Guia da Semana
Jogos
Por Carlos Maestre, Pizza Fria

Retrocompatibilidade no Xbox Series X|S melhora jogos antigos

A pouco menos de um mês do lançamento da próxima geração, a Microsoft detalha como será a retrocompatibilidade no Xbox.

A pouco menos de um mês do lançamento da próxima geração, a Microsoft detalha como será a retrocompatibilidade no Xbox Series X|S em um artigo de Peggy Lo, líder do programa de compatibilidade, no blogue oficial Xbox Wire. Segundo Lo, os consoles serão os melhores para jogar milhares de jogos de quatro gerações de Xbox (Xbox, Xbox 360, Xbox One e, agora, Xbox Series X|S) e a retrocompatibilidade no Xbox Series X|S trará também melhorias modernas a jogos antigos. Confira o que sabemos!

Legado com mais de 500 mil horas de testes

O discurso inicial da publicação identifica a linha tomada já há algum tempo pela Microsoft, sob o pretexto de preservar e respeitar o legado dos jogos. Assim, Lo sugere que a progressão e as conquistas dos jogadores, assim como os acessórios do Xbox One, devem caminhar com você geração a geração.

Lo ainda indica que a abordagem da Microsoft desde 2015 tem sido poder jogar sempre todos os jogos do passado sem a necessidade de comprá-los novamente e com melhor desempenho a cada nova geração – tudo com o intuito de preservar um catálogo com milhares de jogos.

Para ampliar a retrocompatibilidade no Xbox Series X|S, o time responsável teve a experiência de mais de 500 mil horas de testes em jogos das quatro gerações Xbox e incluirá recursos inéditos.

Retrocompatibilidade no Xbox Series X|S promete um melhor desempenho

A Microsoft anunciou que todos os jogos retrocompatíveis rodarão nativamente no Xbox Series X|S, tirando proveito dos melhores processamento central, processamento gráfico e do armazenamento SSD – sem travas.

Como o texto explica, “isso significa que todos os títulos funcionam com o desempenho máximo para o qual foram originalmente projetados, com desempenho significativamente maior do que sua plataforma de lançamento original, resultando em taxas de quadros mais altas e estáveis ​​e renderização em sua resolução e qualidade visual máximas”.

Os tempos de carregamento deverão ser reduzidos graças à combinação da arquitetura Xbox Velocity com SSD NVME personalizado.

HDR automático para todos os jogos

Para alargar o alcance dinâmico, é comum que jogos atuais implementem o recurso HDR, presente também em fotografias. O resultado deste recurso melhora a qualidade visual e, mantendo a explicação simples, jogos renderizam uma gama maior de cores e valores de brilho, causando a percepção de mais riqueza e profundidade do que o padrão, conhecido como SDR. Por exemplo, a luz de uma lanterna parece muito mais brilhante e as flores vermelhas parecem muito mais vibrantes.

A retrocompatibilidade no Xbox Series X|S contará com o recurso Auto HDR, que adiciona automaticamente as melhorias da tecnologia em jogos criados antes de sua existência. Ou seja, os desenvolvedores não precisam mais atualizar os jogos como acontecia com o Xbox One S.

O recurso será ativado pelo hardware do console sem gerar custos de processamento já que não são emulados. O time promete também que não haverá latência adicional (aquela demora na resposta entre o apertar de um botão e a ação do personagem).

Comparativo com resultado do recurso Auto HDR da retrocompatibilidade no Xbox Series X e S. (Imagem: Divulgação)
Comparativo com resultado do recurso Auto HDR da retrocompatibilidade no Xbox Series X|S. (Imagem: Divulgação)

Dobro da taxa de quadros em títulos capazes

Os engenheiros que trabalharam na retrocompatibilidade no Xbox Series X|S criaram ainda um recurso que dobra a taxa de quadros por segundo em jogos até mesmo de Xbox One, resultando em uma percepção de movimento mais suave.

A equipe desenvolveu métodos para efetivamente a taxa de quadros em alguns títulos específicos, deixando-a estável ou ainda mais alta. Desta forma, nem todos os jogos usufruem deste benefício pois as animações ou a física originalmente programada podem impedir um resultado ideal e jogável.

O recurso pode ser visto em ação no vídeo abaixo de Fallout 4, lançado para Xbox One em 2015. O jogo mostra 60 quadros por segundo (qps) em vez dos 30 qps originais.

Resoluções mais altas e visuais aprimorados com filtragem de texturas

Títulos de Xbox 360 e de Xbox já recebiam aprimoramentos no Xbox One. No Xbox One X, por exemplo, com o algoritmo Heutchy, jogos que rodavam originalmente em 720p e em 360p (Xbox 360 e Xbox, respectivamente) atingiam resoluções de até 4K.

A retrocompatibilidade no Xbox Series X|S aperfeiçoa o algoritmo e alcançará, respectivamente em cada console, a resolução de 1440p e 4K.

Comparação de resolução e filtragem anisotrópica em Fable Anniversary, para Xbox 360, entre Xbox One S e Xbox Series X. (Imagem: Divulgação)
Comparação de resolução e filtragem anisotrópica em Fable Anniversary, para Xbox 360, entre Xbox One S e Xbox Series X. (Imagem: Divulgação)

Outro recurso anunciado para jogos antigos é a filtragem de textura aprimorada. Mais uma vez, no Xbox One X, boa parte do catálogo se beneficiou do aumento da filtragem anisotrópica – que é um método de melhorar a qualidade de texturas sobre superfícies em relação ao ângulo de projeção e da câmera.

A filtragem anisotrópica para a retrocompatibilidade no Xbox Series X|S atinge 16 níveis (16x) para, de acordo com a publicação, quase todos os títulos retrocompatíveis.

Preservação da biblioteca adquirida e salvamento na nuvem gratuito para Xbox 360

Por fim, o anúncio relembra que a equipe voltou a trabalhar para disponibilizar (eventualmente) todos os jogos para os novos consoles por meio da retrocompatibilidade no Xbox Series X|S.

Será possível inserir o disco, no caso do Xbox Series X, ou baixar o jogo adquirido digitalmente em qualquer um dos consoles. A biblioteca digital aparecerá instantaneamente e estará pronta para download assim que você acessar o console com seu perfil, sem custos adicionais.

Qualquer jogo instalado em uma unidade externa poderá ser levado para o Xbox Series X e para o Xbox Series S.

Como resultado na volta dos trabalhos, o salvamento na nuvem será gratuito em breve para todos os usuários de Xbox 360, facilitando a transferência dos jogos e dos progressos salvos entre as gerações de consoles.

A publicação encerra com o reforço de que o time do Xbox está comprometido com a preservação de jogos do passado dos jogadores e que a retrocompatibilidade no Xbox Series X|S permitirá “[re]experimentar as memórias mais queridas”. Esse verdadeiro apelo à nostalgia será colocado à prova no próximo dia 10 de novembro, quando os consoles serão lançados mundialmente, inclusive no Brasil!

Pizza Fria

Reviews, notícias e tudo sobre o mundo dos games

Por Carlos Maestre, Pizza Fria

Atualizado em 15 Out 2020.

Mais notícias

Sony revela jogos da PS Plus de novembro

Jogos

Watch Dogs Legion | Review

Jogos

Rainbow Six Siege chega ao Xbox Game Pass no dia 22

Jogos

Mesmo pronto, Cyberpunk 2077 é adiado para dezembro

Jogos

Madden NFL 21 e FIFA 21 chegam em dezembro para PS5 e Xbox Series

Jogos

Marvel’s Iron Man VR | Review

Jogos
Guia da Semana Premium
Nosso conteúdo na melhor forma!

Aproveite o Guia da Semana de forma mais rápida, sem banners ou publicidade digital!