Guia da Semana

Ciúme entre irmãos

Confira algumas dicas da colunista para evitar que o ciúme se transforme em um problema grande dentro da família

Foto: Getty Images


Que o ciúme entre irmãos existe e é normal, todo mundo sabe. Mas como lidar com esta situação de forma a minimizar rivalidades?

É importante lembrar que, quando uma criança ganha um irmão, ela também perde muito. Perde atenção dos pais, perde o posto de centro das atenções familiares, passa a ter que dividir coisas que antes só a ela pertenciam. Nessa situação, cenas de ciúme, resistência a todas essas mudanças e rivalidade com o bebê são normais.

Para ajudar a criança a se adaptar a esta difícil fase, algumas atitudes dos pais podem ajudar:

- Prepare a criança para as mudanças que estão por vir com a chegada do irmãozinho ou irmãzinha, focando nas vantagens de se ter um irmão. Exemplos relacionados ao relacionamento entre pais e tios da criança podem ajudar, assim como exemplos de primos ainda crianças.


- Ressalte o quanto é legal e importante a criança estar crescendo: é possível que ela sinta este crescimento como algo negativo por toda a atenção que será dada ao bebê.


- Envolva a criança nos cuidados com o bebê, se ela demonstrar interesse e vontade de ajudar. Brincar e ajudar a cuidar desse irmãozinho ajuda a criar uma ligação entre eles.


- Ensine a criança a dividir seus brinquedos com os irmãos. Permita, porém, que ela tenha aqueles brinquedos especiais, e dê a ela o direito de não emprestá-los.


- Quando o bebê estiver um pouco maior, programe-se para ter momentos dedicados a cada um de seus filhos, separadamente. Faça isso, em especial, caso a diferença de idade seja grande, e os interesses e atividades sejam diferentes.


- Em brigas e discussões, tente ser imparcial. Nem permita que o mais velho mande, nem favoreça o caçula por ter menos idade.


Ter irmãos é uma experiência excelente. Permita que seus filhos aprendam isso, incentivando-os a realizarem atividades e brincadeiras juntos. Esteja sempre aberto a ouvi-los e a conversar sobre seus sentimentos, sem julgamentos: assim, fica mais fácil resolver os problemas que irão surgir.

Quem é a colunista: Psicóloga, com experiência em Educação Infantil e Recursos Humanos.

O que faz: Psicóloga da Consultoria Familiar Babá Ideal.

Pecado gastronômico: Petit gateau - irresistível!

Melhor lugar do mundo: Qualquer um - se estiver acompanhada das pessoas que amo.

O que está ouvindo no carro, iPod, mp3: MPB, rock, pop... tudo misturado...

Fale com ela: atendimento@babaideal.com.br


 

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Dia das Crianças no Rio de Janeiro 2016

Confira as opções de diversão na Cidade Maravilhosa para a data

Mais de 15 passeios em SP para curtir com crianças neste fim de semana

Opções de teatro, musicais e passeios gratuitos para ir em família e se divertir junto com os pequenos!

Beatles para crianças: 4 motivos para assistir à série Beat Bugs com seu filho

Primeira temporada da série infantil já está em cartaz na Netflix

Raposo Shopping oferece oficina gratuita para crianças que gostam de cozinhar

Atividade ensina aos pequenos receitas do programa "Tem Criança na Cozinha", do canal Gloob

4 motivos para levar as crianças para assistir ao espetáculo "Galinha Pintadinha em ovo de novo"

Peça fica em cartaz até dia 28 de agosto, no Teatro Net

Rede de cinemas oferece ingressos gratuitos para pais acompanhados dos filhos

Pais que forem ao cinema com os filhos no Dia dos Pais não pagam o ingresso nos cinemas Playarte