Guia da Semana

Guia da Semana

De vez em quando o Steam promove alguns festivais para promover jogos independentes, e fazer aquelas promoções que doem no bolso de todo mundo, foi assim com o Steam Next Fest. Mas alguns desses eventos são dedicados à gêneros de jogos específicos ou até estilos de jogos. Recentemente o Steam promoveu o Steam Going Rogue, um evento dedicado à jogos roguelikes, metroidvanias e soulslikes, ou seja um paraíso para aqueles jogadores que gostam de passar um “pouco” de raiva durante a sua jogatina.

Steam Going Rogue
Imagem: Divulgação

O Steam Going Rogue tem como foco principal trazer promoções para esses tipos de jogos, mas alguns desenvolvedores independentes aproveitaram a oportunidade para disponibilizar algumas demonstrações de seus jogos. E é pra isso que estou aqui hoje para trazer uma listinha com alguns jogos interessantes que eu encontrei nesse gigantesco mar de jogos que é a Steam. Entretanto é importante destacar que esses não são os melhores jogos do evento, mas sim os que mais me chamaram atenção e com certeza eu vou deixar passar incríveis jogos que marcaram presença no evento, então convido à todos a darem uma explorada nas demonstrações, e quem sabe você não acha aquele “roguelikezinho” que estava procurando para passar o tempo?

Witchbane

Witchbane é um daqueles jogos para os jogadores mais saudosistas. O jogo conta a história de um caçador de monstros com uma missão de retornar à sua terra natal e salvá-la das terríveis forças das trevas. Witchbane é extremamente inspirado nos jogos originais da franquia Castlevania, e por mais que ele lembre bastante essa franquia, o jogo não tem medo de se reinventar e de apresentar ideias de jogos modernos em um gênero clássico.

O título com certeza vai agradar os que já gostavam das primeiras aventuras do clã Belmont, mas eu posso garantir que a demonstração do jogo pode surpreender até aqueles que não gostavam, pois ela mistura elementos de jogos soulslike e de metroidvanias com uma narrativa interessante por si só. Com uma demonstração relativamente curta eu já me apaixonei pelo jogo e confesso que já estou com sangue nos olhos para matar mais criaturas feitas de pixel art.

Thymesia

Thymesia é talvez o jogo mais famoso dessa lista, e já apareceu em diversos eventos. Finalmente ele deu as caras no Steam Going Rogue para ser testado. Confesso que eu estava bastante cético com esse jogo, apesar de gostar muito de jogos Soulslike, eu entendo que é um gênero complicado de desenvolver. Acertar no ritmo de combate, no Level Design, na ambientação e tudo mais é uma tarefa que poucos estúdios além da From Software conseguem. Entretanto graças aos deuses eu estava errado, Thymesia é incrível.

O jogo traz uma história interessante envolvendo o período da peste negra na Idade média, que convenhamos é um excelente pano de fundo para criar um soulslike. Thymesia também traz um combate bastante diferenciado, onde os inimigos possuem duas vidas, uma branca e uma verde, e para derrotá-los você deve atacar com armas com as respectivas cores e saber balancear o ritmo do combate em volta disso. Explicar esse sistema é difícil, então recomendo que testem o título porque eu garanto que o combate vai agradar você.

Papercut Mansion

Confesso que eu me atraio por jogos estranhos e diferentes, mas Papercut Mansion extrapola todos os limites de bizarrice para criar um jogo extremamente divertido. O jogo presente no Steam Going Rogue é um roguelike de terror, puzzle e exploração (isso mesmo) e conta a história de um homem que acaba em uma bizarra mansão após quebrar o carro no meio da estrada. Essa mansão é gerada proceduralmente com diversas salas, com inimigos, quebra cabeças e personagens interessantes para explorar.

Entretanto acho importante ressaltar que o jogo é esteticamente impressionante trazendo todos os modelos e personagens feitos como se fossem dobraduras de papel. Essa estética na minha opinião por si só já é um motivo para você ficar de olho nesse jogo, mas para aqueles que se interessarem em explorar essa mansão eu só posso desejar boa sorte, bons sustos e boas risadas.

Peglin

Você ja pensou em jogar um roguelike que mistura pinball com RPG? Bom, eu também não, mas ainda bem que existem pessoas no mundo para ter essas ideias. E eis que o Steam Going Rogue nos apresenta Peglin, um roguelike com elementos de RPG e mecânicas de pinball durante o combate. Peglin é um jogo simples e não tenta ser mais do que ele promete, mas ele é extremamente competente nessa promessa. O jogo entende aquilo que torna roguelikes tão interessantes e traz isso com um combate que apesar de simples, é bastante variado.

O foco de Peglin é o seu combate de pinball onde você causa mais dano nos inimigos quanto mais bolinhas você acertar, portanto esse dano pode ser modificado com projéteis diferentes, bolinhas diferentes e até inimigos diferentes. Falando assim parece complexo, mas Peglin é absurdamente intuitivo e fácil de aprender e fica mais divertido quanto mais você joga.

Isso tudo sem levar em conta os seus carismáticos gráficos e personagens, sério é muito fofo. Peglin é um joguinho simples e divertido que talvez seja exatamente aquele jogo que você esteja procurando pra jogar durante o horário do almoço, sendo uma boa sugestão do Steam Going Rogue.

Deadzoned: A Credits Bounty

Roguelike é definitivamente um dos gêneros mais queridos mundo a fora quando falamos de jogos. Mas é comum encontrarmos aqueles aventureiros mais saudosistas que preferiam os jogos na época das cavernas, e que dizem que os novos roguelikes não tem nada a ver com o clássico Rogue. Bom, o Steam Going Rogue tem jogo pra todo mundo, e também tem jogos inspirados no avô dos roguelikes.

Deadzoned: A Credits Bounty é um roguelike tradicional, o que quer dizer que ele se inspira quase que totalmente no clássico Rogue de 1980, mas faz isso sem afastar os novos aventureiros que estão acostumados com jogos mais recentes. Deadzoned traz uma roupagem sci-fi e mecânicas modernas do gênero para criar uma experiência que apesar de nostálgica não deixa de te surpreender a todo momento, aproveita e corre lá no Steam Going Rogue pra testar esse jogo.

Steam Going Rogue
Infelizmente Deadzoned: A Credits Bounty não possui um trailer, mas essa é uma screenshot do jogo para você ter uma ideia do game que está disponível no Steam Going Rogue. (Imagem: Divulgação)

OTXO

Hotline Miami é sem dúvidas uma franquia que deixou muitos fãs desamparados nos últimos anos, mas e se eu te disser que alguém teve a brilhante ideia de criar um Hotline Miami roguelike, graças ao Steam Going Rogue eu descobri essa pérola?

Esse jogo se chama OTXO, um jogo de ação, tiroteio frenético com visão top-down em uma estética Noir com gráficos preto e branco. OTXO é extremamente competente em tudo que ele faz, um jogo divertido, desafiador, com personagens interessantes e uma trilha sonora de cair o queixo. Infelizmente a demonstração disponível é bastante curte e para todos os fãs de Hotline Miami que assim como eu sentem falta da franquia só posso dizer para darem uma chance para OTXO no Steam Going Rogue.

Shotgun King: The Final Checkmate

Eu acho que por essa lista dá pra notar que eu gosto de games malucos. Desta forma é impossível fazer uma lista de jogos do Steam Going Rogue sem falar de Shotgun King: The Final Checkmate.

Todos sabemos que a fantasia do jogo de Xadrez é uma batalha medieval né, e se um dia todos os súditos do rei fossem embora e só restasse ele para defender o reino, ele e sua escopeta. Shotgun King: The Final Checkmate é um roguelike extremamente divertido, que mistura mecânicas de xadrez com mecânicas novas envolvendo essa escopeta. Durante a sua jornada o jogador pode coletar upgrades e variações que vão trazendo uma complexidade cada vez maior para esses conceitos simples.

Shotgun King: The Final Checkmate é muito divertido, mas como eu sou tão ruim jogando xadrez que nem mesmo uma escopeta facilita minha vida.

O que você está achando do Steam Going Rogue?

Esses foram alguns jogos que me chamaram a atenção durante os primeiros dias do Steam Going Rogue, confesso que me diverti bastante com várias demos, ainda mais levando em conta que eu não sou muito chegado em jogos roguelikes. Vale destacar que muito provavelmente acabei deixando algum excelente game de fora da lista, e apesar disso, recomendo a todos testarem aqueles jogos que mais tiveram interesse, visto que muitas dessas demonstrações irão ser retiradas após o término do Steam Going Rogue, agendado para o dia 9 de maio. Então é bom correr pra testar aquele jogo e para não se arrepender depois de comprá-lo e principalmente apoiar aqueles desenvolvedores independentes.

Pizza Fria

Reviews, notícias e tudo sobre o mundo dos games

Por Matheus Feldmann, Pizza Fria

Atualizado em 9 Mai 2022.