Guia da Semana

55 Anos da Nouvelle Vague no MIS

Museu da Imagem e do Som reúne filmes que reinventaram o cinema francês nos anos 60

Este evento terminou

55 Anos da Nouvelle Vague no MIS

Data 03 Set 2013-08 Set 2013
De 3 a 8 de setembro de 2013

Preço(s) R$ 6 / R$ 3 (meia)

Horário(s) Conforme programação.

Avenida Europa, 158, 01449-000

Telefone (11) 2117-4777

O cinema francês não foi sempre “cult”. Antes dos anos 60, o foco eram adaptações de clássicos da literatura e ninguém ousava fazer filmes que mostrassem a realidade. Então, eles ousaram: um grupo de jornalistas resolveu fazer cinema “com as próprias mãos” e iniciou o movimento conhecido como Nouvelle Vague (nova onda), que, agora, completa 55 anos com mostra no MIS.

+ Veja outras mostras de cinema em cartaz em São Paulo
+ Confira as estreias da semana nos cinemas
+ Conheça 10 filmes para viajar sem sair de casa

Jean-Luc Godard, François Truffaut e Claude Chabrol, alguns dos principais expoentes do movimento, trabalhavam como críticos na revista Cahiers Du Cinema antes de se tornarem cineastas. Quando pegaram as câmeras, preferiram mostrar os diálogos verdadeiros e olhares ambíguos que povoavam o mundo real, deixando para trás a moralidade dos contos tradicionais e a linearidade das narrativas.

Entre os destaques da mostra estão Os Incompreendidos, de Truffaut, premiado no Festival de Cannes de 1959; acossado, primeiro longa-metragem de Godard, e Hiroshima, Meu Amor, de Alain Resnais.

No dia 5, haverá um debate com o jornalista Luiz Carlos Merten e a pesquisadora Laura Carvalho sobre o contexto histórico e cultural da Nouvelle Vague.

Conheça a programação completa:

Terça-feira, 3 de setembro

18h30 - Os incompreendidos ( François Truffaut, 1959, 14 anos)

20h30 - Trinta anos essa noite (Louis Malle, 1963, 14 anos)

 

Quarta-feira, 4 de setembro

18h30 - Minha noite com ela (Eric Rohmer, 1969, 14 anos)

20h30 - Paris nos pertence (Jacques Rivette, 1961, 14 anos)

 

Quinta-feira, 5 de setembro

18h30 - O homem e as imagens (Eric Rohmer, 1967, documentário, livre)

19h10 - Debate sobre a Nouvelle Vague: Luiz Carlos Merten (crítico de cinema e jornalista) e Laura Carvalho (pesquisadora e diretora de arte)

20h30 - O desprezo (Jean-Luc Godard, 1963, 16 anos)

 

Sexta-feira, 6 de setembro

18h30 - Uma mulher é uma mulher (Jean-Luc Godard, 1961, 14 anos)

20h30 - O demônio das onze horas (Jean-Luc Godard, 1965, 12 anos)

 

Sábado, 7 de setembro

14h - Nas garras do vício (Claude Chabrol, 1958, 14 anos)

15h45 - O ano passado em Marienbad (Alain Resnais, 1961, 14 anos)

17h30 - Acossado (Jean-Luc Godard, 1960, 14 anos)

19h15 - Beijos proibidos (François Truffaut, 1968, 14 anos)

21h - Hiroshima, meu amor (Alain Resnais, 1959, 14 anos)

 

Domingo, 8 de setembro

14h30 - Cléo das 5 às 7 (Agnes Varda, 1962, 12 anos)

16h15 - A colecionadora (Eric Rohmer, 1967, 14 anos)

18h - Alphaville (Jean-Luc Godard, 1965, 14 anos)

20h - Jules e Jim, uma mulher para dois (François Truffaut, 1962, 14 anos)

 

Por Juliana Varella
Compartilhe

Mapa do local

Powered by ParkMe

Comentários

Explore ao redor

Via Europa

Via Europa

47m

MuBE - Museu Brasileiro da Escultura

MuBE - Museu Brasileiro da Escultura

82m Confira mais informações sobre o Museu Brasileiro da Escultura

MuBE - Auditório Senador Pedro Piva

MuBE - Auditório Senador Pedro Piva

82m

Feira de Antiguidades e Design MuBE

Feira de Antiguidades e Design MuBE

87m

Fundação Cultural Ema Gordon Klabin

Fundação Cultural Ema Gordon Klabin

93m

Restaurante do MuBE

Restaurante do MuBE

143m

Notícias recomendadas

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA

6 motivos para visitar a Fundação Maria Luisa e Oscar Americano em SP (e nem perceber que está na capital)

Local une arte, cultura, lazer, arquitetura e natureza, fazendo com que o visitante esqueça que está em SP

13 grafites em SP que todo mundo que ama arte deveria ver pessoalmente

Confira obras espalhadas pela cidade que merecem sua atenção

Na Semana da Criança, uma selfie vale um passaporte nos museus de SP; entenda

Para participar, é só postar foto com uma criança no Facebook com a hashtag #MuseusSP e apresentar na bilheteria da Pinacoteca, Casa das Rosas ou do Museu da Imigração

Unibes Cultural oferece programação especial e gratuita para o mês das crianças

Evento acontece até dia 31 de outubro e comemora o Mês das Crianças