Guia da Semana

Juiz proíbe distribuição do longa Giallo

Ator Adrien Brody afirma não ter recebido cachê

25 de novembro de 2010

Vencedor do Oscar de melhor ator por seu trabalho em O Pianista, Adrien Brody conseguiu na justiça a proibição da distribuição do filme Giallo-Reféns do Medo. O ator, que é protagonista do longa, acusa a produtora de não ter pago seu cachê e direitos de imagem, que chegam a aproximadamente US$ 640 mil.

O juiz federal norte-americano que cuida do caso, proibiu a distribuição e venda do filme em todo território dos EUA. No Brasil, porém, Giallo-Reféns do Medo pode ser encontrado em qualquer locadora.

Atualizado em 6 Set 2011.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

20 Filmes que você vai querer ver nos cinemas em junho

"Mulher Maravilha", "A Múmia" e "Meu Malvado Favorito 3" estão entre os destaques do mês

Mostra itinerante exibe "Up - Altas Aventuras" e outros três filmes de graça em São Paulo

“Up – Altas Aventuras” e “O Sorriso de Monalisa” estão no cardápio do Cinemóvel Carrefour

Continuação de "Mamma Mia" é confirmada

Intitulado "Here We Go Again!", filme estreia em 2018

Shopping Eldorado recebe projeção com cenas inéditas de “Piratas do Caribe – A Vingança de Salazar”

Quinto filme da franquia chega aos cinemas na próxima quinta-feira

Disney divulga calendário com lançamentos até 2021

Live action de “O Rei Leão” e quinto filme da franquia “Indiana Jones” ganham data de estreia

Em entrevista exclusiva, Zoey Deutch se diz encantada com os fãs brasileiros e revela que quer vir ao Brasil

Atriz estrela o filme “Antes que Eu Vá”, que chega aos cinemas nesta quinta-feira