Guia da Semana
Cinema
Por Redação Guia da Semana

Detetive

Um detetive investiga um assassinato em um hotel, enquanto outro crime parece estar prestes a acontecer..

Detetive

Diretor: Jean-Luc Godard

País de origem: FRA

Ano de produção: 1985

Classificação: 14 anos

Num quarto de um luxuoso hotel de Paris houve um assassinato. É este o crime que O Detetive Neveu (Jean-Pierre Léaud) está investigando junto com o tio, William Prospero, e a namorada, Ariel. Ao mesmo tempo, um outro crime parece estar apenas esperando para acontecer: o piloto Emile Chenal e sua mulher, Françoise, estão cobrando uma dívida de Jim Fox Warner, empresário de um jovem boxeador. O casal está em crise, e Françoise trocou o marido justamente por Fox, que tem um outro credor muito mais cruel: a máfia. Ele coloca todas as esperanças numa luta de seu jovem pupilo, mas teme porque uma jovem está virando a cabeça do lutador, que pode colocar tudo a perder.

Seguindo o padrão usual dos filmes de Jean-Luc Godard, em Detetive é quase impossível descobrir exatamente o que está acontecendo e quais são as relações entre os personagens. Os diálogos estão cheios de frases sem sentido que surgem do nada, e o mesmo ocorre com a trilha sonora, composta por trechos de obras de Wagner, Chopin, Schubert, Liszt e outros compositores: a música vem e vai sem nenhuma relação objetiva com a cena onde foi encaixada. O filme ainda traz diferentes gerações de beldades do cinema francês: Nathalie Baye, Emmanuelle Seigner e Julie Delpy, em um de seus primeiros papéis, como a garota do clarinete.

Notícias recomendadas

15 filmes atuais que se passam em outra década e merecem sua atenção

Cinema

4 motivos para assistir ao filme brasileiro “Simonal”

Cinema

9 filmes perturbadores que talvez você não assista até o final

Cinema

"Era Uma Vez Em... Hollywood", "Noite Mágica" e mais dois filmes estreiam nesta quinta-feira (15); Confira!

Cinema

10 filmes incríveis para quem curte seres místicos e fantasiosos

Cinema

Esquenta Rock in Rio: 10 filmes que vão te deixa ainda mais ansioso pelo festival

Cinema