Guia da Semana
Na Cidade
Por Redação Guia da Semana

Coronavírus: Governo de São Paulo determina fechamento de espaços culturais

Instituições da Secretaria de Cultura e Economia Criativa terão funcionamento suspenso a partir desta terça-feira (17).

Avenida Paulista (Foto: Shutterstock)

Sob orientação do Centro de Contingência do Coronavírus, o Governo do Estado de São Paulo determinou que todas as instituições culturais ligadas à Secretaria de Cultura e Economia Criativa suspendam a abertura ao público por até 30 dias a partir desta terça-feira (17). Apresentações de corpos estáveis, eventos e programações culturais serão adiadas.

O Governador João Doria recomendou que espaços culturais privados também tenham seu funcionamento suspenso por até 30 dias a partir de terça-feira, e que eventos culturais públicos não sejam realizados no mesmo período. As medidas foram comunicadas em coletiva de imprensa realizada na última segunda-feira, 16 de março, no Palácio dos Bandeirantes.

“O setor de cultura e economia criativa é um dos mais afetados pela crise do coronavírus, não apenas em São Paulo, mas no mundo inteiro. Estamos tomando providências que são absolutamente necessárias, medidas duras, que impactam este setor, como o fechamento de espaços culturais, a suspensão e adiamento de programação e eventos. É importante dizer que temos essa responsabilidade e que precisamos enfrentar e usar todas as medidas possíveis para fazer com que menos pessoas se contaminem com a doença. Faz parte desse esforço, que é não é só do poder público, deve ser de toda a sociedade”, afirma o Secretário Sérgio Sá Leitão.


Estímulo econômico

Na última sexta-feira, o Governador João Doria determinou a criação de um grupo de trabalho para discussão de uma série de ações para reduzir danos, gerar estímulo e acelerar a recuperação dos setores mais impactados economicamente pelo coronavírus. A primeira reunião do grupo foi realizada dia 16 de março. “Concluímos que os setores mais atingidos pela crise do coronavírus são o da cultura e economia criativa e o do turismo. Boa parte das medidas será focada nestas áreas”, explicou o Secretário.

“Estamos tomando medidas para a manutenção da empregabilidade e das condições econômicas. Isso está sendo monitorado com muito cuidado e devemos anunciar ao longo da semana novas ações para proteger a atividade econômica, a renda e os empregos. Faremos tudo sempre de acordo com as orientações do Centro de Contingência do Coronavírus”, disse o Governador João Doria.

O setor cultural e criativo de São Paulo equivale a 3,9% do PIB do Estado. A Secretaria estima que a crise possa reduzir tal percentual em 1,7%, o que corresponde a uma perda em torno de R$ 34,5 bilhões. “Isso em função do cenário que temos hoje de duração dessa crise. As medidas tomadas agora são para diminuir esse período de efeito negativo sobre o conjunto das atividades econômicas. Esperamos que o impacto seja menor e tomaremos medidas para mitigá-lo e para estimular economicamente a arte, a cultura e a economia criativa”, destacou Sérgio.

“A arte, a cultura e a economia criativa têm um papel fundamental, não apenas na geração de renda, emprego e desenvolvimento, mas também no reforço de elos identitários e na educação dos indivíduos. Por tudo isso, é um setor estratégico que deve ser preservado, estimulado e valorizado”, completa.

O Secretário falou também sobre como amenizar o impacto psicológico da situação: “Estamos discutindo com as Organizações Sociais que gerem as instituições estaduais maneiras de manter a chama da cultura acesa, como levar a cultura de forma remota às pessoas. A cultura pode ser uma excelente companhia neste momento”.

Para as medidas de recuperação econômica do setor, Sérgio citou quatro instrumentos: “o incentivo fiscal, a exoneração tributária, o fomento com orçamento e o crédito facilitado e subsidiado via Desenvolve SP. No momento, estamos discutindo o que é possível fazer considerando a situação fiscal do Estado e o fato de que a crise do coronavírus impacta o poder público, já que a diminuição da atividade econômica é diminuição da arrecadação de impostos. Mesmo assim, temos o compromisso de apresentar medidas de estímulo à economia do Estado para mitigar os efeitos do presente e, no futuro, que esperamos que seja bem próximo, estimular a recuperação desses setores”.


Atualizado em 17 Mar 2020.

Mais notícias

Museu do Futebol volta com entrada grátis às terças-feiras; saiba tudo!

Na Cidade

Gastronomia das alturas: Dinner in the Sky confirma edição 2021 no Parque do Ibirapuera

Na Cidade

19 exposições imperdíveis em São Paulo em 2021

Na Cidade

Site do Itaú Cultural exibe pocket shows de artistas de todas as regiões do Brasil

Na Cidade

Prédio histórico do CCBB SP ganha visita teatralizada presencial e online

Na Cidade

A Rua: projeto realiza exposição online de fotografia urbana

Na Cidade
Guia da Semana Premium
Nosso conteúdo na melhor forma!

Aproveite o Guia da Semana de forma mais rápida, sem banners ou publicidade digital!