Guia da Semana

Estudantes brasileiros podem ter bolsas de estudos nos EUA pagas por Rihanna

Cantora anunciou iniciativa global para custear os estudos de alunos brasileiros, cubanos e jamaicanos; saiba como participar

Já pensou ter uma bolsa de estudos paga por Rihanna em uma universidade dos Estados Unidos? Pois isso é possível, graças a uma iniciativa global anunciada pela cantora para custear os estudos de alunos que tenham sido aprovados em uma universidade norte-americana no período de 2016/2017. O programa é válido para estudantes do Brasil, Barbados, Cuba, Haiti, Guiana, Granada e Jamaica.

A intenção é que o projeto consiga atender o maior número possível de jovens. As bolsas variam entre 5 mil a 50 mil dólares, podendo ser renovadas por até três anos ou até a conclusão do curso. A renovação vai depender também do desempenho do estudante, que deverá manter uma média acumulada de 2.5 a 4 em cada semestre.

Os estudantes que se interessarem, devem fazer as inscrições até 10 de junho por meio do site da Fundação Clara Lionel, criada por Rihanna em homenagem a seus avós. Uma comissão selecionará 50 finalistas com base no desempenho acadêmico, liderança demonstrada, participação em atividades escolares e comunitárias, experiência de trabalho e uma redação pessoal. O resultado será divulgado em agosto. 

Atualizado em 10 Mai 2016.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

7 programas de TV para quem ama moda e beleza

Transmissão ao vivo do Oscar 2017 na TV e Internet

A 89ª cerimônia de entrega dos Academy Awards é dia 26 de fevereiro

Transmissão do Carnaval 2017 na TV e internet

Confira a programação da Rede Globo, SBT e Band durante os dias de folia

SBT anuncia volta do "Show do Milhão" - em versão infantil!

Data de estreia e horário de exibição ainda não foram divulgados

Conheça os indicados ao Kids Choice Awards 2017

Saiba quais são as categorias da premiação mais melecada de Hollywood

Transmissão da luta de Anderson Silva pelo UFC 208 na TV e internet

O brasileiro enfrente o americano Derek Brunson na categoria peso-médio