Guia da Semana

A Internet deve ser de todos

Na primeira palestra da Campus Party, Al Gore e Tim Berners-Lee defenderam a rede mundial sem fronteiras e explicaram como fazer bom uso dela

Foto: Nathalia Clark/APH

Al Gore na sua palestra na Campus Party

"Defendam a internet. Não a deixem ser dominada por grandes corporações nem por governos. Ela é do povo". Palavras de Albert Arnold "Al" Gore, ex vice-presidente norte americano e um dos maiores defensores contra o aquecimento global. Sua palestra, uma das mais importantes da Campus Party, aconteceu hoje às 13h. Ao lado dele, ninguém menos que Tim Berners-Lee, o pai do termo "www", que é onipresente em todos os endereços de Internet. Ben Hammersley, editor da Wired UK, uma das revistas mais importantes de tecnologia do mundo, foi o moderador da mesa redonda.

Muitas pessoas se reuniram em frente ao palco principal, e a plateia estava cheia de convidados especiais: a ex-senadora Marina Silva era um deles. "Aqui estão duas das pessoas mais importantes do mundo", disse Ben Hammersley antes do debate começar. As perguntas haviam sido enviadas pelo twitter do evento, e 20 foram escolhidas para serem feitas aos convidados.

Um dos assuntos muito comentados foi o crescimento, por parte de governos de alguns países e grandes empresas, do controle sobre o acesso e conteúdo hoje disponível na rede. "As grandes corporações sempre tentaram controlar a internet. Não deixem que isso aconteça", disse Berners-Lee. "Quando Berners inventou o www, ele a democratizou", disse Al Gore.

Berners-Lee falou da sua visão da internet de ontem e de como ela será no futuro. "Somente 20% das pessoas no mundo têm acesso a ela. Nós devemos usar um pouco do nosso tempo para levá-la aos outros 80% da população. Quando alguém da minha equipe desenvolve um aplicativo pensando nos filhos dele, procuramos também usar esse programa para uma comunidade remota da África".

Outro assunto comentado foi o caso Wikileaks, em que documentos confidenciais de vários países acabaram se tornando públicos. "A internet aumenta, e muito, o poder de transmitir informações", conta Al Gore. Por outro lado, dados importantes sobre pessoas que moram em áreas de risco não chegam a ser utilizados para prever e prevenir tragédias. Esse fato foi lembrado por Al Gore: "O governo tem informações sobre as vítimas das chuvas, resta usá-las".

A sustentabilidade também entrou no foco das discussões. Al Gore fez um paralelo entre a informação aberta (open data) disponível para todos com o cuidado com o planeta. "A Open data consegue diminuir o aquecimento global porque deixa os negócios mais rentáveis e eficientes. As pessoas passam a fazer pesquisas pela internet para conseguir a informação que precisam", disse.

Al Gore também tocou no assunto educação. Segundo ele, o sistema educacional hoje ainda segue os mesmos padrões da época de quando surgiu a imprensa escrita - e isso é um problema. "Devemos aproveitar a curiosidade natural da criança em querer descobrir as coisas e respeitar o ritmo dela de aprendizado. O professor deve ser um guia".

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Dia das Crianças no Rio de Janeiro 2016

Confira as opções de diversão na Cidade Maravilhosa para a data

Mais de 15 passeios em SP para curtir com crianças neste fim de semana

Opções de teatro, musicais e passeios gratuitos para ir em família e se divertir junto com os pequenos!

Beatles para crianças: 4 motivos para assistir à série Beat Bugs com seu filho

Primeira temporada da série infantil já está em cartaz na Netflix

Raposo Shopping oferece oficina gratuita para crianças que gostam de cozinhar

Atividade ensina aos pequenos receitas do programa "Tem Criança na Cozinha", do canal Gloob

4 motivos para levar as crianças para assistir ao espetáculo "Galinha Pintadinha em ovo de novo"

Peça fica em cartaz até dia 28 de agosto, no Teatro Net

Rede de cinemas oferece ingressos gratuitos para pais acompanhados dos filhos

Pais que forem ao cinema com os filhos no Dia dos Pais não pagam o ingresso nos cinemas Playarte