Guia da Semana
Restaurantes
Por Anna Thereza de Almeida

5 dicas para aproveitar o melhor da São Paulo Restaurant Week 2016

O Guia da Semana listou algumas dicas para te ajudar a curtir o festival gastronômico sem dor de cabeça.

O Guia da Semana listou algumas dicas para te ajudar a curtir o festival gastronômico sem dor de cabeça (Divulgação/Elvis Fernandes)

De 30 março a 19 de abril acontece a 16ª edição da São Paulo Restaurant Week, que conta com mais de 200 restaurantes participantes. Com o tema Gastronomia Saudável, os estabelecimentos criarão menus explorando a união de ingredientes frescos e naturais aplicados em um prato repleto de cores e sabores, que contemplam entrada, prato principal e sobremesa a preços fixos de R$ 37,90 + R$ 1 de doação para a Fundação Cafu, total R$ 38,90 no almoço e R$ 49,90 + R$ 1,00 de doação para a Fundação Cafu, total R$ 50,90 no jantar.

Para te ajudar a curtir o festival gastronômico sem dor de cabeça, o Guia da Semana listou cinco dicas preciosas. Confira:

1 – Escolha o restaurante certo:

O evento é uma ótima oportunidade para conhecer lugares bacanas e caros. No entanto, vale a pena analisar a lista de restaurantes participantes e os menus de cada casa. Em alguns endereços, por exemplo, os pratos propostos podem sair pelo mesmo preço cobrado no cardápio à la carte.

2 – Faça reservas:

Para evitar filas e listas de espera, nada melhor do que reservar uma mesa no restaurante escolhido. Muitos estabelecimentos até preferem que o cliente se programe. Assim, situações constrangedoras podem ser evitadas.

3 – Estude o cardápio:

O menu do festival conta com entrada, prato principal e sobremesa. Ou seja, além do prato principal, é preciso analisar os outros itens do menu. Se a entrada e a sobremesa não agradar, vale reavaliar a escolha do restaurante. Até porque, o barato pode sair caro.

4 – Esteja preparado financeiramente:

Os valores do menus são fixos: R$ 37,90 no almoço e R$ 49,90 no jantar. Porém, é preciso lembrar que os gastos extras, como bebidas, couvert, 10% de serviço e estacionamento, não estão inclusos no pacote.

5 – Não tenha vergonha de perguntar:

Essa é a principal dica do Guia da Semana para evitar situações chatas. Em alguns restaurantes, por exemplo, a água pode sair bem cara. Já em outros a bebida é cortesia. Isso também acontece com o couvert e com o estacionamento: em alguns estabelecimentos esses serviços são cortesia, mas na maioria das casas os itens são cobrados à parte.


Por Anna Thereza de Almeida

Atualizado em 28 Mar 2016.

Mais notícias

Bullguer vende sanduíche a R$10 nesta segunda-feira (22); saiba tudo!

Restaurantes

10 pratos imperdíveis com frutos do mar para provar em São Paulo

Restaurantes

Points gastronômicos em São Paulo com pratos especiais para o verão 2021

Restaurantes

Bob’s Galak com doce de leite Moça nas versões Big Cascão, Bob’s Max e Milk Shake entra no cardápio da rede por tempo limitado

Restaurantes

Com pernil fatiado, vinagrete e queijo prato, hamburgueria lança sanduíche em homenagem ao aniversário de São Paulo

Restaurantes

21 restaurantes para comemorar o Aniversário de São Paulo 2021

Restaurantes