Guia da Semana
Cinema
Por Redação Guia da Semana

Marcas da Violência

A rotina de um homem é abalada depois que ele mata dois criminosos que tentaram assaltar seu restaurante.

Marcas da Violência

Diretor: David Cronenberg

Elenco: William Hurt, Viggo Mortensen

País de origem: EUA

Ano de produção: 2005

Classificação: 18 anos

Tom Stall (Viggo Mortensen) leva uma vida pacata, mas feliz em uma cidade do interior em que nada acontece. Estereótipo do americano trabalhador, tudo indica que ele é um homem bom, totalmente dedicado aos dois filhos e a mulher Edie. Certa noite, a rotina da sua lanchonete é interrompida quando dois assaltantes armados invadem o local. Aproveitando a distração de um deles, Tom saca uma arma e os mata a queima-roupa. Com os amigos e clientes a salvo, ele é aclamado o herói da comunidade.

O suposto final feliz é apenas o início da trama cheia de Marcas da Violência. A imagem do homem corajoso é veiculada por todos os telejornais da região, o que promove a vinda de três gângsteres da cidade grande. O líder deles, Carl Fogarty (Ed Harris), chega com sede de vingança e com a convicção de que Tom, na verdade, é Joey Cusack, alguém que lhe deixou uma cicatriz no olho esquerdo quando tentou arrancá-lo com arame farpado. A presença do misterioso forasteiro e o comportamento heróico inesperado de Tom se transforma em uma dúvida para sua família.

O roteiro do filme, de Josh Olson, foi baseado em uma graphic novel (DC Comics, 1997) criada por John Wagner e desenhada por Vince Locke. O filme foi bem aceito pela crítica internacional e nacional, e dizem até que o roteiro poderia ter sido assinado por David Cronenberg. Ninguém discordaria. Isso devido à tamanha afinidade do cineasta com o tema de violência, suspense e crise de identidade.

Notícias recomendadas

Divulgados trailer e pôster inéditos do filme "Cruella"; confira!

Cinema

Resenha: 'En las estrellas'

Cinema

Confira a lista dos indicados ao Oscar 2021

Cinema

Oscar 2021: saiba onde assistir aos filmes indicados

Cinema

10 mostras de cinema online para conferir em março de 2021

Cinema

Mostras de cinema gratuitas e online para conferir em fevereiro

Cinema