Guia da Semana

Humor malvado

Luiz Fernando Guimarães deixa os seriados de lado e volta às telinhas para interpretar o mordomo vilão Nicolau, na novela Cordel Encantado

Foto: TV Globo/João Miguel Junior


Seu jeito irreverente e debochado marcou as noites de sexta, interpretando o personagem Rui, da série Os Normais. Trilhando o caminho oposto ao muitos atores, destacou-se na profissão fora das novelas, em séries de comédia, teatro e cinema. Após dez anos sem participar de folhetins, Luiz Fernando Guimarães volta à tona de uma forma diferente: dá vida ao mordomo arquivilão Nicolau, na próxima novela das 18h, na Globo, Cordel Encantado.

O acaso

O ator carioca, de 61 anos, teve a entrada no mundo artístico por acaso. Antes de colocar o pé no tablado, trabalhava como bancário. Em 1974 foi chamado para substituir um amigo na peça Inspetor Geral - a estreia do grupo teatral Asdrúbal Trouxe o Trombone. Capitaneado por Regina Casé e Hamilton Vaz Pereira, Luiz Fernando Guimarães se transformou em um dos fundadores da companhia, que apostava no teatro novo e na irreverência demolidora, marcando a dramaturgia brasileira e, sobretudo, o jeito de fazer comédia.

Estreou no cinema em 1976, no longa O Ibrahim do Subúrbio. Apesar de apresentar com desenvoltura e facilidade o viés da comédia, soube desempenhar bem papéis dramáticos, como no filme O que é Isso, Companheiro?, de Bruno Barreto, no qual fez um dos sequestradores do embaixador norte-americano Charles Elbrick. Participou ainda de programas infantis, como o Sítio do Picapau Amarelo e colaborou na dublagem do desenho Irmão Urso (2003), da Disney.

Os programas


MarisaOrth, Luiz Fernando Guimarães, Fernanda Torres e Evandro Mesquita no longa Os Normais (Foto: divulgação)

O destaque mesmo veio a bordo das sérias com temáticas jovens e humor com base no nonsense e na sátira. Foi roteirista e ator de TV Pirata, transmitido pela Globo, entre 1988 a 1990 e em 1992. O programa consagrou atores e atrizes, como Cláudia Raia, Débora Bloch, Marco Nanini, Ney Latorraca, Guilherme Karan, entre outros.

Entre junho de 2001 a outubro de 2003, integrou o seriado Os Normais. As situações inusitadas vividas pelos noivos Rui (Luiz Fernando Guimarães) e Vani (Fernanda Torres) rendeu tanto sucesso em audiência que até hoje nenhum outro bateu a marca de 28 pontos.

A série ganhou vários prêmios, entre eles o Troféu Imprensa de Melhor Programa Humorístico de 2002 e o de melhor humorístico no ano de 2001 e 2002 pelo Gran Prêmio de TV Latina. E ainda rendeu dois longas metragens ( Os Normais, Os Normais 2), que alcançaram, juntos, mais de 5 milhões de espectadores.

Com o término da série, Luiz Fernando passou a fazer parte da equipe de roteiristas do diretor José Alvarenga Jr, ao lado dos escritores Alexandre Machado e Fernanda Young, Luiz Fernando. O grupo foi responsável pela criação das séries Minha Nada Mole Vida, Os Aspones e do quadro Super Sincero, no Fantástico.


Trailer de divulgação do filme Os Normais 2 / Imagens Filmes


A sua participação do teatro ocorreu ao lado de Débora Bloch, em Fica Comigo Esta Noite, de Jorge Fernando. Novamente ao lado de Regina Casé, criou o monólogo Castiçais. Atuou na peça 5X Comédia, dirigida por Hamilton Vaz, que ficou sete anos em cartaz e se tornou o primeiro espetáculo a ocupar o Canecão. Angariou em 2004 o prêmio Qualidade Brasil, como melhor ator teatral no gênero comédia, por sua atuação em O Caso da Rua ao Lado.

Volta à novela

Após mais de dez anos afastado das novelas - atuou em Cambalacho (1986) e Uga-Uga (2000) - o novo desafio que Luiz Fernando Guimarães vai viver será ao lado de uma conhecida amiga, Débora Bloch, na novela Cordel Encantado. Ela, no papel da duquesa Úrsula; ele, seu mordomo e amante Nicolau. Apesar de trabalharem juntos em outros programas, essa será a primeira vez que vão contracenar na mesma novela. 

Escrito por Thelma Guedes e Duca Rachid, com direção de Ricardo Waddington, o folhetim está programado para estrear em abril. Enquanto não chega, quem quiser conferir os atores do futuro par romântico pode sintonizar no canal pago Viva. Ele reexibe a série TV Pirata todo sábado, à 0h. Nela, Luiz interpreta o empresário Reginaldo, e Deborah vive a romântica Natália, na novela nonsense Fogo no Rabo. Agora, se depender dos dois atores, a próxima trama das seis da Globo está com o humor garantido.

Atualizado em 12 Fev 2014.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Transmissão do Critics' Choice Awards 2016 na TV e internet

A premiação reúne os maiores talentos do cinema e da TV

Confira a programação especial de fim de ano da Rede Globo

A emissora carioca preparou muitas novidades para o mês de dezembro

Renato Aragão confirma volta de "Os Trapalhões"

Ator revelou a novidade durante painel na CCXP

Globo não exibe homenagem à Chapecoense e recebe crítica dos internautas

Emissora seguiu com a programação normal, com a novela "A Lei do Amor" e a sessão "Cinema Especial"

Saiba tudo sobre A Cara do Pai, nova série de comédia da Rede Globo

Série cômica tem estreia prevista para 11 de dezembro

Conheça todos os indicados ao prêmio Melhores do Ano 2016, do Domingão do Faustão

A premiação acontece no dia 11 de dezembro