Guia da Semana

Jeito baiano

Discriminados, mas felizes, a adaptação do livro de Jorge Amado mostra a boemia dos baianos

Foto: Divulgação


Com muita baianidade, o filme Quincas Berro d´Água promete agradar ao público e levá-los a séries de gargalhadas tragi-cômicas em sua estreia. Considerado uma das grandes apostas do ano para o cinema nacional, o longa já ganha o interesse dos espectadores apenas com o protagonista: Paulo José. O eterno Macunaíma vai estar na pele de Joaquim Soares da Cunha, um funcionário público frustrado, que decidiu cair na boemia, divertindo-se com goles de cachaça e rodeado de mulheres. Foi a partir dessa vida festeira, que ganhou o apelido que dá nome à produção.

Sintonia do elenco

A pré-estreia do filme em São Paulo e a coletiva aconteceram no último dia 3, quando ficou nítida a sintonia do elenco, encabeçada principalmente pelo diretor Sérgio Machado, que também fez Cidade Baixa (2005). Os gaúchos, Paulo José e Flávio Bauraqui, os baianos Luis Miranda e Frank Menezes e o pernambucano Irandhir Santos eram a parte do elenco presente. Uníssonos, garantiram que os dois meses de ensaio antes das filmagens foram excelentes para o entrosamento do grupo.

De acordo com Luis Miranda, foram momentos de muita gaiatice coletiva; a preparação era séria, mas engraçada e até um pouco trágica. Paulo José chegou duas semanas depois do início das gravações, mas surpreendeu a todos com sua energia e disposição. "Tivemos que correr para alcançar o pique dele", fala Irandhir, o Cabo Martim do filme. 

Foto: Divulgação


Regado a dendê

Irandhir explica, metaforicamente, a relação dos cinco companheiros no longa, como um corpo, com seus quatro membros, que perdeu a cabeça e ficou vagando sem consciência, após a morte de Quincas. O texto é fiel ao livro de Jorge Amado, A morte e a morte de Quincas Berro d´Água. Ele tem como mote o falecimento do personagem de Paulo José, o celeuma que isso gera entre seus amigos e todos os frequentadores dos nichos da vadiagem baiana. Inconformados com a perda de seu líder, os amigos Pé de Vento (Luís Miranda), Cabo Martim (Irandhir Santos), Pastinha (Flávio Bauraqui) e Curió (Frank Menezes) capturam o morto e o levam para sua derradeira noitada de aniversário.

Após, passar pelos bares da cidade, por terreiros de candomblé, e pelo prostíbulo da cafetina Manuela (Marieta Severo), que era seu grande amor, o corpo de Quincas terminou seus dias nas águas da Baía de Todos os Santos, pois como o próprio personagem diz, "terra nenhuma iria aprisioná-lo". Tudo isso acontece de maneira turbulenta, pois sua filha, Vanda (Mariana Ximenes), coloca a polícia soteropolitana a caça do corpo do seu pai.

Foto: Divulgação


Insignificantes e importantes

"É uma história de vida caótica e engraçada", define Paulo José, que pela primeira vez tem um contato mais intenso, como ator nas telonas, com o texto de Jorge Amado. Ele apenas fez uma participação em Tieta, como Gladstone. No entanto, comenta sobre o brilhantismo do escritor, que usava muitos enfeites em suas descrições.

Sérgio Machado teve uma relação estreita com Jorge Amado e o considera responsável por seu sucesso na carreira como diretor. "Ele viu um curta meu na Bahia, mandou sua secretária me ligar e marcar um jantar em sua casa, pois queria me conhecer", diz. O autor baiano entrou em contato com Valter Salles e a partir dai começou a parceria com Machado. "Devo muito ao Jorge, tanto que meu filho tem o mesmo nome em homenagem ao autor", completa.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Após polêmica, Bernardo Bertolucci desmente estupro em "Último Tango em Paris"

Diretor julgou repercussão como um "mal-entendido ridículo"

"Guardiões da Galáxia Vol. 2" tem o trailer mais assistido da história da Marvel

Continuação do longa de 2014 chega aos cinemas em abril de 2017

"Sully - O Herói do Rio Hudson" ganha nova data de estreia no Brasil

Filme em que Tom Hanks evita acidente aéreo teve lançamento adiado após tragédia com Chapecoense

Apresentador Jimmy Kimmel comandará o Oscar 2017

Notícia foi confirmada pela revista Variety

Assista à nova prévia de "Tamo Junto", comédia estrelada por Sophie Charlotte

Longa apresenta humor repleto de referências da cultura pop

Bertolucci revela que houve estupro em cena de "Último Tango em Paris" e revolta Hollywood

"Queria sua reação como garota, não como atriz", disse o diretor