Guia da Semana
Cinema
Por Redação Guia da Semana

Há Tanto Tempo Que Te Amo

Depois de quinze anos na cadeia, mulher volta a viver na casa da irmã.

Há Tanto Tempo Que Te Amo

Diretor: Philippe Claudel

País de origem: FRA/ALE

Ano de produção: 2008

Depois de cometer um crime brutal, Juliette (Kristin Scott Thomas) passa 15 anos na cadeia. Sem a visita dos pais ou da irmã, que não perdoam seu ato, a mulher perde completamente o contato com a família, se tornando uma estranha para aqueles que conviveram com ela. Ao sair da cadeia, Juliette é conduzida pelos assistentes sociais à casa de Léa, sua irmã.

O contato entre as duas fica difícil em função do tempo que estão afastadas. Vivendo com o marido, as filhas e o sogro, Léa aceita acolher a irmã, mas já não sabe quem é aquela mulher, e parece não querer saber. Sempre que sua filha Lys pergunta sobre o passado da tia é repreendida pela mãe. Apenas Michel, que faz um trabalho em presídios, parece compreender a situação da mulher. Um grande segredo é guardado e à medida que Juliette vai se aproximando de todos, ele vai sendo revelado.

Há Tanto Tempo Que Te Amo é a estreia como diretor de cinema do renomado escritor francês Philippe Claudel, autor de obras como Almas Cinzentas e O Barulho das Chaves. Apesar de seguir a carreira de professor e escritor, Claudel sempre sonhou trabalhar em cinema, o que começou a fazer em 2002, quando o amigo Yves Ângelo o convidou para roteirizar um filme que iria dirigir. Apesar de ser um romancista, Philippe não quis escrever a história de Juliette, e acredita que ela só funciona no cinema, e não na literatura.

Trailer do filme video

Notícias recomendadas

6 remakes incríveis que você precisa assistir o quanto antes

Cinema

Além dos documentários: 6 filmes que estimulam a consciência ambiental

Cinema

8 filmes brasileiros que você vai querer ver em 2019

Cinema

10 filmes incríveis dos anos 60 que você deveria assistir 

Cinema

8 filmes imperdíveis sobre escalada e alpinismo

Cinema

Cinema: 10 trailers e teasers que vão te deixar ansioso(a) para 2019

Cinema