Guia da Semana
Cinema
Por Redação Guia da Semana

Apolônio Brasil - Campeão da Alegria

Hugo Carvana conta a história de um cantor de boate, no glamouroso Rio de Janeiro das décadas de 50 a 70..

Apolônio Brasil - Campeão da Alegria

Diretor: Hugo Carvana

Elenco: Marco Nanini

País de origem: BRA

Ano de produção: 2003

Classificação: 12 anos

Entre os anos 50 e 70, a noite carioca fervia com dezenas de bares e boates, cada um com seu cantor, artista da noite absolutamente fiel ao estabelecimento, como Dolores Duran e o Little Club, de onde não saía. Um desses artistas era Apolônio Brasil - Campeão da Alegria (Marco Nanini), pianista e cantor, adorado pelas mulheres.

Esse gênio havia descoberto o segredo da alegria de viver e, depois de sua morte, ainda vai dar o que falar. Ele mesmo havia pedido que seu cérebro fosse retirado, e o órgão vai ser disputado por amigos de Apolônio, pelo filho que nunca chegou a conhecer o pai e por um cientista, Boris Lewinski (José Lewgoy), que acredita poder extrair o gene da alegria dos neurônios do artista.

O enredo é apenas pretexto para Hugo Carvana fazer uma homenagem às chanchadas de décadas atrás. Ele já tinha o personagem na cabeça e escolheu Nanini para o papel ao vê-lo cantar na peça Últimas Luas. A seleção musical ficou a cargo de David Tygel, que participou do Momento Quatro e fundou o Boca Livre. Ele selecionou para o filme canções de Noel Rosa, Lamartine Babo, Herivelto Martins e outros grandes nomes daquela época áurea da música brasileira.

Notícias recomendadas

10 filmes com Papai Noel que vão deixar o seu Natal mais divertido

Cinema

15 filmes imperdíveis em cartaz no feriado de 20 de novembro de 2019

Cinema

"Um Dia de Chuva em Nova York", "A Vida Invisível" e mais oito filmes estreiam nos cinemas dia 21 de novembro

Cinema

10 filmes importantes sobre solidão 

Cinema

15 filmes com Alec Baldwin que você precisa assistir

Cinema

13 filmes imperdíveis em cartaz nos cinemas durante o feriado de 15 de novembro de 2019

Cinema