Guia da Semana

A vantagem do café da manhã fora de casa

Não tão caro quanto se imagina, os brunchs servidos em hotéis e restaurantes conquistam a clientela pela qualidade e diversidade do cardápio.

Para começar bem: Logo pela manhã, clientes saboreiam buffet da Deli Paris



"Tempo é dinheiro", define Vivian Tanaka, gerente do Nicolas, cafeteria aberta recentemente no centro de São Paulo. Talvez por este motivo, cada vez mais pessoas optam por tomar seu café da manhã fora de casa.

Nas grandes metrópoles, o tempo que se gasta no trajeto casa, padaria, casa - e ainda na preparação do café - significa, muitas vezes, não chegar no horário no trabalho ou fazer uma refeição corrida, sem apreciar o sabor daquele delicioso pão francês quentinho com a manteiga derretendo.


Otimizar o tempo é fundamental atualmente. Desta forma, uma pausa em alguma casa especializada pode ser uma grande vantagem. "Ao comprar o pão e preparar o café, gasta-se, em média, uma hora", calcula Cristophe Besse, chef do All Seasons, restaurante que fica dentro do hotel Grand Tulipa, em SP. Os cerca de 300 clientes que recebe todos os dias chegaram à mesma conclusão: É mais prático ir de casa para o restaurante do que preparar uma refeição logo pela manhã. Além disso, segundo Besse, por um preço nada salgado, é possível provar diversos tipos de sucos, frios, diferentes sabores de geléias, além de uma grande variedade de pães. Tudo sempre muito fresquinho.

"No período da manhã, faço o café três vezes", diz. Desta forma, "o café estará sempre quente e fresco para o cliente, além de evitar que ele ´queime´". Em casa, muitas vezes, isso não é possível. O mesmo acontece com o pão. "Três horas depois que você o compra, já está murcho. No restaurante, não", afirma.

Para servir bem para servir sempre, essas casas iniciam cedo o trabalho. "As atividades na cozinha começam às 6h30", diz Vivian, do Nicolas. Já no All Sesons, alguns funcionários trabalham em período noturno para dar conta de preparar todo o buffet. Dois padeiros começam o expediente por volta das 23h. Eles são responsáveis pela preparação dos mini-pães, croaissants, bolos, crepes e outras delícias servidas na casa.



Anônimos e famosos
Fernando Jorge, Maria Fernanda Cândido, Débora Falabella, Marisa Orth e Leonardo Vieira. Não, não é o novo elenco de mais uma novela. "São alguns de nossos clientes", garante Charles Bigot, proprietário da Deli Paris, uma das primeiras casas em SP a oferecer café da manhã completo aos clientes (exceção feita às padarias).

Segundo o francês, a variedade encontrada em seu restaurante - cerca de 15 itens diferentes no buffet da semana - é o que leva tanta gente logo cedo ao estabelecimento. Além disso, o preço também é convidativo. "Nosso buffet sai por R$ 10,90. É baratinho pelo tanto de coisas que oferecemos", garante.


Entre amigos: Odilon na companhia dá também atriz Tânia Bondezan



De tanto freqüentar a Deli, o ator Odilon Vagner acabou virando freguês assíduo da casa. "Eu sou um dos clientes mais antigos. Nem me lembro desde quando venho aqui", diz enquanto aproveita as delícias oferecidas na delicatesse do já amigo Charles. O ator também lembra que o clima tranqüilo e intimista é um dos diferenciais destes estabelecimentos. "Além do cardápio variado, também tem a discrição do lugar".

"Pela qualidade excelente dos produtos", Odilon, às vezes, acaba fazendo o caminho inverso. "Costumo, também, passar lá e levar para casa pães e croaissants". Também costuma indicar o café da manhã fora de casa a amigos, geralmente outros atores. "Recomendei a Deli para a Ângela Vieira e ao Miguel Paiva. Eles ficaram alucinados com a qualidade e variedade".



Além da turma ligada à arte, outros profissionais também andam tomando o café da manhã reforçado longe de suas cozinhas. "Professores e jornalistas também costumam vir aqui", diz Charles, que ainda ressalta que se trata de um público bem variado da sociedade, pertencentes às classes A, B e C Plus.

Próxima ao centro da capital paulista, o Nicolas recebe muitos advogados. Os nobres colegas preenchem o estômago antes das duras audiências com iogurte batido, pão de queijo, croaissant. Mas, segundo a gerente da casa, a preferência ainda é pelo pão com manteiga na chapa. Em média, deixam no caixa do estabelecimento R$ 6,00. Muitos costumam ir ao local duas, três e até quatro vezes por semana.



O que NÃO tem na sua casa
Pela falta de tempo ou por uma série de outros motivos, tradicionalmente o café em casa resume-se ao tradicional pão com manteiga e café com leite. Os estabelecimentos especializados, principalmente por atenderem a diferentes tipos de público, oferecem variedade. Para beber, o cliente pode encontrar capuccinos, ovomaltine quente ou frio, chás dos mais diversos, café moka e iogurtes. No All Seasons, por ser dentro de um hotel, até um buffet japonês é servido.

Seguindo outra tendência das grandes cidades, os restaurantes que já ofereciam café da manhã passaram a contar, também, com o Brunch. "É a junção das palavras em inglês breakfeast e lunch", explica Cristophe Besse, do Seasons. Servido em um período que vai do café ao meio da tarde, sempre aos fins de semana, essas refeições contam com um cardápio ainda mais completo, até certo ponto pesado. É possível encontrar de omelete a picanha.

Para que o setor continue crescendo, é necessário "oferecer qualidade, além de fidelizar o cliente", projeta Vivian, do Nicolas. Para o dono da Deli, "o brasileiro que hoje viaja muito conheceu o que tem de bom lá fora e exige o mesmo por aqui". Por fim, para o suiço Besse, é necessário, também, que o buffet agrade quem o fez: "quando se pensa em café, precisamos, antes, pensar na gente", define.

Ficou com vontade ? Concorra a um café completo no All Seasons
Serviço
Deli Paris
Nicolas Café
All Seasons

Participe! Envie sua sugestão de matéria sobre gastronomia: sugestao@guiadasemana.com.br

Fotos: Arthur Santa Cruz

Atualizado em 7 Ago 2012.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Chef Jamie Oliver abre terceira unidade de seu restaurante no Brasil; saiba mais!

Curitiba é a casa da mais recente unidade do Jamie´s Italian

Holy Burger promove festa mexicana com pratos inspirados no país neste domingo, 27 de maio; saiba mais!

A hamburgueria vai abrir especialmente no domingo, dia 27, das 12h às 22h

Outback lança sobremesa com brownie na versão doce de leite

A famosa sobremesa Thunder ganha uma nova versão feita com doce de leite argentino

Chef de A Casa do Porco abre sorveteria no centro de São Paulo; saiba mais!

A proposta da casa é vender sorvetes softs, com ingredientes naturais e sem aditivos

Promoções imperdíveis para o Dia do Hambúrguer 2018 em São Paulo

Veja onde comer opções do lanche e comemorar esse dia pra lá de apetitoso

Taco Bell lança sobremesa recheada com chocolate KITKAT®

Mini burrito feito com o chocolate é a nova opção de sobremesa do restaurante