Guia da Semana
Esportes
Por Ezio Jemma

Melhores Momentos da Copa do Mundo 2014

Relembre os momentos inesquecíveis do mundial no Brasil.

Alemanha é tetra (FIFA)

A Copa do Mundo 2014 acabou. Por mais que seja difícil para a maioria dos brasileiros se acostumar com o dia a dia sem os jogos, está na hora de seguirmos com a vida de Brasileirão e Libertadores. No entanto, não há problemas em relembrar um pouco do que aconteceu durante esses 30 dias em que o mundo parou para ver as melhores seleções do mundo em campo.

A mordida de Luiz Suárez, a contusão de Neymar e tantos outros acontecimentos fizeram desta uma das melhores Copas da história. Pensando nisso, o Guia da Semana separou os momentos mais marcantes da Copa do Mundo 2014.

Abertura

Pode-se dizer que a abertura da Copa do Mundo 2014 não agradou a todos. Aliás, é difícil encontrar alguém que tenha gostado. Os elementos escolhidos para figurinos e fantasias foram bastante criticados e ninguém entendeu a história que estava sendo contada.

O trio Pitbull, Claudia Leitte e Jennifer Lopez também não agradou a todos, especialmente pela calça usada por Pitbull a qual foi chamada de fraldão por sites estrangeiros. Além disso, falou-se muito do jovem paraplégico que ia chutar a Brazuca usando um exoesqueleto. No entanto ele apareceu apenas 3 segundos na tela e não teve o menor destaque.

Primeiro hino a capela

Só quem foi ao jogo de abertura da Copa sabe o que foi ouvir o hino nacional à capela pela 1ª vez na Copa. Os mais de 60 mil torcedores presentes no Itaquerão emocionaram e se emocionaram com o coro patriótico. Isso aconteceu em todos os jogos que o Brasil disputou.

Gol contra de Marcelo

Todos esperavam que os craques da seleção brasileira não teriam problema em vencer a seleção croata na estreia, especialmente jogando em casa.

No entanto, o lateral esquerdo Marcelo foi o responsável pelo primeiro susto do Mundial: um gol contra que abriu o placar a favor da Croácia. Ainda bem que o Brasil virou o placar e venceu por 3 a 1.

Holanda 5 x 1 Espanha

O grupo B era considerado um dos mais difíceis do mundial por juntar Holanda, Chile, Austrália e a temida campeã Espanha. A primeira rodada logo acabou com esse fantasma. Com uma atuação impecável de Robben, Van Persie e companhia, a Holanda deu um baile nos espanhóis e goleou por 5 a 1. A Espanha seria eliminada na rodada seguinte.

Uruguai 1 x 3 Costa Rica

Outro grupo considerado “da morte” era o D. Ele trazia 3 campeões do mundo: Itália, Inglaterra e Uruguai. Sabe quem foi o 1º colocado? A Costa Rica! A maior zebra da Copa começou sua surpreendente campanha vencendo os badalados uruguaios por 3 a 1. Na rodada seguinte ela ainda venceria a Itália.

Alemanha 4 x 0 Portugal

Todos estavam esperando ansiosos pela estreia do melhor jogador do mundo na Copa. Cristiano Ronaldo era a única esperança portuguesa para fazer uma boa campanha. No entanto, nem ele nem seus companheiros viram a cor da bola no jogo contra a Alemanha. Com um hat-trick de Thomas Mueller, os alemães golearam por 4 a 0 e complicaram os portugueses, que nem se classificaram.

Golaço de Messi contra o Irã

Lionel Messi é outro grande craque que atraiu os holofotes durante a Copa. Ele se saiu muito melhor que Cristiano Ronaldo não só individualmente quanto na importância para o grupo argentino. Contra o Irã, Messi fez um golaço salvador aos 45 do segundo tempo e garantiu a vitória.

Golaço de James Rodriguez contra o Japão

A ausência de Falcão Garcia assustava os colombianos antes do mundial. Mal sabiam eles que outro craque tomaria a frente do time e comandasse a seleção na melhor campanha de sua história: o camisa 10 James Rodrìguez. Contra o Japão, James jogou muito e fechou a goleada por 4 a 1 com um golaço de cobertura.

Mordida de Suárez em Chielinni

O atacante uruguaio Luís Suárez propiciou ao mundo um dos momentos mais marcantes da Copa do Mundo 2014. Após ficar de fora do 1º jogo por conta de uma lesão, Suárez marcou os dois gols contra a Inglaterra e manteve acessa a esperança uruguaia de se classificar.

No entanto, contra a Itália, o atacante deu uma mordida no zagueiro Chielinni. Ele não foi punido na hora do jogo, mas com o auxílio da tecnologia, a FIFA analisou o lance e impôs uma punição severa ao craque. Suárez teve sua credencial retirada e não poderia entrar em um estádio de futebol por 4 meses. A sua saída da Copa causou um abatimento no time uruguaio que foi derrotada pela Colômbia.

O choro de Thiago Silva antes dos pênaltis contra o Chile

A seleção brasileira não convenceu em nenhum dos jogos que disputou na Copa. Contra a forte seleção chilena, o Brasil não conseguiu impor um ritmo de jogo e se viu obrigado a decidir a vaga para as quartas nos pênaltis.

Antes das cobranças, o capitão e líder Thiago Silva não segurou a emoção chorou copiosamente em campo. Ele nem chegou a cobrar as penalidades por não se julgar preparado emocionalmente. Essa atitude gerou revolta da mídia e de torcedores que esperavam mais liderança e tranquilidade do comandante.

Defesas de Júlio César

O goleiro Júlio César entrou nessa Copa do Mundo com um peso nas costas. As falhas que ocasionaram a eliminação brasileira da Copa 2010 ainda o incomodavam e geravam desconfiança quanto ao seu posto.

Na decisão por pênaltis contra o Chile, Júlio transformou essa desconfiança em força e pegou duas cobranças, classificando o Brasil para as quartas. Ele foi de carrasco a herói nacional.

Golaço de James Rodríguez contra o Uruguai

James Rodríguez continuava a brilhar e comandar o time colombiano nas partidas, não só armando o time como fazendo golaços. Contra o Uruguai, James fez os dois gols da vitória colombiana por 2 a 0. O 1º deles foi uma verdadeira obra de arte.

Ele matou a bola no peito e bateu de primeira de fora da área. A bola bateu no travessão e balançou as redes uruguaias. Mais um pra conta do craque.

Neymar quebra a vértebra e está fora da Copa

Até as quartas de final, Neymar estava sendo decisivo para as vitórias brasileiras na Copa. Ele assumiu a responsabilidade de camisa 10 e já havia marcado 4 gols até então. Mas o que nenhum brasileiro desejava no mundial acabou acontecendo.

Em uma disputa de bola com o colombiano Zuñiga, Neymar fraturou uma das vértebras e ficou impossibilitado de jogar o resto da Copa. A notícia foi recebida com muito pesar pela comunidade futebolística, especialmente para aqueles que torciam pelo Brasil. A perda técnica e psicológica de Neymar foi um dos motivos para o desastre a seguir.

Brasil 1 x 7 Alemanha

8 de julho de 2014. Esse dia jamais será esquecido pelo mundo do futebol, especialmente pelos brasileiros. A maior derrota da história da seleção brasileira aconteceu na semifinal da Copa do Mundo realizada no Brasil. Ninguém poderia imaginar um cenário pior.

Um apagão de 6 minutos fez com que o Brasil saísse do 1º tempo perdendo por 5 a 0. Foi o fim do sonho brasileiro em ser hexa no seu próprio território. A derrota por 7 a 1 contra a Alemanha é, com certeza, o momento mais marcante dessa Copa.

Brasil 0 x 3 Holanda - Disputa de 3º e 4º lugar

O Brasil se despediu da Copa do Mundo 2014 com uma atuação quase tão ruim quanto a mostrada contra a Alemanha. Em um estádio Mané Garrincha lotado e disposto a apoiar o time, a seleção foi anulada pelos holandeses e perdeu por 3 a 0.

Arjen Robben e Van Persie tiveram uma atuação de gala. Logo no 1º minuto de jogo, Thiago Silva cometeu falta em Robben e deveria ter sido expulso. Mas o juiz inverteu as coisas e deu apenas cartão amarelo para Thiago. Com a derrota, o Brasil somou um saldo de 10 gols sofridos e apenas 1 marcado nos últimos 2 jogos da Copa.

Alemanha 1 x 0 Argentina – Final

A tão esperada final da Copa do Mundo colocou frente a frente duas seleções que não são tão amadas pelos brasileiros. A Argentina é a nossa rival desde sempre, já a Alemanha havia nos goleado nas semis. Mick Jagger, Ashton Kutcher, Giselle Bunchen, David Beckham e várias outras celebridades estavam nas arquibancadas.

Depois de um jogo difícil, Mario Gotze marcou um golaço no 2º tempo da prorrogação e deu o tetracampeonato para os alemães. Klose saiu da Copa como o maior artilheiro da história do evento e Lionel Messi teve que engolir o vice campeonato.


Por Ezio Jemma

Atualizado em 14 Jul 2014.

Mais notícias

Confira as datas e horários dos jogos do Brasil na Copa do Mundo Feminina 2019

Esportes

Confira as datas e horários dos jogos do Brasil na Copa América 2019

Esportes

Datas e horários dos jogos do Brasil na Copa do Mundo de 2018

Esportes

Datas e horários dos jogos da Copa do Mundo de 2018

Esportes

Ingressos para os Jogos Paralímpicos 2016 começam a desencalhar; veja como comprar o seu

Esportes

13 curiosidades sobre as Paralimpíadas 2016

Esportes