Guia da Semana
Restaurantes
Por Redação Guia da Semana

Gastronomia francesa em São Paulo

Saiba quais são os principais restaurantes franceses na capital paulista.

Pequeno no tamanho e grande na qualidade dos pratos. Assim é o francês Allez, Allez, que serve receitas do chef Luiz Emanuel Cerqueira, que se aventurou na profissão para felicidade de quem experimenta seu cardápio.

Bem ao estilo francês, o Aquarelle divide espaço com outro restaurante também instalado no Sofitel, o P. Verger. A casa agora funciona somente no horário do almoço em esquema de bufê com preço fixo por pessoa.

O Bistrô Vintage está sob o comando da chef Karyna Muniz, natural da cidade de Natal, no Rio Grande do Norte. Jovem, a cozinheira introduziu ingredientes bem brasileiros no cardápio até então afrancesado da casa.

A Brasserie Paulistta é o mais novo empreendimento do chef Henrique Michalany. A casa tem inspiração nas brasseries parisienses, e como manda o figurino, serve pratos tanto da tradicional quanto da atual cozinha francesa.

Desde 1935, o Freddy dedica-se à prática da culinária francesa. Até o início de 2007, esteve instalado na Praça Dom Gastão Liberal Pinto. Depois da reforma, mudou-se para a Pedroso Alvarenga, com novos ambientes e decoração.

Comandando por Benny Novak, o Ici Bistrô é o lugar ideal para conhecer alguns clássicos da culinária francesa, como o confit de pato com varénikes de mandioquinha e pinoli, e ao mesmo tempo aproveitar as criativas receitas do chef.

Inaugurado em 1954 pelo casal Roger e Fortunée Henry, o La Casserole se localiza no largo do Arouche e tem vista para o Mercado das Flores. O clima e a decoração de bistrô parisiense fazem do local um reduto de apaixonados.

Os dois endereços do Marcel são conhecidos por seus suflês. A diferença é que, depois da cisão entre os sócios iniciais, as unidades tomaram rumos diferentes. No Brooklin Novo, o cardápio permanece fiel à tradição do local.

Não por acaso, as primeiras obras do artista plástico francês Auguste Rodin foram feitas com massa de pão, na cozinha de sua mãe na Paris do século XIX. Agora Rodin empresta seu nome para o novo francês a se instalar nos Jardins.

Remontando o ambiente de um clássico café parisiense, o Ça-Va possui cozinha regional francesa e ambiente aconchegante. Sua decoração, composta por quadros de pintores famosos, dá à casa um clima chique-intimista.


Atualizado em 7 Ago 2012.

Mais notícias

11 lugares para comer fondue em São Paulo no inverno 2021

Restaurantes

Inverno 2021: onde tomar sopas em São Paulo

Restaurantes

Dia da pizza 2021: lugares para comemorar a data em São Paulo

Restaurantes

18 restaurantes em São Paulo com menu especial para o inverno 2021

Restaurantes

10 restaurantes em São Paulo com quitutes juninos

Restaurantes

Mr. Cheney lança cookie Paçoca Amor para celebrar as festas juninas; saiba tudo!

Restaurantes