Guia da Semana
Na Cidade
Por Luísa Celiberto

Carnaval 2017: festa gratuita reúne seis blocos de rua no centro de São Paulo

O evento traz os blocos Esfarrapados, Bloco 77 - Os Originais do Punk, Pagu, Nóis Trupica Mais Não Cai, Bloco Fuzuê SP e Ritaleena à Praça do Patriarca.

A folia acontece no dia 11 de março, na Praça do Patriarca (Shutterstock/Imagem ilustrativa)

A segunda edição do projeto Red Bull Repique, que homenageia a folia de rua da terra da garoa, vai reunir seis blocos carnavalescos no dia 11 de março, a partir das 12h, na Praça do Patriarca. Provando que não é só em fevereiro que tem Carnaval, o centro de SP vai receber os desfiles dos blocos Esfarrapados, Bloco 77 - Os Originais do Punk, Pagu, Nóis Trupica Mais Não Cai, Bloco Fuzuê SP e Ritaleena. Lembrando que se trata de uma festa com entrada gratuita!

Confira mais informações sobre as atrações:

Bloco Esfarrapados: É o bloco mais antigo em atividade de São Paulo, fundado no Bixiga em 1947. Atualmente atrai milhares de pessoas, de todas as idades, cantando marchinhas carnavalescas. 

Bloco 77 - Os Originais do Punk: Desde 2014, o Bloco 77 percorre a Vila Madalena trazendo os clássicos do punk rock nacional em ritmo de marchinha. 

Bloco Pagu: Tem como iniciativa o empoderamento feminino. Com sua bateria formada apenas por mulheres, o bloco fará sua estreia no Carnaval deste ano.

Bloco Nóis Trupica Mais Não Cai: Desde 2010, o Trupica arrasta um cortejo de foliões amantes do carnaval de rua ao som das marchinhas com composições autorais e também embalado pelas clássicas canções de São Luiz do Paraitinga.

Bloco Ritaleena: A rainha inquestionável do rock nacional é tema de cordão carnavalesco em releituras de canções antológicas, como “Panis et Circenses”, “Bem Me Quer, Mal Me Quer”, “Ovelha Negra” e tantas outras que povoam o imaginário musical brasileiro.

Bloco Fuzuê SP - Fundada em 1976, a Associação Bloco Fuzuê SP é uma entidade carnavalesca de raiz, que promove um fuzuê de alegria, descontração e profissionalismo. O bloco veio de uma das alas mais tradicionais da Vai-Vai, na qual permaneceu durante 30 anos. 


Por Luísa Celiberto

Atualizado em 21 Fev 2017.

Mais notícias

10 programas imperdíveis em São Paulo para fazer depois do trabalho

Na Cidade

Comic Con, show da Sandy e mais 24 eventos imperdíveis que acontecem neste fim de semana em São Paulo

Na Cidade

Shopping de SP recebe roda-gigante de 22 metros de altura e 16 cabines; saiba mais!

Na Cidade

Parque Ecológico Imigrantes é um refúgio da natureza próximo a São Paulo

Na Cidade

Passeios grátis ou bem baratinhos em São paulo em dezembro de 2018

Na Cidade

10 lugares perfeitos para curtir a tarde em São Paulo

Na Cidade