Guia da Semana

Filme sobre “Onde Está Wally?” pode virar realidade

Seth Rogen e Evan Goldberg negociam com a MGM para produzir a adaptação.

Já imaginou vivenciar a experiência de procurar por Wally – aquele personagem simpático que sempre usa óculos redondos, gorro e casaco de lã listrado em vermelho e branco – na tela grande do cinema? Não sabemos muito bem como isso funcionaria fora dos famosos livros “Onde Está Wally?”, mas a verdade é que o ator (e também roteirista e produtor) Seth Rogen e o diretor (também produtor e roteirista) Evan Goldberg estão perto de transformar esse projeto em realidade com o suporte da MGM.

A empresa adquiriu os direitos para uma adaptação em 2011, mas, até agora, nenhum plano concreto havia sido divulgado. A novidade é que a dupla estaria próxima de assinar o contrato para assumir a produção de um live action, que contaria ainda com roteiro de Kyle Hunter e Ariel Shaffir (que trabalharam com Rogen e Goldberg em “Sausage Party” e “Sexo, Drogas e Jingle Bells”). As informações são do site Deadline.

 

Atualizado em 14 Mar 2016.

Por Juliana Varella
Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

"All I See is You", drama com Blake Lively, ganha primeiro trailer; assista!

Longa estreia dia 27 de outubro nos EUA

Bilheterias da semana: "It - A Coisa" mantém liderança enquanto "Mãe!" fracassa nos EUA

Filme pode se tornar a maior bilheteria da história no gênero de horror

"Bingo - O Rei das Manhãs" é escolhido para representar o Brasil no Oscar 2018

Filme de Daniel Rezende se inspira na história real de um dos atores que interpretou o palhaço Bozo no Brasil

Reserva Cultural exibe filmes franceses sobre a Melhor Idade com café da manhã e preços baixos

Programação marca o último ciclo do ano do Cinéclub, projeto que acontece sempre no último domingo do mês

Estreias da semana: “Feito na América”, “As Duas Irenes” e mais 7 filmes

Novo horror ambientado na famosa casa de Amityville também é destaque

Clientes Claro e NET agora têm desconto nos cinemas Kinoplex; saiba mais!

Assinantes das operadoras pagam 50% do ingresso em qualquer filme, dia ou horário