Guia da Semana

Angústia total

Thriller com Hayden Christensen é desesperador. Em vários aspectos

De Los Angeles

Foto: Divulgação

Terror e suspense são dois gêneros que funcionam bem em conjunto há muito tempo no cinema. Sua longevidade, porém, fazem com que roteiristas tentem ao máximo fugir da obviedade e inovar. Como as histórias de fantasmas e gente morta já deram muito o que falar, um dos campos a ser explorados agora é a medicina. O mais recente exemplo dessa faceta é Awake - A Vida por um Fio, que chega aos cinemas nesta semana.

O pesadelo de Awake começa na primeira cena, que demonstra numericamente o número de pessoas que sofrem com uma espécie de consciência mental mesmo depois de serem anestesiadas. A vítima da vez é Clay, multimilionário de bom coração, vivido por Hayden Christensen sofre de problemas cardíacos e vai para a mesa de cirurgia para um transplante. Entretanto, como a premissa diz, ele vai ser uma dessas pessoas que consegue ou e sentir tudo - bisturis e outros instrumentos abrindo seu peito - durante sua operação.

Mas esse pesadelo não se limita apenas ao sofrimento do personagem, que chega a angustiar, justamente pelo fato de poder acontecer com qualquer pessoa. A incidência de tal caso clínico é aleatória. Há algo de errado nesse mundo abastado e pontuado pela bondade excessiva do rapaz. Porém, nada tem a ver com a mãe superprotetora e mandona que tenta, mas não consegue, ser uma pessoa má.

A sensação de que há um problema persiste até o momento em que a cirurgia começa, Clay sente cada incisão do bisturi e, para seu desespero, escuta tudo que os médicos falam. E eles pretendem matá-lo. Uma coisa é certa em Awake: o espectador fica desesperado com a agonia do personagem, que está lá, deitadinho, com o peito aberto, mas sabendo que vai morrer.

A peça que falta nesse complô que se apresenta justo na hora que o personagem está totalmente incapaz. Entretanto, por conta da dobradinha péssima atuação e cena forçada, é possível saber qual a raiz do problema. Outra personagem, a namorada de Clay, vai pegar a correspondência e dá uma bandeira tão grande que qualquer um pode notar. Sim, a rainha da incompetência artística - Jessica Alba - está de volta. Em mais um pesadelo nas telas. E desta vez não está cega e nem vendo coisas como nos filmes anteriores.

A trama aposta em elementos um pouco sobrenaturais para desenvolver e tentar resolver o problema do rapaz. Que está deitado na mesa de cirurgia, mas por uma espécie de projeção astral consegue circular pelos corredores do hospital e rever, em terceira pessoa, momentos marcantes de sua vida para tentar compreender como não havia percebido que sua vida estava em risco.

O pesadelo é longo. Hayden Christensen e Jessica Alba juntos num mesmo filme. Um coração prestes a falhar. Uma história interessante. Mas, novamente, Hayden e Alba. Uma dobradinha de tirar o sono e causar calafrios em qualquer um. Pelo menos, em 84 minutos, esse pesadelo termina. É desesperador.

Confira também uma entrevista exclusiva com Hayden Christensen


Quem é o colunista: Fábio M. Barreto adora escrever, não dispensa uma noitada na frente do vídeo game e é apaixonado pela filha, Ariel. Entre suas esquisitices prediletas está o fanatismo por Guerra nas Estrelas e uma medalha de ouro como Campeão Paulista Universitário de Arco e Flecha.

O que faz: Jornalista profissional há 12 anos, correspondente internacional em Los Angeles, crítico de cinema e vivendo o grande sonho de cobrir o mundo do entretenimento em Hollywood.

Pecado gastronômico: Morango com Creme de Leite! Diretamente do Olimpo!

Melhor lugar do Brasil: There´s no place like home. Onde quer que seja, nosso lar é sempre o melhor lugar.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

17 filmes para assistir no NOW durante o feriado de Carnaval

De terror a animação, confira filmes que vão te entreter nesse feriado

Logan: "filme definitivo" do Wolverine chega aos cinemas

Longa marca a despedida de Hugh Jackman do personagem que viveu por 17 anos

Um Limite Entre Nós: filme indicado ao Oscar chega ao Brasil em cima da hora

Longa traz Denzel Washington e Viola Davis em atuações singulares

13 filmes indicados ao Oscar que você pode assistir em casa agora mesmo

Do premiado “A Chegada” ao emocionante “Fogo no Mar”, veja quais são os filmes do Oscar para assistir no NOW

Confira os melhores momentos da passagem de Hugh Jackman pelo Brasil

“Silêncio”: 3 motivos para ver o novo filme de Scorsese (e 3 para pensar duas vezes)

Longa traz Andrew Garfield e Adam Driver como padres jesuítas