Guia da Semana
Jogos
Por Lucas Soares, Pizza Fria

AMD Radeon 5500 XT | Review

Placas de vídeo são o principal componente de um computador voltado para jogos. Não adianta você investir só em um.

Placas de vídeo são o principal componente de um computador voltado para jogos. Não adianta você investir só em um ótimo processador, com uma boa memória RAM, um SSD e uma placa mãe de alto desempenho, se sua GPU não acompanhar as demais configurações. Ao montar um PC Gamer, o conjunto da obra é o mais importante. Caso sua GPU e sua CPU não conversem bem entre si, os temidos gargalos vão acontecer quando você estiver jogando. Por isso elaboramos este artigo/análise, tendo em vista a AMD Radeon 5500 XT, placa de vídeo intermediária oferecida pela AMD.

Sabemos que, muitas vezes, é necessário investir um valor razoável apenas na placa de vídeo. A escolha pode ser difícil, são muitas opções no mercado, de diferentes marcas e fabricantes, muitas vezes nos forçam a estudar a real aplicação delas em nosso PC, e para o uso que pretendemos dar. Vai ser para jogar? Se sim, o que? Em qual resolução? Vai ser uma placa para edição? Em 1080p ou 4K? Quantos watts de potência a minha fonte precisa ter para a placa que vou comprar?

São muitas dúvidas e aqui a minha ideia é sanar a maioria delas, dando uma aplicação prática de como foi minha experiência com o produto, por cerca de três meses. Foram três meses em que ela foi muito usada, principalmente em função da pandemia do COVID-19. Vamos começar?

Conheça a AMD Radeon 5500 XT

O modelo que recebemos da assessoria da AMD para a produção desta análise foi a fabricada pela MSI, e que, atualmente, não está disponível oficialmente no Brasil. No entanto, você pode encontrar modelos vendidos por outras empresas em solo nacional.

Enfim, a AMD 5500 XT foi lançada em dezembro de 2019 como uma proposta de ser uma placa voltada para o público gamer, mas com configurações intermediárias. Na prática, significaria que você conseguiria jogar os principais lançamentos do mercado, com gráficos com configurações medianas em todos os principais lançamentos. Ela não oferece recursos como o Ray Tracing (ainda exclusivo das placas NVIDIA), mas é focada em desempenho. São dois modelos que foram lançados, em que a diferença básica é apenas a VRAM (memória de vídeo da placa): enquanto um modelo vem com 4GB, outro vem com 8GB. Esta última foi a que testamos, e é vendida como MSI Radeon RX 5500 XT Gaming X 8 GB, custando cerca de US$ 219,99 na Amazon. Eis as configurações oficias:

  • CUDA: 1408 núcleos
  • Clock: Boost até 1845 MHz
  • Memória: 8 GB, GDDR6, 128 bits
  • Velocidade: 14 Gbps
  • Conectividade: PCI Express 4.0
  • Resolução máxima: 7680 x 4320, até quatro monitores (3x DisplayPort e 1x HDMI)
  • Consumo de energia: 130 W
  • Conectores de alimentação: 8 pinos x 1
  • PSU Recomendado: 450W
  • Directx: 12

A MSI Radeon RX 5500 XT Gaming X 8 GB também é RBG, ou seja, seu gabinete vai parecer uma festa de natal. É algo que algumas pessoas gostam, outras não, mas ele existe e não tem como desligar.

Veja algumas fotos do produto:

Onde foi testado?

No entanto, antes de começarmos a falar da placa, vou deixar as minhas configurações aqui, para vocês terem um padrão de comparação.

  • Processador Intel® Core™ i5-7600, Cache de 6M, até 4,10 GHz
  • Placa-mãe Gigabyte GA-H110M-S2
  • 2x Memória HyperX Fury, 8GB, 2133MHz, DDR4
  • SSD Kingston A400, 120GB, SATA
  • HD Seagate BarraCuda, 1TB, SATA
  • Fonte Corsair 650W 80 Plus White VS650

Como a placa se comporta em jogos?

Primeiramente, gostaria de pedir desculpas aos leitores por uma questão. Não tenho o conhecimento para falar sobre as características técnicas da placa. O que eu poderia é comparar com outras placas que já testei, ou como isso melhorou ou piorou meu desempenho. Mas também não pretendo falar esses aspectos. Quero falar de gamer pra gamer, já que pra mim o que mais importa é se a placa atende o propósito, se houve o desempenho prometido, se a taxa de quadros se mantém estável e afins. E, pra isso, a AMD Radeon 5500 XT entrega um excelente de desempenho.

Primeiro, vou apresentar alguns dos benchmarks que fiz nesse período, levando em consideração jogos mais atuais. Eu utilizo um monitor ultrawide, o que já exige mais da placa. De uma forma geral, eu sempre tento jogar com o game em 60 FPS, mesmo que a placa consiga entregar mais, até pelas limitações da taxa de atualização da minha tela. Mas, durante a análise, deixei o V-Sync desligado, para termos um padrão para ver até onde ela vai. Então, vamos ver como foi o comportamento da AMD Radeon 5500 XT em alguns jogos?

AMD Radeon 5500 XT - Benchmark Far Cry 5
Far Cry 5 (Imagem: Reprodução)
AMD Radeon 5500 XT - Benchmark Red Dead Redemption 2
Red Dead Redemption 2 (Imagem: Reprodução)
AMD Radeon 5500 XT - Benchmark The Witcher 3: Wild Hunt
The Witcher 3: Wild Hunt (Imagem: Reprodução)
Benchmark Call of Duty Modern Warfare 2 Campaign Remastered
Call of Duty Modern Warfare 2 Campaign Remastered (Imagem: Reprodução)

Embora eu tenha jogado e testado mais jogos com a placa, utilizei como exemplo os quatro títulos acima, já que todos são da atual geração. The Witcher 3: Wild Hunt, lançado em 2015, apresentou um desempenho de bom para ótimo. Não atingiu os 60 FPS, mas joguei com a maioria das opções gráficas no Ultra. Far Cry 5, disponibilizado há dois anos, já parecia mais bem otimizado e entregou um desempenho perfeito, assim como Call of Duty Modern Warfare 2 Campaign Remastered, lançado há pouco mais de um mês para computadores. O ponto negativo fica por conta de Red Dead Redemption 2, que mesmo em configurações medianas, não conseguiu manter um desempenho elevado. O título enfrentou muitos problemas de desempenho em seu port para computadores, e ao que tudo indica, ainda pode melhorar.

AMD Radeon Software

As placas de vídeo da AMD chegam com um programa auxiliar para atualização de drives, configurações de personalizadas, status gerais sobre games instalados e média de FPS, além de indicar como um game deve se comportar no PC, baseado em suas configurações atuais. Aqui, não tem escapatória: ele deve ser comparado com o NVIDIA Geforce Experience, que serve como apoio para as placas de sua principal concorrente.

Mas o programa da AMD deixa a desejar. Por mais que seja simples atualizar o drive da placa, ele não faz as configurações automáticas como o do concorrente faz. E isso é um peso a mais para quem não sabe configurar/otimizar um jogo, não entendendo como as coisas poderiam melhorar. Um exemplo é como ele apresenta as sugestões de melhoria:

AMD Radeon Software - Red Dead Redemption 2
Sugestões da AMD são simplificadas, e não personalizadas (Imagem: Reprodução)

Conforme a imagem, o próprio software já identifica algumas mudanças que eu poderia ter feito para melhorar o meu desempenho. Mas, ao contrário do seu principal concorrente, que faz uma leitura do hardware completo do computador e faz uma otimização automática do game ao pressionar um botão (!), aqui é preciso ir em cada item para mudar, e ir testando de acordo com o desempenho apresentado. Um trabalho extra, para quem quer só jogar. Um outro exemplo é como ele entendeu o desempenho de Far Cry 5. Mesmo o benchmark rodando acima dos 60FPS nas configurações máximas, ele entende que o jogo poderia ser melhor otimizado no computador. Há melhorias que podem ser feitas…

Benchmark Far Cry 5
Far Cry 5 roda bem, mas o AMD Radeon Software diz que não (IImgem: Reprodução)

Vale a pena comprar uma AMD Radeon RX 5500 XT?

Minha experiência com a placa, de modo geral, foi bastante proveitosa. Tive bons desempenhos com os jogos, produzi análises com ela, e sempre mantive o nível de estabilidade esperado. Se um jogo não rodava com uma taxa de quadros alta no Ultra, eu baixava até chegar ao ideal e nenhum dos jogos dos meus testes precisou de ir às configurações globais baixas. O que é um ponto positivo.

Por outro lado, é preciso entender que trata-se de um investimento considerável e as opções no mercado nacional que seguem o estilo custam quase R$ 2.000. O dólar está alto, influencia diretamente no valor da placa, mas quando se gasta quase dois salários mínimos em um único componente, espera-se um resultado melhor e mais duradouro, com menos problemas em um curto prazo. Mesmo que a AMD Radeon 5500 XT seja uma placa relativamente nova no mercado, ela possui configurações intermediárias e talvez não dure tanto tempo, ainda mais com uma nova geração de consoles chegando, recheada de elementos gráficos como Ray Tracing e Lumen, que também vão transformar os jogos no PC. Por isso, a ausência dessa tecnologia nela pesa contra.

Por fim, temos um software confuso, que apresenta alguns resultados não tão compatíveis com a realidade. É lógico que isso pode ser corrigido com algumas atualizações, caso a AMD entenda que isso seja um problema.

*Review elaborada com placa emprestada pela assessoria da AMD Brasil.

Pizza Fria

Reviews, notícias e tudo sobre o mundo dos games

Por Lucas Soares, Pizza Fria

Atualizado em 31 Mai 2020.

Mais notícias

Sony revela jogos da PS Plus de dezembro

Jogos

Xbox anuncia Games with Gold de dezembro de 2020

Jogos

Red Dead Online será lançado como jogo independente em 1º de dezembro

Jogos

Cyberpunk 2077 recebe gameplay rodando no PlayStation

Jogos

World of Warcraft: Shadowlands já está disponível mundialmente

Jogos

FIFA 21 anuncia novidades para a nova geração

Jogos
Guia da Semana Premium
Nosso conteúdo na melhor forma!

Aproveite o Guia da Semana de forma mais rápida, sem banners ou publicidade digital!