Guia da Semana

Mostra exibe filmes do "Fellini do sexo", Russ Meyer

Publicação: segunda, 09 de agosto de 2010

Um dos primeiros fotógrafos da revista Playboy, o cineasta Russ Meyer rodou algumas das obras mais cultuadas pelos amantes do nu e inventou o gênero "soft porn". Com perspectiva inovadora para o seu período de atuação, ele foi considerado o "Fellini da indústria do sexo". Em mostra no Centro Cultural Banco do Brasil, trabalhos de Meyer como The Immortal Mr. Teas, Mudhoney, O Inferno em Miss Jones, De Volta ao Vale de Bonecas e Os Sete Minutos chegaram a ser considerados pornográficos à época em que estrearam, embora não mostrem cenas fortes ou explícitas. Na análise da filmografia do diretor, sobressai o bom humor e a valorização de atrizes com seios fartos.

 

Serviço

 

Endereço: Rua Álvares Penteado, 112.

Data: Até 15 de agosto.

Horário: De terça a domingo, das 10h às 20h.

Preço: R$ 6,00.

 

Atualizado em 1 Dez 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

“Logan” e “A Bela e A Fera” são os filmes mais vistos nos cinemas em 2017; confira os números

Veja o balanço completo das bilheterias mundiais em 2017

15 Filmes que dão uma aula sobre preconceito racial

Títulos como “Moonlight” e “Estrelas Além do Tempo” têm colocado o tema no centro das atenções

Marvel Studios divulga pôsteres incríveis de "Guardiões Galáxia Vol 2"

Filme estreia nos EUA em 27 de abril

10 Filmes que você vai querer ver nos cinemas em abril

"Joaquim" e "Guardiões da Galáxia Vol. 2" estão entre os destaques do mês

Pennywise está assustador em nova foto de "It: Uma Obra-Prima do Medo"

Adaptação do livro de Stephen King estreia em setembro

Aquaman rouba a cena em novo teaser de "Liga da Justiça"; assista

Filme estreia no dia 16 de novembro