Guia da Semana

Tiraram os papagaios do KLB

Ibama apreende um casal de aves silvestres que estava em posse da família há 20 anos e deixa Kiko, Leandro e Bruno arrasados

Divulgação/Arquivo pessoal
Os KLBzinhos, há algum tempos, com os papagaios Kito e Juliano. Além das aves ilegais, será que pilotavam motos com menos de 18 anos?

Imagine você em casa, no maior papo com amigos de longa data, quando, de repente, alguém entra e os leva embora, dizendo que talvez você nunca mais volte a vê-los. Coisa louca, não? Pois é assim que os representantes das três letras do grupo musical KLB estão se sentindo depois que o Ibama apreendeu seus dois papagaios, Kito e Juliano.

O casal de aves, da espécie amazona aestiva, estava com a família há cerca de 20 anos e foi apreendido no dia 19 de março após denúncia da Polícia Federal ao Ibama sobre a falta de registro dos animais. O algoz que prendeu os amiguinhos de Kiko, Leandro e Bruno foi o analista ambiental Carlos Daniel Gomes Toni, que realizou uma ação de busca e apreensão na casa dos Scornavacca (sobrenome da família).

Segundo a assessoria do trio, eles estão inconsoláveis. Kito e Juliano pertenciam a antiga dona da chácara da família em Piracicaba, interior de São Paulo, que, ao vender a casa, deixou-os de presente aos meninos, que se afeiçoaram logo de cara. Kiko e Leandro eram os mais apegados...

A assessoria informou também que eles eram bem tratados, não tinham as asas cortadas, viviam livres e só iam para a gaiola à noite, por segurança. E que Francesco Scornavacca, pai dos cantores, fez um apelo ao chefe do Ibama, Luis Antonio Gonçalves de Lima, para que pudessem realizar o registro e ter os animais de volta, alegando que as leis de proteção ambiental que proíbem a família de manter os entes queridos por perto não haviam sido promulgadas naquela época. Papai Scornavacca disse que alguns shows do grupo chegaram a ser cancelados por "abatimento moral de seus integrantes". Ou será que os papagaios é que dublavam os meninos? Éééé..."Baby, te vejo tão longe, de mim tão distante, além do horizonte...".

Mesmo com toda a súplica, o Ibama afirmou enfaticamente que a apreensão é irreversível e que os papagaios não serão devolvidos à família em hipótese alguma, mesmo ela tendo quitado a multa de R$ 1.000 pelo caso e estando em frangalhos. As aves foram encaminhadas ao Parque Ecológico do Tietê, na região leste de São Paulo, e estão sendo tratadas para que possam ser devolvidas em breve à natureza, caso os biólogos aprovem a decisão.

Manifestações
Pela Internet, muitas pessoas opinaram sobre o caso. Nos blogs dos fãs, o maior argumento era que, com tantos animais soltos por aí e precisando de cuidados, foram confiscar logo os papagaios dos KLBs, que isso é marketing. Outros, não fãs, ficam felizes pela apreensão e devolução dos animais silvestres ao seu habitat natural, bem como pelo cancelamento dos shows.

No Orkut, a comunidade " Devolvam o papagaio do KLB", cuja descrição é "Pra quem axa q é um absurdo terem tirado o papagaio do Kiko do KLB nos qremos q vcs devolvam o papagaio pra ele!!!! [ sic]", já tem 23 participantes. Agora, de verdade, com esse texto não parece que tiraram outra coisa do Kiko? Isso, esse "papagaio" mesmo que você está pensando...

E no Twitter do Neto, aparece um relato de graça: "agradeço ao ibama a graça alcançada. Shows do KLB cancelados graças à apreensão dos papagaios.

Para musicar o caso
Além de "Ela não está aqui", música citada no final do quarto parágrafo, selecionamos mais três letras de músicas cantadas pelo KLB para ilustrar o momento:

Eu só penso em você
"Sonhando acordado,
Me pego pensando
Na falta que você me faz
Os dias são longos
As horas não passam
E as noites já não são iguais (...)"

Ainda vou te encontrar
"(...)O meu dia - dia tá vazio sem você
Tanta solidão amor pra quê?
Eu ainda lembro o dia que você partiu
Uma dor imensa o meu peito invadiu
Já faz muito tempo eu tô tentando achar a paz
Volta pois eu não agüento mais (...)"

A dor desse amor
"(...) que eu estou morrendo
Morrendo por dentro, (estou morrendo)
É tanta saudade morando em meu peito, uhuh
Vida devolva as minhas fantasias,
Meu sonho de viver a vida,
Devolva-me o ar (aqui, troque "ar" por "casal de papagaios")"

Atualizado em 1 Dez 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Dia das Crianças no Rio de Janeiro 2016

Confira as opções de diversão na Cidade Maravilhosa para a data

Mais de 15 passeios em SP para curtir com crianças neste fim de semana

Opções de teatro, musicais e passeios gratuitos para ir em família e se divertir junto com os pequenos!

Beatles para crianças: 4 motivos para assistir à série Beat Bugs com seu filho

Primeira temporada da série infantil já está em cartaz na Netflix

Raposo Shopping oferece oficina gratuita para crianças que gostam de cozinhar

Atividade ensina aos pequenos receitas do programa "Tem Criança na Cozinha", do canal Gloob

4 motivos para levar as crianças para assistir ao espetáculo "Galinha Pintadinha em ovo de novo"

Peça fica em cartaz até dia 28 de agosto, no Teatro Net

Rede de cinemas oferece ingressos gratuitos para pais acompanhados dos filhos

Pais que forem ao cinema com os filhos no Dia dos Pais não pagam o ingresso nos cinemas Playarte