Guia da Semana

Restaurante em casa

Preparar um jantar de primeira em sua casa é uma tarefa simples para quem entende do assunto. Fuja do frango queimado e conheça o trabalho dos Personal Chefs.

Foto: Tony Tripoli

O arroz com champanhe da chef Luiza Zaidan

Reunir amigos em casa para um jantar e não se preocupar com a panela queimando no fogão, enquanto você faz sala para os convidados, parece inevitável. Aliás, você já deve ter passado por essa situação. Mas reproduzir em casa aquele prato incrementado do restaurante (mesmo sem saber fritar um ovo), se tornou algo muito mais viável no seu dia-a-dia. Agradeça aos Personal Chefs, os treinadores gastronômicos que após ganharem fama na Europa, vêm fazendo sucesso entre os ignorantes culinários brasileiros.

À la carte

Descobrir o gosto de cada pessoa, criar pratos, carregar panelas e ingredientes. A rotina de um Personal Chef não é das mais fáceis. Na hora do aperto, recorrer aos profissionais da cozinha para pequenos encontros se tornou uma solução prática, já que é difícil encontrar bufês que ofereçam eventos para um número reduzido de pessoas. Sem muita dificuldade, esses especialistas conseguem transformar sua cozinha, de uma hora para outra, em um restaurante dos bons.

De acordo com a personal Luiza Zaidan, a razão da procura pelo serviço resume-se a uma questão de conveniência, para aqueles que preferem ficar longe das filas e do movimento dos restaurantes quando decidem realizar um evento. "O aspecto principal do nosso trabalho é deixar o anfitrião à vontade, para que possa se preocupar mais com seus convidados, sem precisar pensar ficar pensando em algo referente à cozinha".

Anotando o pedido

Conhecer e conversar com os clientes é outro aspecto fundamental. O objetivo é descobrir os gostos de cada um, para tudo sair impecável na hora de servir o menu. "Na maioria das vezes, eu visito o local previamente, para ver como eu posso montar a estrutura no dia, conferir os materiais, o tamanho da cozinha e o espaço que irão me disponibilizar. Assim posso levar algumas coisas semi-prontas", diz Luiza.

Foto: Tony Tripoli

O Saint Pierre com molho de maracujá pode ser preparado em sua casa

A maioria do público que solicita o serviço costumam ser donas-de-casa, durante eventos realizados em seus lares, como batizados, jantares para chefes, aniversários, casamentos e outras datas especiais. "Como fazemos um serviço totalmente personalizado, acho que isso é um atrativo a mais, já que hoje em dia, as pessoas buscam o que a inovação e principalmente exclusividade", completa a chef.

Para cada ocasião

O menu especial é elaborado de acordo com o paladar do contratante. É a partir da ocasião, (almoço, um jantar), da quantidade de pessoas e do grau de formalidade, que é traçado o perfil da festa, incluindo até a decoração do espaço, sugestões de aperitivos, tira-gostos e o modo mais apropriado de servi-los. Em menus de almoço, o cliente pode optar por pratos mais pesados, como um bobó de camarão, por exemplo. Para o jantar, ou em épocas quentes do ano, são oferecidas opções de pratos leves, como saladas, carpaccio, salmão, ou risotos.

Aprenda a fazer

Mas às vezes, em vez de dar o peixe ao homem, é melhor ensiná-lo a pescar. É o caso de Patrícia Abbondanza, que em vez de servir refeições, oferece seus serviços de chef em aulas de culinária à domicílio, aos donos da casa ou suas cozinheiras. Durante suas sessões, ela ajuda a elaborar receitas especiais para festas, até refeições triviais, sempre com um toque inovador.

Foto: Divulgação

A chef Patrícia Abbondanza ensina os clientes a incrementarem pratos do dia-a-dia 

Para acertar no tempero, antes do início do curso é realizada uma entrevista com o cliente em sua residência, para descobrir suas preferências. A partir desse levantamento, são elaboradas as aulas, de modo que os pratos aprendidos satisfaçam a todos da casa. "A conotação do curso é de aprendizado mesmo, não de montarmos tudo. Ensinamos inclusive a melhor maneira de guardar os alimentos na geladeira e armários", afirma Patrícia.

Pagando a conta

No caso de contratar um Personal Chef para um evento, os valores variam muito do tipo de prato escolhido e ficam entre R$65,00 a R$ 90,00 por pessoa, incluindo bebidas não alcoólicas. Quem preferir explorar mais a fundo no seu conhecimento gastronômico, precisa desembolsar mais um pouco. As aulas de Patrícia, por exemplo, saem por R$ 480,00, cada uma com quatro horas de duração. Segundo a chef, para não fazer feio nas panelas, o ideal é um mínimo de cinco sessões. E aí? Vai continuar pedindo pizza para seus convidados?

Atualizado em 7 Ago 2012.

Compartilhe

Comentários

Outras notícias recomendadas

Shopping Metrô Itaquera promove festival gastronômico com pratos a R$ 13,90

Festival Mundo dos Sabores vem com culinária diversificada e atrações culturais

Hamburgueria do Jabaquara faz promoção de X-Salada em dobro; confira!

Desconto no Osnir Hamburger vale às segundas e terças-feiras, a partir de março

Restaurante 100% orgânico é nova opção saudável na Vila Madalena; saiba mais!

Easy Organic Food Solutions conta com pratos e lanches para viagem

Com quitutes judaicos e blends exclusivos, Café for Fun inaugura no coração de Pinheiros

Inauguração acontece neste sábado (24)

Pipoca Doce, Choco Crisp e Cookie & Morango: KFC lança novos sabores de milk-shakes

Novidades já podem ser encontradas em todas as lojas da rede no Brasil por R$ 9,50

Outback volta com Festival de Ribs e seu hambúrguer de costela

Ribs Bloomin' Burger, Ribs Fries e Ribs Fire Bites entram para o menu de todos os restaurantes da rede no Brasil