Guia da Semana

COLETIVA #1 DE FOTOGRAFIA

Mostra reúne quatro artistas, três brasileiros e um italiano, cujas obras passam a fazer parte do acervo da galeria

Este evento terminou

COLETIVA #1 DE FOTOGRAFIA

Data 26 Fev 2016-25 Mar 2016
De 26 de fevereiro a 25 de março de 2016

Preço(s) Grátis

Horário(s) De segunda a sexta das 10h30 às 18h30; e aos sábados, das 11h às 16h

Exposição: Fotografia

Rua Peixoto Gomide, 1736, 01409-002

A primeira edição da exposição coletiva de fotógrafos organizada pela Galeria Nicoli, chamada Coletiva #1 reúne trabalhos de César Fraga, Cristina Schleder, Suely Amorim e Tommaso Protti. Quatro artistas com histórias, trajetórias e produções bem distintas, cujas obras passam a integrar o acervo da galeria.

De acordo com o consultor da Galeria Nicoli, Giovanni Pirelli, ainda assim é possível identificar entre estes ensaios individuais uma proximidade de pesquisa e uma coincidência no foco sobre a natureza e sua relação com o ser humano, “A heterogeneidade dos trabalhos, que envolvem análises e técnicas diversas, exemplificam a ambição da Galeria em abraçar as mais variadas expressões do meio fotográfico”, afirma.

 

Saiba mais sobre os artistas e as obras em exposição:

César Fraga traz fotografias em grande formato, impressas especialmente em alumínio, selecionadas de seu livro Empurrando Água, um documentário fotográfico sobre o Brasil do ponto de vista dos navios mercantes e das águas que atravessam. Nas imagens expostas, os elementos líquido e sólido se encontram em um diálogo harmônico através de um olhar que exalta o encontro entre formas e cores.

Cristina Schleder, artista plástica com longa e respeitada trajetória e uma produção que usufrui de várias técnicas e suportes, expõe a série de fotos Diluições, que se aproxima instintivamente da pintura impressionista; retrata a natureza refletida em superfícies liquidas em movimento, na busca da representação de uma espiritualidade que supera o elemento físico e naturalístico de seus sujeitos.

Suely Amorim, se utiliza da tecnologia de captação de luz infravermelha. No ensaio Iris selecionado para a coletiva, a fotógrafa apresenta o Parque do Ibirapuera visto através deste “olho tecnológico”, capaz de superar os limites do olhar humano e revelar a natureza invisível que nos circunda.

O italiano Tommaso Protti, fotojornalista premiado internacionalmente e publicado por veículos como National Geographic, New York Times e Le Monde, explora os espaços onde a cidade encontra a natureza, fronteiras difusas, em busca de uma conciliação entre a agressividade da expansão do ser humano e a luta pela sobrevivência do elemento natural.

Por Nathália Tourais
Compartilhe

Mapa do local

Powered by ParkMe

Comentários

Explore ao redor

Luis Maluf Art Gallery

Luis Maluf Art Gallery

Galeria em São Paulo incentiva a arte contemporânea

G&T Bar

G&T Bar

14m

Max Abdo Bistrô

Max Abdo Bistrô

24m

Paola Di Verona

Paola Di Verona

56m

La Coruña

La Coruña

56m

Santo Colomba

Santo Colomba

56m

Notícias recomendadas

Obras do MASP agora podem ser vistas em plataforma on-line gratuita

Museu integra a partir de hoje o acervo do Google Arts & Culture

Museu do Café, em Santos, inaugura exposição gratuita sobre propaganda da bebida

A partir de 28 de dezembro, os visitantes poderão conhecer as estratégias das marcas de café de 1900 a 1959

Especial férias: MASP abre ao público em todas as segundas-feiras de Janeiro

Programação de férias disponibiliza cinco dias a mais para visitar o Museu

5 motivos para assistir ao documentário "O começo da vida" na Netflix

O filme mostra a importância dos primeiros anos de vida sob a ótica dos quatro cantos do mundo

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA