Guia da Semana

Guia da Semana

Seja com bloco de rua, Sapucaí, baile de máscaras, ou trio elétrico, o carnaval já marcou presença em várias produções da televisão brasileira. Entre as atrações que se passavam nesta grande festa nacional, estão novelas, minisséries e seriados de diversos gêneros.

+ As melhores séries brasileiras de todos os tempos
+ Saiba tudo sobre Carnaval no Guia da Semana
+ Confira o resumo de sua novela preferida

Na série O Canto da Sereia, o clima era de mistério em torno da investigação de quem matou uma estrela do carnaval nordestino. Já a novela Senhora do Destino mostrou todo o glamour de uma escola de samba carioca, enquanto a série Filhos do Carnaval mostrava o lado obscuro por trás dos desfiles.

Confira as principais produções nacionais sobre carnaval:

O Canto da Sereia (2013)

O carnaval de Salvador foi palco de um crime misterioso que orientou a trama de O Canto da Sereia, baseada no livro de Nelson Motta. A minissérie da Globo contava a história da famosa cantora Sereia (Ísis Valverde), assassinada durante um show em cima de seu trio elétrico.

Filhos do Carnaval (2006)

Exibida pela HBO, a série dramática brasileira retratou o cotidiano de bicheiros cariocas que usam o carnaval para lavar dinheiro. Dirigido por Cao Hamburger, o seriado teve duas temporadas e contou com Jece Valadão, Felipe Camargo, Enrique Diaz, Rodrigo dos Santos e Thogun no elenco.

Senhora do Destino (2004)



Não foi só em Filhos do Carnaval que jogo do bicho se misturou com samba, na novela de Aguinaldo Silva, o bicheiro Geovani Improtta (José Wilker) presidia a escola de samba “Unidos de Vila São Miguel”. Durante a trama, o personagem fez um enredo em homenagem a nordestina Maria do Carmo (Susana Vieira). As cenas do desfile de carnaval foram gravadas durante a passagem da Grande Rio pela Sapucaí, em 2005.

O Quinto dos Infernos (2002)

Outra atração que foi parar na avenida foi a minissérie O Quinto dos Infernos, que teve sua última cena gravada em pleno desfile da escola de samba Porto da Pedra. A produção dirigida por Wolf Maya retratava os bastidores da Independência do Brasil e a fundação do Império de maneira cômica.

Um Só Coração (2004)

Todo o glamour dos bailes de máscara foi resgatado em Um Só Coração, que se passava na década de 20. Na trama, Yolanda Penteado (Ana Paulo Arósio) e Fernão (Herson Capri), hospedam-se no Copacabana Palace durante os dias de festa, para aproveitar todo o luxo do carnaval da alta sociedade. A minissérie de Maria Adelaide Amaral e Alcides Nogueira homenageou os 450 anos de São Paulo.

Dona Flor e Seus Dois Maridos (1998)

Logo no início da minissérie que adaptou o romance de Jorge Amado, o malandro Vadinho (Edson Celulari), morre no carnaval, deixando Dona Flor (Giulia Gam) viúva. A morte súbita ocorre no desfile do bloco Filhos de Gandhi, em Salvador, na Bahia.

Chiquinha Gonzaga (1999)



A minissérie sobre a compositora, pianista e regente brasileira contou um pouco da história da autora da primeira marcha carnavalesca, "Ô Abre Alas", de 1899. Dirigida por Jayme Monjardim, a produção foi ao ar em 1999 e teve Regina e Gabriela Duarte como protagonistas em fases diferentes de sua história.

Por Luísa Venter

Atualizado em 4 Mar 2014.