Guia da Semana

Guia da Semana

Nas ruas do submundo de Copacabana surge Vieira (Antônio Fagundes), um delegado aposentado que procura preencher o vazio com prostitutas. Ele vive um caso com Magali (Zezé Polessa), que certo dia é encontrada a morta em sua casa, amarrada nua à cama e com um saco de plástico na cabeça. Vieira é logo apontado como principal suspeito do crime e não pode sequer provar sua inocência, pois estava embriagado e não se lembra o que aconteceu.

Em meio às suspeitas, Vieira se envolve com a sedutora Flor (Juliana Knust), uma jovem prostituta que era muito amiga de Magali. Ele se apaixona e vê nela uma esperança de felicidade. Mas, um velho companheiro da polícia, que agora é político, aparece para chantageá-lo e trazer lembranças de um passado de mortes.

Achados e Perdidos é a adaptação do romance policial do brasileiro Luiz Alfredo Garcia-Roza. Os direitos para a versão foram comprados em 1998, mas a produção só começou cinco anos depois. O longa conta com duas estrelas da TV e do cinema brasileiro, Antônio Fagundes e Zezé Polessa, e a jovem Juliana Knust faz a sua estréia nas telonas. O filme teve passagens pelo Festival do Rio e pela Mostra BR de Cinema de São Paulo.

Achados e Perdidos

Diretor: José Joffily

Elenco: Zezé Polessa, Juliana Knust

País de origem: BRA

Ano de produção: 2006

Classificação: 16 anos