Guia da Semana
Cinema
Por Redação Guia da Semana

Um Dia sem Mexicanos

Um misterioso fato preocupa a Califórnia: os hispânicos desapareceram e o Estado não consegue se comunicar com o resto do mundo.

Um Dia sem Mexicanos

Diretor: Sergio Arau

País de origem: EUA

Ano de produção: 2004

A Califórnia está em estado de choque: numa noite desaparecem 14 milhões de pessoas. Todas de origem hispânica. O vazamento de uma torneira pode ser o início de tudo. Após comunicar seu chefe sobre o problema, a babá hispânica tenta contornar a situação com um copo. Quando a água do recipiente transborda, misteriosas coisas começam a acontecer. Uma neblina rosa se instala sob a Califórnia e o Estado norte-americano fica incomunicável com o resto do mundo.

Como se não bastasse, todos os hispânicos desaparecem. Permanecer Um Dia sem Mexicanos pode falir o Estado. A economia começa a desmoronar, escolas fecham e a produção entra em colapso. Cientistas tentam buscar explicações e algumas teorias passam a fazer parte do imaginário das pessoas: abdução alienígena, terrorismo ou o fim do mundo? Enquanto especulações são feitas, a chave para desvendar o mistério pode estar em Lilá Rodriguez, a única hispânica que não desapareceu.

O filme marca a estréia de Sergio Arau como diretor de longas. A produção é baseada em um curta-metragem de mesmos nome e cineasta. O elenco conta com Caroline Aaron, Tony Abatemarco e Melinda Allen. O longa foi vencedor do prêmio de melhor filme no Festival de Cinema Mexicano e Ibero-Americano de Guadalajara, em 2004.

Notícias recomendadas

7 filmes do diretor David Lynch que você precisa assistir

Cinema

Os melhores filmes infantis de 2019... até agora

Cinema

10 filmes imperdíveis com alienígenas para quem gosta do gênero

Cinema

10 filmes europeus imperdíveis para assistir na Netflix

Cinema

"MIB: Homens de Preto - Internacional", "Dor e Glória" e mais quatro filmes estreiam nesta quinta (13); Confira:

Cinema

Dia dos Namorados? 8 filmes para cultivar o amor próprio

Cinema