insano, um dos vilões mais emblemáticos que existem atualmente nas séries. Por mais que os fãs de Sherlock deveriam odiá-lo, é praticamente impossível criar essa sensação de ódio com a atuação de Scott.

Atualizado em 22 Set 2015.

Por Guilherme Schiff
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Ator de “Power Rangers” faz homenagem à Chapecoense durante a CCXP 2016

Elenco do filme participa da terceira edição da feira de cultura pop em São Paulo

Veja os melhores cosplays da Comic Con Experience 2016 (CCXP)

Evento acontece no São Paulo Expo entre 1 e 4 de dezembro

CCXP 2016 surpreende com vídeos exclusivos no segundo dia de evento

Cena de novo “Homem-Aranha” e trailer de “Planeta dos Macacos: A Guerra” foram destaques na sexta-feira

"Jumanji" tem estreia no Brasil adiada para 2018

Anúncio foi feito pela Sony durante a CCXP

Assista à entrevista exclusiva com Fiuk e Sandy sobre a animação "Sing - Quem Canta Seus Males Espanta"

Filme estreia no dia 22 de dezembro nos cinemas

"A Múmia": Remake com Tom Cruise ganha teaser e pôster

Estreia está agendada para junho de 2017