Guia da Semana

Jorge Zahar

Exposição homenageia o editor Jorge Zahar.

Este evento terminou

Jorge Zahar

Data Seg 18 Ago 2008
De 16 a 24 de agosto de 2008.

Preço(s) Grátis

Horário(s) Segunda a sábado, 9h às 22h; domingo, 12h às 20h.

Av. Paulista, 2073, Sul 01311-940

Telefone (11) 3170-4033

Duas grandes mesas de madeira e vidro em formato de J e Z formam o cenário de uma exposição itinerante criada em homenagem à memória do editor Jorge Zahar, fundador da casa editorial que leva o seu nome. A mostra marca os dez anos do falecimento de do editor e celebra ainda o lançamento do primeiro livro editado pelo Prêmio Jorge Zahar.

Detalhes de sua vida e carreira estarão espalhados pelas gavetas e tampos dos móveis-esculturas. Entre os documentos, fotos com a família e amigos próximos, como o escritor Millôr Fernandes, o jornalista Paulo Francis e os editores Ênio Silveira e Luiz Schwarcz. Também estarão nas vitrines objetos pessoais como o peso de papel que decorou sua mesa de trabalho a vida inteira e o seu caderno de telefones. Este último tem seu conteúdo acessado a partir de uma engenhoca na capa, e revela na mesma página os antigos contatos de amigos como ex-presidente Fernando Henrique Cardoso - que teve seu primeiro livro editado pela Zahar - e do editor Geraldo Jordão Pereira, dono da Sextante, falecido recentemente. Os visitantes vão descobrir os gostos e as grandes paixões do editor, que acabaram influenciando algumas de suas decisões editoriais. A coleção de música clássica e francesa poderá ser ouvida em fones, assim com os poemas de autores como Pablo Neruda ou Vinicius de Moraes - os LPs de poesia declamada foram uma obsessão do editor. Uma seleção de cardápios e contas de restaurantes assinala seu lado gourmet, juntamente com as anotações que Jorge Zahar fazia para cada um deles, como a indicação de seu prato preferido servido na casa.

Ficha Técnica:
Curadoria: Cristina Zahar e Mariana Zahar
Produção Executiva: Jorge Zahar Editor e Trilha Comunicação e Conteúdo
Produção: Daniela Name, Elisa Izhaki e Suélen Brito
Cenografia: Flávio Graff
Cenotécnico: Humberto Silva
Croquis: George Bravo
Reproduções: Fernando Leite
Montagem: Ana Paula Rocha, Clarice Duque-Estrada Zahar, Daniela Name, Luciano castro, Mariana Zahar, Rossana Maurell

Compartilhe

Comentários

Notícias recomendadas

Obras do MASP agora podem ser vistas em plataforma on-line gratuita

Museu integra a partir de hoje o acervo do Google Arts & Culture

Museu do Café, em Santos, inaugura exposição gratuita sobre propaganda da bebida

A partir de 28 de dezembro, os visitantes poderão conhecer as estratégias das marcas de café de 1900 a 1959

Especial férias: MASP abre ao público em todas as segundas-feiras de Janeiro

Programação de férias disponibiliza cinco dias a mais para visitar o Museu

5 motivos para assistir ao documentário "O começo da vida" na Netflix

O filme mostra a importância dos primeiros anos de vida sob a ótica dos quatro cantos do mundo

5 hotéis ao redor do mundo que são verdadeiras obras de arte

Confira locais com acomodações incríveis, mas que têm obras como protagonistas

Evolução dos emojis ganha instalação no Museu de Arte Moderna de NY

Os primeiros emoctions, criados em 1999, também entram para a coleção MoMA