Guia da Semana

7 motivos para assistir à série Marco Polo

Série original da Netflix não agradou a crítica, mas conquistou uma legião de fãs

Em um mundo repleto de ganância, traição, intrigas e rivalidade, a série Marco Polo acompanha as façanhas do famoso explorador Marco Polo na corte de Kublai Khan, na China do século XIII. Gravada na Itália, Cazaquistão e Malásia, a produção tem John Fusco, autor indicado ao Oscar por 'Corcel Indomável', como criador, diretor e produtor executivo da série, ao lado de Dan Minahan, que já trabalhou nas séries HomelandGame of Thrones.

Por acreditar no potencial da série, o Guia da Semana listou 7 motivos para você assistir à produção. Confira: 

É UMA SÉRIE HISTÓRICA

A série acompanha a trajetória do icônico mercador italiano Marco Polo (Lorenzo Richelmy), um dos primeiros ocidentais a explorar a China. Atuando como espião e embaixador de Kublai Khan, Marco vive várias aventuras em diversos países do mundo.


MARCO POLO É UM DOS MAIORES AVENTUREIROS DE TODOS OS TEMPOS

Marco Polo foi um mercador, aventureiro e viajante veneziano que nasceu em 1254 e morreu em 1324, também em Veneza. Ele viajou da Europa para a Ásia, permanecendo na China durante 17 anos. A sua obra, Il Milione, conhecida em português como As Viagens de Marco Polo, tornou-se um clássico geográfico. 


Sua história começou quando ele partiu em viagem para a Ásia com o pai e o tio. Juntos, eles foram à corte do rei mongol Kubilai e, a seu serviço, percorreram a Tartária, a China e a Indochina. Depois de regressarem à Veneza, Marco comandou um grupo na guerra contra Génova, na qual acabou preso. Durante o cativeiro, ele contou suas aventuras a um prisioneiro, Rusticiano de Pisa. Em 1315 suas histórias foram traduzidas em latim pelo frei Francisco Pipino. Em 1485, depois de traduzidas para várias línguas, as aventuras do famoso explorador foram impressas. A tradução portuguesa surgiu em 1502.

CENAS QUENTES BEM PRODUZIDAS

A série conta também com uma dose adequada de sexo e nudez. Para os amantes da beleza asiática, a produção é um prato cheio, pois o herói europeu chega à Ásia e se depara com haréns de mulheres lindas. 

4- ELENCO E PERSONAGENS 

O elenco é predominantemente asiático. Além de Richelmy, estão Benedict Wong (Prometeu), Joan Chen (Twin Peaks), Chin Han (Arrow e Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge), Zhu Zhu (A Viagem), Olivia Cheng (The Flash e Rastro Perdido), Claudia Kim (Os Vingadores: A Era de Ultron), Mahesh Jadu (Vizinhos), Tom Wu (007 - Operação Skyfall), Remy Hii (Águas Turvas), Uli Latukefu (Devil’s Playground) e Rick Yune (Invasão a Casa Branca e Velozes e Furiosos).

5- GUERRAS E BATALHAS 

Marco Polo também conta com uma cota generosa de batalhas e duelos, o que nos deixa ainda mais presos(as) na trama. O seriado tem como pano de fundo a guerra entre China e Mongólia no século 13.

6- A PRODUÇÃO DOS 10 PRIMEIROS EPISÓDIOS CUSTOU US$ 90 MILHÕES 

Assim que você começar à assistir a produção você verá que o dinheiro foi muito bem gasto!

7- LORENZO RICHELMY 

Para representar o aventureiro Marco Polo, o ator italiano de apenas 24 anos aprendeu montaria, inglês, luta com espadas e artes marciais. Emagreceu, tonificou os músculos e esteve, pela primeira vez, em uma produção estrangeira.

Atualizado em 7 Fev 2015.

Por Nathália Tourais
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Renato Aragão confirma volta de "Os Trapalhões"

Ator revelou a novidade durante painel na CCXP

Globo não exibe homenagem à Chapecoense e recebe crítica dos internautas

Emissora seguiu com a programação normal, com a novela "A Lei do Amor" e a sessão "Cinema Especial"

Saiba tudo sobre A Cara do Pai, nova série de comédia da Rede Globo

Série cômica tem estreia prevista para 11 de dezembro

Conheça todos os indicados ao prêmio Melhores do Ano 2016, do Domingão do Faustão

A premiação acontece no dia 11 de dezembro

Globo planeja exibir versões censuradas de suas séries na internet

Diretor de mídias digitais da emissora já avalia a ideia

Band vai exibir episódio de "Os Simpsons" que previu vitória de Donald Trump

Programa vai ao ar nesta quarta-feira, às 22h10