Guia da Semana
Cinema
Por Redação Guia da Semana

Lula, O Filho do Brasil

Biografia do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, baseada no livro de Denise Paraná.

Lula, O Filho do Brasil

Diretor: Fábio Barreto

Elenco: Glória Pires

País de origem: BRA

Ano de produção: 2010

Na década de 40, no sertão de Pernambuco, Dona Lindu (Glória Pires) é abandonada pelo marido Aristides (Milhem Cortaz), que vai tentar a vida em São Paulo com uma mulher mais nova. Um mês depois, nasce o sétimo filho do casal, Luiz Inácio. Vivendo em Santos com a nova mulher e com Jaime, seu primogênito, Aristides quer que Lindu permaneça no Nordeste, apesar da seca e das dificuldades, mas o garoto se aproveita do analfabetismo do pai e escreve uma carta para a mãe chamando a família para morar com eles. A mulher, então, vende tudo o que tem e pega um pau-de-arara rumo ao litoral de São Paulo.

No Sudeste desde os seis anos, Luiz Inácio, o Lula, trabalha duro desde cedo para ajudar a família. Mesmo assim, a contragosto do pai, também estuda com seus irmãos. Com as constantes brigas entre Lindu e Aristides, ela decidiu reunir os filhos e se mudar para a Vila Carioca, na capital. Sem as pressões do pai, o jovem se forma em um curso profissionalizante. Mesmo com o trabalho e os estudos, Lula sempre sai com os amigos, e se apaixona pela irmã de um deles, Lurdes, com quem casa e vai morar no ABC.

Trabalhando como torneiro-mecânico, Luiz sente as injustiças contra os operários, mas prefere deixar de lado, apesar de seu irmão, Ziza, sempre convidá-lo a se juntar aos sindicalistas. Depois da trágica morte de Lurdes, Lula se envolve cada vez mais com o movimento sindical, lutando por conquistas para os trabalhadores. Ainda abalado com a morte da esposa e do filho, ele conhece Marisa, uma jovem mãe que também ficou viúva recentemente. Com o apoio da mãe e da nova mulher, Lula rapidamente se torna um líder entre os operários.

Produzido por Luiz Carlos Barreto e dirigido por seu filho, Fábio Barreto, de O Quatrilho, Lula, O Filho do Brasil gerou polêmica antes mesmo de ser lançado por ser considerado um filme eleitoreiro pelos adversários políticos do Presidente. Apesar de não ter usado qualquer tipo de lei de incentivo, a cinebiografia é patrocinada por grandes empresas acusadas de serem beneficiadas pelo governo. O filme é uma adaptação do livro de mesmo nome da jornalista Denise Paraná, e ainda conta com as atuações de Cléo Pires, Juliana Baroni e Rui Ricardo Dias, como o Lula adulto. Duas semanas antes da estreia, o diretor Fábio Barreto sofreu um grave acidente de carro, deixando-o em coma, o que o impossibilitou de acompanhar o lançamento.


Trailer do filme video

Notícias recomendadas

10 filmes com Philip Seymour Hoffman que você deveria assistir

Cinema

"Em Chamas", "O Quebra-Cabeça" e mais três filmes estreiam nesta quinta (15); Confira:

Cinema

Disney Pixar divulga teaser trailer de "Toy Story 4"; assista!

Cinema

21 filmes com heróis de Stan Lee que você precisa assistir o quanto antes

Cinema

10 filmes que você precisa assistir na Netflix até o final do ano

Cinema

9 filmes imperdíveis com o ator Eddie Redmayne para assistir hoje mesmo

Cinema