Guia da Semana

Atenção aos olhos das crianças

Problemas de visão podem ter soluções simples, se detectados no começo

Foto: Getty Images


Ao nascer, o bebê não tem muita noção de contrastes e cores. A visão se desenvolve aos poucos e só atinge maturidade por volta dos 5 anos de idade. Por isso, a visita a um oftalmologista deve ser realizada logo nos primeiros meses de vida e se repetir anualmente. Assim, é possível detectar qualquer problema e tentar evitar seu progresso.

Os casos mais comuns são miopia, astigmatismo, hipermetropia, que podem ser resolvidos com o uso de óculos corretivos, e a ambliopia, chamada de "olho preguiçoso". Nesta última, a visão não se desenvolve como deveria porque algo atrapalha a chegada da luz à retina. Geralmente, apenas um olho é afetado. O problema atinge cerca de metade das crianças estrábicas.

Para detectar, é preciso cobrir um olho do bebê e espalhar alguns objetos a aproximadamente cinco metros de distância, depois, cobrir o outro e ver se a reação foi a mesma nas duas situações. Então, um médico deve ser consultado. O tratamento é simples, o olho mais desenvolvido fica tampado, forçando o desenvolvimento do outro.

Antes da idade escolar, já é possível identificar outros problemas de visão. Repare se a criança usa poucas cores para pintar, tropeça com freqüência, tem dificuldade para ligar os pontos ou pintar dentro do contorno. Alguns brinquedos também podem ajudar, como os de encaixe e blocos coloridos, eles estimulam a percepção de formas, cores e espaço.

Nos maiorzinhos, alguns detalhes precisam ser observados. Como quando a criança fica muito perto da televisão, tem dificuldade de concentração, aproxima muito um livro para a leitura, apresenta baixo rendimento escolar ou não consigue escrever sobre a linha do caderno.

Se algum problema for detectado

É muito importante que os pais estimulem a criança a usar óculos e mostrem como este assessório é importante para sua vida. Do jeito que a molecada é danada, é bom escolher uma armação com material inquebrável e flexível. O momento de escolha pode ser divertido, fazer graças e elogiar são coisas importantes.

Cegueira Infantil

Estima-se que existam cerca de 1,5 milhão de crianças cegas no mundo. A deficiência visual pode acontecer por várias razões. Segundo dados do Hospital de Olhos, em aproximadamente 50% dos casos, ela poderia ser prevenida ou tratada.

Se a mãe desenvolver doenças como rubéola ou toxoplasmose durante a gestação, o filho pode nascer cego. Prematuridade, meningite, carência de vitamina A e algumas infecções também podem afetar a visão das crianças. Os primeiros exames podem ser feitos logo após o nascimento, o através de uma interconsulta oftalmológica.

Estas crianças precisam ser mais estimuladas a desenvolver os sentidos, como, por exemplo, através de brincadeiras com texturas, cheiros e sons. Um ensino especializado também ajuda na integração social. Os cegos precisam aprender a se locomover sozinhos, ser independentes, e, acima de tudo, terem auto-confiança.

Fontes:
SciELO - Biblioteca Científica http://www.scielo.br
Hospital de Olhos www.hospitaldeolhos.net
www.bengalalegal.com
Bibliomed - www.boasaude.com.br
Dra. Lígia Beatriz Bonotto - em www.oftalmopediatria.com.br

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Dia das Crianças no Rio de Janeiro 2016

Confira as opções de diversão na Cidade Maravilhosa para a data

Mais de 15 passeios em SP para curtir com crianças neste fim de semana

Opções de teatro, musicais e passeios gratuitos para ir em família e se divertir junto com os pequenos!

Beatles para crianças: 4 motivos para assistir à série Beat Bugs com seu filho

Primeira temporada da série infantil já está em cartaz na Netflix

Raposo Shopping oferece oficina gratuita para crianças que gostam de cozinhar

Atividade ensina aos pequenos receitas do programa "Tem Criança na Cozinha", do canal Gloob

4 motivos para levar as crianças para assistir ao espetáculo "Galinha Pintadinha em ovo de novo"

Peça fica em cartaz até dia 28 de agosto, no Teatro Net

Rede de cinemas oferece ingressos gratuitos para pais acompanhados dos filhos

Pais que forem ao cinema com os filhos no Dia dos Pais não pagam o ingresso nos cinemas Playarte