Guia da Semana

Padilha quer nova lei de incentivo ao cinema

Diretor de Tropa de Elite 2 abriu mão de distribuidora para testar modelo

18 de outubro de 2010

 

O cineasta brasileiro José Padilha pega carona na estreia bem-sucedida de Tropa de Elite 2 para discutir a questão das leis de incentivo às produções cinematográficas no país. Segundo ele, ao contrário do modelo de contrato norte-americano, os filmes nacionais recebem muito mais investimentos do produtor que do distribuidor.

 

Para comprovar esta prática, Padilha abriu mão de um distribuidor neste seu último filme e diz que vai apresentar ao governo um relatório com os resultados desta experiência. Antes de fazer uma proposta de mudança na legislação, o diretor vai se reunir com grandes produtores brasileiros com o objetivo de montar uma distribuidora.

 

Com menos de duas semanas em cartaz, Tropa de Elite 2 já atingiu o patamar de três milhões de espectadores.

Atualizado em 10 Abr 2012.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

22 filmes para ver por até R$ 4 no Dia do Orgulho Nerd

"Batman: O Cavaleiro das Trevas" e "Harry Potter e as Relíquias da Morte" estão em cartaz por preços reduzidos

7 motivos para assistir ao novo “Piratas do Caribe – A Vingança de Salazar”

Quinto filme da série chega aos cinemas nesta quinta-feira, 25 de maio

Filme "Extraordinário", com Julia Roberts e Jacob Tremblay, ganha trailer emocionante

Longa inspirado no best-seller de R.J. Palacio estreia em novembro

20 Filmes que você vai querer ver nos cinemas em junho

"Mulher Maravilha", "A Múmia" e "Meu Malvado Favorito 3" estão entre os destaques do mês

Mostra itinerante exibe "Up - Altas Aventuras" e outros três filmes de graça em São Paulo

“Up – Altas Aventuras” e “O Sorriso de Monalisa” estão no cardápio do Cinemóvel Carrefour

Continuação de "Mamma Mia" é confirmada

Intitulado "Here We Go Again!", filme estreia em 2018