Guia da Semana

Guia da Semana

O clube nova-iorquino Blue Note terá a sua primeira filial no hemisfério sul e chega à cidade para ocupar um espaço que ficara em branco com o fim de praticamente todas as casas de shows intimistas do Rio de Janeiro. O responsável por trazer o charme do jazz club mais respeitado do mundo é o empresário Luiz Calainho, um dos principais incentivadores do país no mercado de arte, cultura e entretenimento.

E não teria melhor momento do que esse para renovar o cenário musical carioca. Afinal, em 2017, o jazz completa 100 anos. A casa estará localizada no Complexo Lagoon, no coração da zona sul carioca e tem 790m², capacidade para 350 espectadores, 77 funcionários diretos, 89 mesas, dois bares, uma cozinha e sistema de luz e som de última geração.

A partir de agosto, o Blue Note Rio, terá shows regulares, de quarta a sábado, com dois destaques nacionais e internacionais no mês e três bandas residentes (duo, trio e quarteto), que ainda estão sendo definidas. A curadoria será compartilhada entre o próprio empresário Luiz Calainho, que tem experiência de 30 anos no mercado da música, e a produtora cultural Lu Araújo.

Durante o dia e nas noites em que não ocorrem shows, a casa se torna um centro gastronômico, sob o comando do premiado chef Pedro de Artagão, com foco no binômio artístico-empresarial com live jazzy music, o gastro-jazzy.

Mapa do local

Blue Note Rio

Endereço
Complexo Lagoon
Avenida Borges de Medeiros, 1424, Lagoa, 22430-042

Site do estabelecimento

Por Redação Guia da Semana

Atualizado em 3 Jul 2017.