Guia da Semana

Guia da Semana

Um grande projeto cinematográfico saiu da cabeça do diretor soviético Mikhail Kalatozov durante os anos de Guerra Fria. O que parecia uma utopia, no entanto, é colocado em prática e o filme Soy Cuba começa a se tornar realidade. O longa tinha como objetivo divulgar a revolução cubana, promovida pela União Soviética. Durante 2 anos, cerca de 200 profissionais latinos e soviéticos percorreram a ilha de Fidel de ponta a ponta, fazendo um retrato fiel de tudo o que acontecia.

A história do filme, no entanto, foi marcada pelo fracasso. Na segunda semana após a estréia a produção foi arquivada e sequer chegou ao conhecimento do público ocidental. Os originais foram resgatados pelos famosos cineastas Martin Scorsese e Francis Ford Coppola, mas ficou a cargo do brasileiro Vicente Ferraz documentar fatos interessantes sobre a fita.

Profissionais envolvidos na equipe de produção, filmagens e outros personagens são entrevistados em Soy Cuba - O Mamute Siberiano. O relato de cada um deles mostra o trabalho num projeto enorme e pretencioso, que acabou engavetado durante décadas a fio. O título do documentário foi inspirado na crítica do norte-americano George Tunner, que comparou a descoberta do filme com a experiência vivida por um paleontólogo ao encontrar fósseis de um mamute Siberiano enterrado numa praia do Caribe.

Soy Cuba - O Mamute Siberiano

Diretor: Vicente Ferraz

País de origem: BRA

Ano de produção: 2005

Classificação: 10 anos