Guia da Semana

Passagem Para o Japão

Mostra na Biblioteca Roberto Santos exibe filmes que mostram a cultura japonesa

Este evento terminou

Passagem Para o Japão

Data 06 Jul 2014-27 Jul 2014
De 6 a 27 de julho de 2014

Preço(s) Grátis

Horário(s) Sextas às 16h e 19h; domingos às 16h e 18h

Rua Cisplatina, 505, 04211-040

Telefone (11) 2273-2390

A cultura japonesa é tema da mostra “Passagem Para o Japão”, que acontece entre 6 e 27 de julho na Biblioteca Roberto Santos. Filmes produzidos do outro lado do mundo, dirigidos por japoneses célebres como Akira Kurosawa, Hirokazu Kore-Eda e Yazujiro Ozu, estão em cartaz ao lado de visões estrangeiras que evidenciam o choque cultural, como “Encontros e Desencontros” de Sofia Coppola.

As sessões são gratuitas e exibidas às sextas-feiras e aos domingos. Os longas previstos para esta sexta-feira, 4 de julho, foram cancelados devido ao jogo do Brasil na Copa do Mundo, assim como os filmes dos dias 12 e 13 podem sofrer alterações.

Confira a programação completa:

 

Domingo, 6 de julho

16h - Operação Yakuza 
(The Yakuza, Sydney Pollack, EUA, Japão, 1974, 112 min, legendado, DVD, Livre)


18h - Lobo solitário - A espada da vingança
 (Ko wo kashi ude kashi tsukamatsuru, Kenji Misumi, Japão, 1972, 83 min, legendado, DVD, 18 anos)

 

Sexta-feira, 11 de julho

16h - Rapsódia em agosto
 (Hachi-gatsu no kyôshikyoku, Akira Kurosawa, Japão, 1991, 150 min, legendado, DVD, 12 anos)

19h - Hiroshima, meu amor 
(Hiroshima, mon amour, Alain Resnais, França, Japão, 1959, 90 min, legendado, DVD, 12 anos)

 

Domingo, 13 de julho

16h - Encontros e desencontros
 (Lost in translation, Sofia Coppola, EUA, Japão, 2003, 102 min, legendado, DVD, 14 anos) *Sessão sujeita a cancelamento em caso de jogo do Brasil na Copa.

18h - Dodes’ka-den - O caminho da vida 
(Dodesukaden, Akira Kurosawa, Japão, 1970, 121 min, legendado, DVD, Livre) *Sessão sujeita a cancelamento em caso de jogo do Brasil na Copa.

 

Sexta-feira, 18 de julho

16h - Kwaidan, as quatro faces do medo 
(Kaidan, Masaki Kobayashi ,Japão, 1965, 161 min, legendado, DVD, 10 anos)


19h - Ninguém pode saber (Dare mo shiranai, Hirokazu Kore-eda, Japão, 2004, 141 min, legendado, DVD) 



 

Domingo, 20 de julho

16h - Tóquio violenta 
(Tokyo nagaremono, Seijun Suzuki, Japão, 1966, 83 min, legendado, DVD, 14 anos)

18h - Akira
 (Katsuhiro Otomo, Japão, 1988, 124 min, legendado, DVD, 14 anos)

 

Sexta-feira, 25 de julho

16h - Ran 
(Akira Kurosawa, Japão, 1985, 155 min, legendado, DVD, 16 anos)

19h - O intendente Sansho 
(Sanshô dayû, Kenji Mizoguchi, Japão, 1954, 120 min, legendado, DVD, Livre)

 

Domingo, 27 de julho

16h - Bom dia 
(Ohayô, Yasujiro Ozu, Japão, 1959, 94 min, legendado, DVD, 14 anos)

18h - A Balada de Narayama
 (Narayama-bushi kô, Shohei Imamura, Japão, 1983, 130 min, legendado, DVD, 16 anos)

 

Por Juliana Varella
Compartilhe

Mapa do local

Powered by ParkMe

Comentários

Explore ao redor

Nakato

Nakato

359m Restaurante traz opções de combinados e rodízios japoneses no bairro do ipiranga

Damp Sorvetes - Ipiranga

Damp Sorvetes - Ipiranga

429m Na Damp Sorvetes os clientes encontram cerca de 100 tipos de gelados

Nico Pasta & Basta

Nico Pasta & Basta

443m

Doña Luz Empanadas

Doña Luz Empanadas

450m

Depot4 - Ipiranga

Depot4 - Ipiranga

452m

Museu da Mágica

Museu da Mágica

514m

Notícias recomendadas

Obras do MASP agora podem ser vistas em plataforma on-line gratuita

Museu integra a partir de hoje o acervo do Google Arts & Culture

Museu do Café, em Santos, inaugura exposição gratuita sobre propaganda da bebida

A partir de 28 de dezembro, os visitantes poderão conhecer as estratégias das marcas de café de 1900 a 1959

Especial férias: MASP abre ao público em todas as segundas-feiras de Janeiro

Programação de férias disponibiliza cinco dias a mais para visitar o Museu

5 motivos para assistir ao documentário "O começo da vida" na Netflix

O filme mostra a importância dos primeiros anos de vida sob a ótica dos quatro cantos do mundo

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA