Guia da Semana
Filmes e séries
Por Ricardo Archilha

13 razões para assistir à série "13 Reasons Why", da Netflix

Produzida por Selena Gomez, atração já está disponível no site.

Divulgação | Netflix

Desde sua estreia na última sexta-feira, 31, "13 Reasons Why" (ou "Os 13 Porquês, em português) vem sendo um dos assuntos mais comentados pelos maratoneiros de plantão. O buzz em cima da série começou antes mesmo de sua chegada ao catálogo da Netflix, tanto pela divulgação do site, quando pelas redes sociais, principalmente pelo fato da atração ter sido produzida pela cantora e atriz Selena Gomez

A trama, adaptada do best-seller homônimo de Jay Asher, publicado em 2007, é sucesso da literatura young adults e trata de assuntos em alta como cyberbullying e depressão. A história é sobre Hannah Baker, uma adolescente que, antes de cometer suicídio, envia fitas a pessoas que supostamente tem a ver com sua morte - como o título sugere, são 13 gravações relatadas ao longo de 13 episódios. 

No clima da série, a gente te conta 13 razões (rs) para assistir "13 Reasons Why" - vem ver! 

1) Th1rteen R3asons Why 

A série é baseada no livro de 2007 do escritor norte-americano Jay Asher, Th1rteen R3asons Why - com essa grafia mesmo! Em 2011, a obra alcançou o topo dos mais vendidos no New York Times, e quase seis anos anos volta ao centro das atenções pelas mãos da Netflix. Mas é mais do que isso. Para o livro, Asher usou como inspiração a premiada peça da Broadway "Next To Normal", escrita por Brian Yorkey, vencedor do Pulitzer e do Tony Awards. 

2) Muito mais que a depressão

"13 Reasons Why" vem na hora certa. A série trata de dois assuntos em pauta, ainda mais preocupante no âmbito adolescente - a depressão e o suicídio. A motivação, porém, ganha ares além da psicopatologia. Em "13 Reasons Why", há bullying, distanciamento dos pais, abusos sexuais e emocionais, questionando os papéis da família, amigos e escola.  

3) Um olhar interessante (e necessário) sobre as novas tecnologias 

Não podemos nos esquecer que o livro, base da série, foi lançado em 2007. Há dez anos, as formas de comunicação ainda engatinhavam ao cenário que hoje conhecemos, e o grande acerto da Netflix foi acrescentar um tom contemporâneo, discutindo (e fermentando) o papel das redes sociais em meio aos temas discutidos na trama. 

4) #NãoSejaUmPorque 

Assim como os personagens, os espectadores também estão inseridos na realidade do social media. Já era esperada o impacto nas redes, porém, a repercussão gerou (em apenas dois dias) uma verdadeira campanha no Twitter. Com a hashtag #NãoSejaUmPorque, os internautas vêm compartilhando suas histórias com a depressão e o bullying, alertando, automaticamente, a urgência da discussão de tais temas. 
 

5) Trilha Sonora 

A trilha sonora sempre é um dos aspectos que deixam qualquer série ainda mais interessante - e quanto a isso, "13 Reasons Why" acertou em cheio. São 13 faixas, sendo duas da cantora (e agora produtora) Selena Gomez, além de hits clássicos de bandas como Joy Division e The Cure. Clique aqui para escutar. 

6) Direção 

É sempre bom lembrar quem está por trás da tela, e em "13 Reasons Why" temos um time e tanto. A direção dos primeiros dois episódios é assinada por Tom McCarthy, responsável pelo vencedor do Oscar "Spotlight: Segredos Revelados". Os outros diretores também não deixam a desejar - temos Gregg Araki, do indie "Mistérios da Carne", Carl Franklin, da série "The Leftovers", e Jessica Yu, do sucesso "American Crime". 

7) Roteiro 

"13 Reasons Why" tem como base de seu roteiro um storytelling delicado - a série mistura presente e passado, o que nem sempre é feita com sucesso. Mas, adivinhem? As transições de espaço/tempo aparecem de forma impecável, em uma montagem que não confunde (e nem subestima) o espectador. 

8) Clímax 

Um dos aspectos mais interessantes de "13 Reasons Why" é que, desde o primeiro episódio, é apresentado um clima surpreendente de mistério. Nós sabemos que há um cúmplice por trás da fitas de Hannah, e que se as instruções não forem seguidas a ferro e fogo, "algo muito ruim e maior pode acontecer". Resumindo - além do próprio tema da série (que já é bastante excitante), o suspense deixa tudo ainda mais sedutor. 

9) Elenco

Vamos falar de elenco? Entre os novatos e suas atuações respeitáveis (algo muito na linha de "Stranger Things"), a série traz o já conhecido Dylan Minnette na pele de Clay, um dos personagens cruciais da trama. Com 21 anos, o ator já deu as caras nos ótimos "Deixe-me Entrar" (2010), "Os Suspeitos" (2013), e "O Homem nas Trevas" (2016). 

10) Plot Twist 

É bom se preparar para os rumos surpreendentes que a série tomará. É que no aniversário de 10 anos do livro, o autor Jay Asher publicou uma edição especial com um final bem diferente do original. Ou seja, mesmo para quem conhece a história, nada é previsível. Quais dos finais a Netflix escolheu? Ou ainda - será que veremos algo completamente do livro? Tem que assistir para descobrir!

11) Selena Gomez  

Precisamos falar sobre Selena Gomez. A atriz e cantora (e agora produtora) é responsável pela produção da série e isso faz todo o sentido. Para quem não sabe, a jovem Gomez passou um tempo afastada dos holofotes para tratar dos mesmos problemas abordados pela série. Isso significa que "13 Reasons Why" é toda conduzida por alguém que literalmente entende do assunto, deixando a série ainda mais sincera e real. 

12) Netflix <3 

"13 Reasons Why" é mais uma produção original da Netflix, e isso, antes de tudo, é sinônimo de perfeição. Afinal, você já viram alguma coisa ruim produzida pelo site? Também tem outra vantagem - dá para assistir tudo de uma vez só, ou seja, maratona! 

13) A série certa, na hora certa 

"13 Reasons Why" é a série certa, na hora certa - uma trama real , vivida (e criada) por personagens reais em um mundo real. Mesmo que você não se assemelhe aos dramas dos protagonistas, é impossível ficar de fora da discussão que nos é instigada. Para os espectadores desatentos, vale dizer - é entretenimento dos bons.  

Confira o novo (e misterioso!) teaser da próxima temporada de "Game of Thrones"

Novos episódios da série estreiam em julho na HBO

Netflix confirma segunda temporada de "Santa Clarita Diet"

Novos episódios chegam ao site em 2018

"Death Note", novo filme da Netflix, ganha primeiro trailer; assista

Live-action do mangá homônimo estreia em 25 de agosto


Por Ricardo Archilha

Atualizado em 11 Mai 2017.

Mais notícias

10 filmes infantis para ver em casa na Páscoa 2019

Filmes e séries

5 motivos para ver a série "Special", nova produção da Netflix

Filmes e séries

10 filmes incríveis que todo amante de música deveria ver

Filmes e séries

5 motivos para ver a série "Black Summer", da netflix

Filmes e séries

Netflix: 10 filmes para assistir depois de um dia cheio

Filmes e séries

10 perguntas que a oitava temporada de "Game of Thrones" precisa responder

Filmes e séries