Guia da Semana

Personagens vergonha alheia da TV brasileira do anos 2000

Preparamos para você uma lista com os personagens mais vergonha alheia que passaram pela TV brasileira nos anos 2000

Repleta de personagens caricatos e muitas vezes inesquecíveis, a TV brasileira é uma caixinha de surpresas onde celebridades e subcelebridades aparecem com a mesma velocidade com que desaparecem.

+ Confira o resumo das novelas da TV brasileira
+ Relembre quem foram as piores mães da TV

Durante os anos 90 e 2000, alguns deles ficaram marcados em nossa memória - não por serem geniais ou notáveis, mas sim por nos transmitirem o mais simples e puro sentimento de vergonha alheia. O Guia da Semana separou para você uma lista com os 8 personagens vergonha alheia da TV Brasileira

Flávio e Gustavo

Os gêmeos sensuais eram atração quase garantida em programas de auditório como o Domingo Legal. A função deles? Serem bonitos e arrancar suspiros da plateia majoritariamente feminina. Atualmente, os irmãos trabalham como corretores de imóveis nos Estados Unidos.

Et e Rodolfo

Acordando artistas no programa Domingo Legal, a dupla chegou a gravar dois álbuns produzidos por Rick Bonadio (vendendo cerca de 100 mil cópias!). Com o falecimento de ET (Cláudio Chirinian) em 2010, Rodolfo faz aparições casuais na TV, como repórter.

Feiticeira

Uma das musas do Programa H, a Feiticeira (Joana Prado, a esposa do lutador de UFC Vitor Belfort) seduzia os rapazes da plateia com suas curvas e traje minimamente misterioso.

Tiazinha

Companheira de trabalho da Feiticeira no Programa H, a Tiazinha (Suzana Alves) depilava os peludos da plateia. Anos depois, ganhou um programa chamado “As aventuras da Tiazinha” na Band, ficando apenas um ano no ar. O cantor Vinny chegou a compor uma ode à musa, chamada “Uh, Tiazinha!”.

Liminha

Animador de plateia ultraempolgado, Liminha ainda figura entre os personagens da grade de programas do SBT. Organizador de caravanas, Liminha já foi o clássico e famoso “pintinho amarelinho” da música do Gugu.

Rosa e Rosinha

Dois homens vestidos com ternos cor-de-rosa fazendo paródias de músicas famosas. A dupla possui quatro álbuns gravados e em 2008, gravaram um DVD.

Chiquinho

Assistente de palco do programa da Eliana, além de fazer desenhos da apresentadora com as pernas peludas, anos mais tarde ganhou seu próprio programa, onde o personagem Ed Banana comandava shows de calouros e diversos temas aleatórios.

Filomena

Conhecida pelo bordão “Óh, coitado”, Filomena (Gorete Milagres) atuou em uma minissérie na TV Cultura em 2012. Trabalhando em programas como Praça é Nossa e fazendo participações no Domingo Legal, a atriz é formada em cinema e faz algumas participações esporádicas na TV.

Atualizado em 21 Ago 2013.

Por Leila Vieira
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Transmissão do Critics' Choice Awards 2016 na TV e internet

A premiação reúne os maiores talentos do cinema e da TV

Confira a programação especial de fim de ano da Rede Globo

A emissora carioca preparou muitas novidades para o mês de dezembro

Renato Aragão confirma volta de "Os Trapalhões"

Ator revelou a novidade durante painel na CCXP

Globo não exibe homenagem à Chapecoense e recebe crítica dos internautas

Emissora seguiu com a programação normal, com a novela "A Lei do Amor" e a sessão "Cinema Especial"

Saiba tudo sobre A Cara do Pai, nova série de comédia da Rede Globo

Série cômica tem estreia prevista para 11 de dezembro

Conheça todos os indicados ao prêmio Melhores do Ano 2016, do Domingão do Faustão

A premiação acontece no dia 11 de dezembro