Guia da Semana

Mais interessante que a sua?

Nosso colunista escreve a respeito do desfecho da série A Vida Alheia. Será que teremos uma segunda temporada?

Foto: TV Globo/Renato Rocha Miranda

Terminou na semana passada a primeira temporada da série A Vida Alheia, da Rede Globo. Arrisco dizer que a produção, roteirizada por Miguel Falabella, deu um passo além entre todos os seriados já feitos pela emissora. Acostumada com folhetins cheios de clichês, luzes e poucas sombras, com tramas (salvo exceções) sem grandes riscos, a teledramaturgia global pouco se dá ao luxo de ousar. Pois A Vida Alheia o fez, e o fez bem feito.

Ao centrar a trama na redação de uma revista de celebridades, A Vida Alheia acabou fazendo uma ácida e corajosa crítica ao próprio meio no qual está inserida. Boa parte do elenco global, incluindo aí vários nomes presentes no próprio seriado, poderia perfeitamente estampar a capa de uma revista como A Vida Alheia. Além disso, seus episódios traziam várias referências a casos reais, públicos e notórios. Claro, com uma lente de aumento para turbinar a dramaticidade, mas não dá para dizer que é tudo fruto da imaginação de uma equipe de roteiristas criativa.

Ao longo de 20 episódios, a série expôs feridas presentes não somente numa redação de revista de celebridades, mas em qualquer ambiente corporativo. E usou estes motes em tom dramático, porém com pitadas de comédia. Não aquela comédia de Falabella que já vimos em suas novelas, mas uma comédia cruel, dura e seca, daquelas de riso nervoso. Acompanhamos a vida de três mulheres interessantíssimas, Catarina Faisol (Marília Pêra), Alberta Peçanha (Cláudia Jimenez) e Manuela (Danielle Winits) e seus dramas, suas vontades, suas convicções e suas contradições.

O episódio final deixou um gancho perfeito para uma segunda temporada vitoriosa: Catarina sendo obrigada a aceitar uma nova revista de celebridades, a Sarjeta, comandada pelo ex-marido Julio (Carlos Gregório); Alberta se tornando notícia ao ver a filha assassinar o amante violento; e Manuela sendo demitida da revista. Já fica fácil imaginar uma segunda temporada, com Manuela fazendo parte da revista Sarjeta e rivalizando com a ex-ídolo Alberta; e Catarina no meio do fogo cruzado. Porém, a Globo ainda não confirma a produção de um segundo ano. Sabe-se que Miguel Falabella já trabalha na sinopse de uma nova novela, o que pode inviabilizar a nova fase da série. Seria uma pena se acabasse por aí...

Outro salto visto em A Vida Alheia foi o bom uso dos recursos da narrativa seriada. É rara uma série nacional que entenda que seriado não precisa ter episódios independentes entre si. Os episódios podem (e devem) se comunicar, criando um laço de fidelidade com o espectador. Por trazer episódios semanais, uma série que está livre das amarras folhetinescas e permite outros tipos de focos narrativos, aprofundando melhor o perfil dos personagens e situações. A Vida Alheia se assemelha muito a uma série americana neste sentido, ao apostar em episódios com começo, meio e fim, porém, trazendo arcos de trama que se desdobram ao longo da temporada inteira.

A série merece ser um exemplo a ser seguido pelos roteiristas dos próximos seriados globais. E seria muito bom se o espectador tivesse a oportunidade de reencontrar Alberta Peçanha, Catarina Faisol e Manuela em 2011.

Leia  as colunas anteriores de André Santana:

Antes do fim

Novidade Antiga

Do tempo passado

Quem é o colunista: André Santana.

O que faz: Jornalista e blogueiro.

Melhor lugar do mundo: Minha pequena cidade de Ilha Solteira - SP.

Pecado gastronômico: Filé à parmegiana... e batata frita!

Fale com ele: andre-san@bol.com.br ou acesse seu blog.

Atualizado em 21 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Transmissão do Miss São Paulo BE Emotion 2017 na TV e Internet

O evento acontece neste sábado (25), às 22h, no Palácio de Convenções do Anhembi

Transmissão do Kids’ Choice Awards 2017 na TV

A premiação será transmitida no canal Nickelodeon no dia 16, a partir das 20h30

Transmissão da luta de Vitor Belfort e Kelvin Gastelum na TV e Internet

Ana Maria Braga faz homenagem aos 20 anos de Louro José

"Meu filho, meu companheiro", escreveu a apresentadora no Instagram

"A Grande Família" ganhará retrospectiva especial na Globo

Episódios irão ao ar entre março e abril

Transmissão ao vivo do Lollapalooza 2017 na TV e Internet

Festival de música acontece nos dias 25 e 26 de março, no Autódromo de Interlagos