Guia da Semana
Cinema
Por Juliana Varella

Sangue Azul leva o troféu Redentor no Festival do Rio 2014

Longa pernambucano ganhou três prêmios, incluindo o de melhor diretor.

Lírio Ferreira e Fellipe Barbosa, vencedores do prêmio do júri e do voto popular (Divulgação/Festival do Rio)

O cinema pernambucano desabrochou. Alguns dos maiores títulos do cinema nacional recente vieram dali, trazendo novas perspectivas e um olhar questionador, tradicional e fresco ao mesmo tempo. Não surpreende, portanto, que seja um pernambucano o grande vencedor do Festival do Rio 2014: Sangue Azul, de Lírio Ferreira, levantou o troféu Redentor na noite de ontem, 8 de outubro.

Estima-se que mais de 250 mil espectadores tenham prestigiado o festival carioca, que trouxe, entre os títulos mais concorridos, obras como “Garota Exemplar” (David Fincher), “Boyhood” (Richard Linklater) e “Mr. Turner” (Mike Leigh).

O filme de Ferreira ganhou, além do prêmio de Melhor Filme, também o de Melhor Diretor e Ator Coadjuvante (Rômulo Braga). O Melhor Ator eleito pelo júri foi Matheus Fagundes, de “Ausência”, e a melhor atriz foi Bianca Joy Porte, de “Prometo Um Dia Deixar Essa Cidade”. Já o público escolheu “Casa Grande”, de Fellipe Gamarano Barbosa, como o melhor longa de ficção.

A edição deste ano inaugurou um prêmio novo, o Felix, entregue aos destaques na temática LGBT – os filmes não foram separados numa categoria própria, mas espalhados junto com os outros competidores. “Xenia”, de Panos H. Koutras, ganhou o Felix de Melhor Ficção.

Confira a lista completa de premiados do Festival do Rio 2014:

Première Brasil

JÚRI OFICIAL

Presidido por Karim Ainouz e composto por Andrea Barata Ribeiro, Malu Mader, Maurizio Braucci e Mike Downey.

MELHOR LONGA-METRAGEM DE FICÇÃO – SANGUE AZUL, de Lírio Ferreira

MELHOR LONGA-METRAGEM DE DOC – À QUEIMA ROUPA, de Theresa Jessouroun

MELHOR CURTA-METRAGEM - BARQUEIRO, de José Menezes e Lucas Justiniano

MELHOR DIRETOR DE FICÇÃO – LÍRIO FERREIRA ( SANGUE AZUL)

MELHOR DIRETOR DE DOC - Theresa Jessouroun (à QUEIMA ROUPA)

MELHOR ATRIZ – BIANCA JOY PORTE (PROMETO UM DIA DEIXAR ESSA CIDADE)

MELHOR ATOR – MATHEUS FAGUNDES (AUSÊNCIA)

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE – FERNANDA ROCHA (O ÚLTIMO CINE DRIVE-IN)

MELHOR ATOR COADJUVANTE – RÔMULO BRAGA (SANGUE AZUL)

MELHOR FOTOGRAFIA - ANDRÉ BRANDÃO(OBRA)

MELHOR MONTAGEM - Luisa Marques ( A VIDA PRIVADA DOS HIPÓPOTAMOS)

MELHOR ROTEIRO - Murilo Salles (O FIM E OS MEIOS)

PRÊMIO ESPECIAL DO JÚRI - AUSÊNCIA, de Chico Teixeira

PRÊMIO PELO CONJUNTO DA OBRA – OTHON BASTOS

NOVOS RUMOS

Juri presidido por Felipe Bragança e composto por Bianca Comparato e Cavi Borges

MELHOR FILME - CASTANHA, de Davi Pretto

MELHOR CURTA – BOM COMPORTAMENTO, de Eva Randolph

PRÊMIO ESPECIAL DO JÚRI – DEUSA BRANCA, de Alfeu França

PRÊMIO FIPRESCI

Júri composto por Ernesto Diez Martinez, Luiz Zanin e Roni Filgueiras - OBRA, de Gregorio Graziosi

JURI VOTO POPULAR:

MELHOR LONGA FICÇÃO: CASA GRANDE, de Fellipe Gamarano Barbosa

MELHOR LONGA DOCUMENTÁRIO: FAVELA GAY, de Rodrigo Felha

MELHOR CURTA: MAX UBER, de Andre Amparo

MOSTRA GERAÇÃO: Finn, de Frans Weisz

PRÊMIO FELIX:

Melhor Documentário: DE GRAVATA E UNHA VERMELHA, de Miriam Chnaiderman

Melhor Ficção: XENIA, de Panos H. Koutras

Prêmio Especial do Juri: TODA TERÇA-FEIRA, de Sophie Hyde


Por Juliana Varella

Atualizado em 9 Out 2014.

Mais notícias

Saiba como assistir ao Oscar 2021 na TV e Internet

Cinema

Divulgados trailer e pôster inéditos do filme "Cruella"; confira!

Cinema

Resenha: 'En las estrellas'

Cinema

Confira a lista dos indicados ao Oscar 2021

Cinema

Oscar 2021: saiba onde assistir aos filmes indicados

Cinema

10 mostras de cinema online para conferir em março de 2021

Cinema