Guia da Semana

Clássicos Lume

CCBB exibe 13 filmes do cinema autoral e independente

Este evento terminou

Clássicos Lume

Data 01 Jan 2000-24 Abr 2011
Até 24 de abril de 2011.

Preço(s) Grátis.

Horário(s) Conferir programação.

Rua Primeiro de Março, 66, 20010-000

Telefone (21) 3808-2020

A Lume Filmes, importante distribuidora de cinema autoral e independente do Brasil, exibirá um repertório seleto no Centro Cultural Banco do Brasil até 24 de abril. Na mostra Clássicos Lume, o público poderá apreciar 13 longas da distribuidora.

Na seleção, constam títulos como O Anjo Embriagado, filme que revelou o cineasta japonês Akira Kurosawa para o grande público e crítica internacional, Fatalidade com atuação de Ronald Colman, que foi premiado com o Oscar em 1947, entre outros. Confira:

Diabel, de Andrzej Zulawski - 1972
Ambientado durante a invasão da Polônia em 1793, a obra aborda a obsessão, a loucura e a morte.

A Cor da Romã, de Sergei Paradjanov - 1969
Realizado sem diálogos ou movimentos de câmera, o filme apresenta a biografia de um músico, poeta e revolucionário da Armênia.

O Anjo Embriagado, de Akira Kurosawa - 1948
O policial noir mostra um gângster que vai se tratar com médico alcoólatra após brigar com criminosos rivais.

Alice, de Claude Chabrol - 1977
Suspense na linha de Hitchcock, o longa é um drama fantasioso fala sobre uma mulher que larga o marido e passando a noite em uma casa antiga.

Sopro No Coração, de Louis Malle - 1972
Laurent, um garoto de 15 anos, vive no seio de uma família burguesa de tradições rígidas Quando sofre uma escarlatina, contrai um problema no coração e vai se tratar em uma estação climática, acompanhado de sua mãe.

Vermelhos e Brancos, de Miklos Janksó - 1967
O filme aborda a falta de sentido da guerra, no contexto da revolução russa liderada por Lênin.

Lola, A Flor Proibida, de Jacques Demy - 1961
O clássico francês narra a história de Roland, um jovem rapaz que se apaixona por Lola, uma dançarina de cabaré.

O Amor, de Karoly Makk - 1971
Inédito no Brasil, o longa narra a história de uma mulher que esconde a verdade sobre o seu marido, que está preso, para a mãe dele.

Eva, de Gustav Machat - 1933
O drama mostra a história de um escritor casado que se envolve com uma linda mulher que gosta de humilhá-lo e pode destruí-lo.

Abandonada, de Francesco Maselli - 1955
Ambientado na Segunda Guerra, o filme enfoca uma família nobre que se refugia dos bombardeios em uma pequena cidade italiana.

Império do Crime, de Joseph H. Lewis - 1955
Por motivos financeiros e falta de resultados, um tenente de polícia é ordenado a interromper a vigilância que fazia de um suspeito de ser chefão da máfia.

Fatalidade, de George Cukor - 1947
Suspense com pinceladas de melodrama fala sobre maldade e imaginação.

14 de abril - quinta-feira

18h - Diabel
20h - A Cor da Romã

15 de abril - sexta-feira
16h - Lola, A Flor Proibida
18h - Alice
20h - Sopro no Coração

16 de abril - sábado
20h - Fatalidade

19 de abril - terça-feira
18h - Vermelhos e Brancos
20h - Abandonada

20 de abril - quarta-feira
18h - O Império do Crime
20h - O Anjo Embriagado

21 de abril - quinta-feira
18h - Contos da Lua vaga
20h -  Lola, A Flor Proibida

22 de abril - sexta-feira
16h - Abandonada
18h - Diabel
20h - O Império do Crime

23 de abril - sábado
16h - Alice
18h -  A Cor da Romã
20h - O Amor

24 de abril - domingo
15h - Fatalidade
17h - Vermelhos e Brancos
19h - Eva

Foto: Divulgação / Contos da Lua Vaga

Compartilhe

Mapa do local

Powered by ParkMe

Comentários

Explore ao redor

Bistrô The Line

Bistrô The Line

56m

Casa França-Brasil

Casa França-Brasil

56m

Igreja N.S. da Candelária

Igreja N.S. da Candelária

86m

Teatro CCBB II

Teatro CCBB II

90m

Teatro CCBB I

Teatro CCBB I

90m Palco exclusivo para montagens teatrais, o Teatro I - CCBB conta com 180 lugares

Igreja de N. Sra. do Carmo da Antiga Sé

Igreja de N. Sra. do Carmo da Antiga Sé

105m

Notícias recomendadas

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA

6 motivos para visitar a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano em SP (e nem perceber que está na capital)

Local une arte, cultura, lazer, arquitetura e natureza, fazendo com que o visitante esqueça que está em SP

13 grafites em SP que todo mundo que ama arte deveria ver pessoalmente

Confira obras espalhadas pela cidade que merecem sua atenção

Na Semana da Criança, uma selfie vale um passaporte nos museus de SP; entenda

Para participar, é só postar foto com uma criança no Facebook com a hashtag #MuseusSP e apresentar na bilheteria da Pinacoteca, Casa das Rosas ou do Museu da Imigração

Unibes Cultural oferece programação especial e gratuita para o mês das crianças

Evento acontece até dia 31 de outubro e comemora o Mês das Crianças