Guia da Semana

MinC divulga concorrentes à vaga no Oscar

Publicação: quarta, 10 de setembro de 2008

O Ministério da Cultura divulgou na terça-feira, dia 9, a lista dos 14 filmes inscritos para concorrer a uma vaga no Oscar 2009. Os longas serão analisados por uma comissão que definirá o escolhido para representar o Brasil na premiação que acontece em fevereiro do ano que vem.

O nome do filme selecionado será divulgado no dia 16 de setembro. Fazem parte da comissão os profissionais Antonio Alfredo Torres Bandeira, Cleber Eduardo Miranda dos Santos, Silvia Maria Sachs Rabello, Maria Dora Genis Mourão, Giba Assis Brasil e Paulo Sérgio Almeida. Confira a lista:

A Casa de Alice, de Chico Teixera
A Via Láctea, de Lina Chamie
Chega de Saudade, de Laís Bodanski
Era uma Vez, de Breno Silveira
Estômago, de Marcos Jorge
Meu Nome não é Johnny, de Mauro Lima
Mutum, de Sandra Kogut
Nossa Vida não cabe num Opala, de Reinaldo Pinheiro
Olho de Boi, de Hermano Penna
Onde Andará Dulce Veiga? , de Guilherme de Almeida Prado
O Passado, de Hector Babenco
Os Desafinados, de Walter Lima Júnior
O Signo da Cidade, de Carlos Alberto Riccelli
Última Parada 174, de Bruno Barreto

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

"Mulher-Maravilha" ganha coleção de colecionáveis pela Funko

Lançamento vem para entrar no clima do novo filme da heroína

“A Grande Muralha” – Zhang Yimou abraça a fórmula de Hollywood em aventura com Matt Damon

Filme também traz a atriz chinesa Tian Jin como comandante de um exército

Elenco de "Simplesmente Amor" se reúne em sequência especial do filme

Curta-metragem vem para arrecadar fundos à instituição de caridade britânica

Emma Watson aparece em novas imagens de "A Bela e a Fera"; confira

Atriz contou à EW sobre a transformação de Bela em uma princesa empoderada

Star Wars ganha título em português e acaba com mistério sobre último jedi

"Episódio VIII" se chamará "Os Últimos Jedis" e chega aos cinemas em dezembro

Conheça 4 animações brasileiras que vão te surpreender

Descubra esse lado ainda pouco reconhecido (mas muito premiado) do cinema nacional